A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
CIF

Pré-visualização | Página 1 de 1

CIF
· Fatores pessoais 
Os fatores pessoais influenciam diretamente na vida do paciente, pois podem interferir como facilitador ou limitador das atividades de vida diária. 
· Diagnóstico Clínico (doença ou condição de saúde)
O diagnóstico clinico por outro lado, não é objetivo do fisioterapeuta, visto que apenas o médico pode dar o laudo da condição de saúde do paciente. 
· Estruturas e Funções do Corpo
As funções e estruturas do corpo segundo a CIF levam em consideração as funções fisiológicas dos sistemas orgânicos (incluindo as funções psicológicas) e as deficiências, que são definidas como problemas nas funções ou estruturas do corpo, tais como um desvio importante ou uma perda. 
São classificadas da seguinte forma:
xxx.0 NENHUMA deficiência (nenhuma, ausente, escassa,…) 0-4 % xxx.1 Deficiência LIGEIRA (leve, pequena,…) 5-24 % xxx.2 Deficiência MODERADA (média,…) 25-49 % xxx.3 Deficiência GRAVE (grande, extrema,…) 50-95 % xxx.4 Deficiência COMPLETA (total,…) 96-100 % xxx.8 não especificada xxx.9 não aplicável
· Atividade e participação Social
As atividades e a participação social tem como definição pela CIF a execução de uma tarefa ou ação por um indivíduo e o envolvimento do indivíduo numa situação na vida real.
 Isso significa que os classificadores desse tópico se dão por:
Desempenho que descreve o que um indivíduo faz no seu ambiente habitual. Capacidade descreve a capacidade de um indivíduo de executar uma tarefa ou ação. Este qualificador identifica o nível máximo provável de funcionamento que a pessoa pode atingir num domínio específico num dado momento.
· Fatores Ambientais
Segundo a CIF, os fatores ambientais constituem o ambiente físico, social e atitudinal em que as pessoas vivem e conduzem sua vida. Na fisioterapia, os fatores ambientais têm extrema importância na realização dos exercícios previstos no plano terapêutico e consequentemente na evolução do paciente em determinada atividade e diagnóstico.