A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
36 pág.
AULA 01 ANATOMIA HUMANA - INTRODUÇÃO À ANATOMIA - UNIBRA

Pré-visualização | Página 1 de 1

ANATOMIA
Introdução à Anatomia Humana
Prof(a): Cristina Douberin
ANATOMIA
Conceito
A anatomia é a ciência que estuda a estrutura de nosso corpo macroscopicamente e microscopicamente a forma e a estrutura de modo geral do corpo humano e suas relações .
Ana- = em partes		-tomia=seccionar
ANATOMIA
NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO
ANATOMIA
Sistemas
Sistema Tegumentar
Sistema Esquelético
Sistema Muscular
Sistema Nervoso
Sistema Circulatório 
Sistema Respiratório
Sistema Digestório
Sistema Urinário
Sistema Genital
Sistema Endócrino
Normalidade
O termo normal, em medicina, significa sadio. Em anatomia, o termo normal é também utilizado para definir a estrutura mais freqüente, ou seja, que é encontrada no mais alto número ou na mais alta percentagem, estatisticamente significativo, de indivíduos da espécie humana.
Variações anatômicas
São as diferenças morfológicas, externas ou internas, entre os elementos que compõe um grupo, ou no mesmo indivíduo onde se comparam dois lados, que se apresentam sem prejuízo funcional para o indivíduo.
ANATOMIA
FATORES DE VARIAÇÃO ANATÔMICA
Idade:  número de ossos em um recém-nascido é em torno de 300. Já de um adulto jovem é de 206
Gêneros: genitálias, deposição de gordura, diferença da largura dos ombros em relação a largura do quadril
ANATOMIA
Etnia: o aparelho locomotor do afrodescendente é muito mais resistente e capaz de gerar mais força, se comparado ao de um caucasiano de mesmo biótipo
 Biótipo (são diferenças físicas, geralmente hereditárias, que podem ser alteradas por fatores ambientais)
Longilíneo;
Brevelíneo;
Mediolíneo.
BIOTIPOS 
Brevilíneo: é o indivíduo baixo e forte, com o tronco prevalecendo sobre os membros. É o tipo pícnico com seus contornos externos bem arredondados e grandes cavidades corporais. 
Longilíneo: é o indivíduo alto e magro, com os membros prevalecendo sobre o tronco. É o tipo leptossômico. 
Normilíneo: é o indivíduo atlético que mostra proporções intermediárias entre os dois tipos referidos. Apresenta o ângulo de encontro entre costelas e apêndice xifóide igual a 90º.
Anomalia x Monstruosidade
Anomalias são variações morfológicas que determinam perturbações funcionais. Por exemplo, um indivíduo pode nascer com um dedo a menos na mão direita.
Monstruosidade é uma anomalia acentuada de modo a deformar profundamente a conformação corporal do indivíduo, sendo, em geral, incompatível com a vida: por exemplo, a agenesia (não formação) do encéfalo.
ANATOMIA
Divisão do Corpo Humano
ANATOMIA
Posição Anatômica
Na anatomia, existe uma convenção internacional de que as descrições do corpo humano assumem que o corpo esteja em uma posição específica, chamada de posição anatômica. 
Nesta posição o indivíduo está em pé (posição ortostática ou bípede) com a face voltada para frente e em posição horizontal, de frente para o observador, com os membros superiores estendidos paralelos ao tronco e com as palmas voltadas para frente, membros inferiores unidos (calcanhares unidos), com os dedos dos pés voltados para frente. 
ANATOMIA
Planos de delimitação
Ventral ou anterior
Dorsal ou posterior
Lateral direito, lateral esquerdo
Cranial ou superior
Podálico ou inferior
ANATOMIA
Eixos
Linhas imaginárias que ligam os planos de delimitação. 
Longitudinal (súpero-inferior) 
Sagital (ântero-posterior)
Transverso (látero-lateral)
O deslocamento desses eixos dará origem aos planos de secção.
ANATOMIA
Planos de secção
Sagital – direito e esquerdo
Frontal ou coronal – anterior e posterior
Horizontal – superior e inferior
ANATOMIA
Anterior / Ventral / Frontal: na direção da frente do corpo. 
Posterior / Dorsal: na direção das costas (traseiro). 
Superior / Cranial: na direção da parte superior do corpo. 
Inferior / Caudal: na direção da parte inferior do corpo. 
Termos de Relação:
ANATOMIA
Medial: mais próximo do plano sagital mediano (linha sagital mediana). 
Lateral: mais afastado do plano sagital mediano (linha sagital mediana). 
Proximal: próximo da raiz do membro. Na direção do tronco. 
Distal: afastado da raiz do membro. Longe do tronco ou do ponto de inserção. 
Termos de movimento 
Flexão => curvatura ou diminuição do ângulo entre os ossos ou partes do corpo. 
Extensão => endireitar ou aumentar o ângulo entre os ossos ou partes do corpo. 
Abdução: Movimento que se afasta da mediana em um plano coronal
Adução: movimento na direção do plano mediano em um plano coronal.
Termos de movimento 
Pronação => movimento do antebraço e mão que gira o rádio medialmente em torno de seu eixo longitudinal de modo que a palma da mão posiciona-se posteriormente. 
Supinação => movimento do antebraço e mão que gira o rádio lateralmente em torno de seu eixo longitudinal de modo que a palma da mão posiciona-se anteriormente. 
Termos de movimento 
Palmar ou volar => face anterior da mão. A face posterior das mãos é chamada dorsal.
Plantar => face inferior do pé. A face superior dos pés é chamada dorsal. 
Aferente e eferente => indicam direção e são usados em anatomia para vasos e nervos. Aferente indica da periferia para o centro e eferente indica do centro para a periferia. 
Outros termos
 
CAVIDADES DO CORPO 
São espaços dentro do corpo que contêm, protegem, separam e sustentam os órgãos internos. A figura mostra as principais cavidades corporais: 
A cavidade do crânio é formada pelos ossos cranianos e contém o encefálo.
 O canal vertebral é formado pelos ossos da coluna vertebral e contém a medula espinhal.
 
A cavidade torácica é a cavidade do tórax, e dentro dela encontram-se três cavidades menores: cavidade do pericárido (espaço preenchido por líquido que circunda o coração) e duas cavidades pleurais (cada uma envolvendo um pulmão e com pequena quantidade de líquido). 
Na porção central da cavidade torácica há uma região denominada de mediastino, encontra-se entre os pulmões e estendendo-se do esterno à coluna vertebral e da primeira costela ao diafragma. O diafragma é um músculo que possibilita a respiração e separa a cavidade torácica da cavidade abdominopélvica. 
A cavidade abdominopélvica estende-se do diafragma a região iguinal. Essa cavidade é subdividida em outras duas: cavidade abdominal (porção superior que contém o estômago, baço, fígado, vesícula biliar, intestino delgado e a maior parte do intestino grosso) e cavidade pélvica (porção inferior que contém bexiga urinária, menor parte do intestino grosso e órgãos internos do sistema genital), esses órgãos são denominados de vísceras. 
As vísceras são recobertas por uma membrana denominada membrana serosa. 
A membrana serosa da cavidade pleural é a pleura, da cavidade do pericárdio é o pericárdio e da cavidade abdominal é o peritônio. 
OBRIGADA!!
ANATOMIA