A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Tratamento de infecções e resistência bacteriana

Pré-visualização | Página 1 de 1

~ 1 ~ 
 Bacteriostáticos: impede a reprodução/propagação. 
 Bactericidas: matam. 
 Toxicidade seletiva: saber quem atacar / não atacar células do hospedeiro. 
 Espectro de ação: diferentes grupos de bactérias. 
 Natural: característica da espécie ou grupo. 
 Adquirida: somente parte da espécie é resistente (mutações cromossômicas; aquisição de genes de 
resistência). 
 Parede celular 
 Membrana plasmática 
 Síntese de proteínas 
 Ácidos nucléicos 
 Síntese de metabólitos 
 
 Inativação enzimática da droga 
 Modificação do alvo 
 Impermeabilidade à droga 
 Modificação da droga 
 Efluxo da droga 
 
~ 2 ~ 
Β-lactâmicos 
 Núcleo básico comum (anel β-lactâmico) 
 Penicilinas:
 
 Cefalosporinas: 
 1ª geração - ex: cefalexina, cefalotina, etc 
 2ª geração - ex: cefaclor, cefoxitina, etc 
 3ª geração - ex: ceftriaxona, ceftazidima, etc 
 4ª geração - ex: cefepima 
 Monobactâmicos: 
 ex: aztreonam 
 Carbapenens: 
 Imipenem 
 Meropenem 
 Ertapenem 
 Etc; 
β
β
Ex: Produção de penicilinase, Cefalosporinase e ESBL(extended-spectrum B-lactamases), 
Carbapenemases. 
Como os β-lactâmicos agem? 
 Ligam-se as PBP (protein binding penicillin) 
bacterianas, presentes na membrana, impedindo a 
síntese da parede celular. 
 Bactericida 
~ 3 ~ 
Ex: Modificação da PBP por mutação (Ex: S.pneumoniae) 
Ex: Aquisição de um gene para uma nova PBP (mecA) 
Ex: MRSA (S. aureus resistentes à oxacilina) 
Ex: Mutação em genes de porinas da membrana externa; 
: 
Ex: Bacitracina (tópico) 
Ex: Polimixina (uso restrito por ser nefrotóxico) 
Se inserem na parte lipídica da membrana, provocando a desorganização da membrana. 
Resistência: alteração de porinas, impedindo a entrada do antibiótico. 
 
 Produção de enzimas que modificam a droga: 
-Fosfo-transferase (fosforila a droga) 
-Adenil-transferase (adenila a droga) 
-Acetil-transferase (acetila a droga) 
 Alteração da permeabilidade da membrana externa; 
 Modificação do alvo (proteína ribossomal); 
~ 4 ~ 
Ex: Fluoroquinolonas (ciprofloxacina, norfloxacina, ofloxacina, etc) 
Ação: Inibe a DNA girase 
Resistência: alteração do alvo (mutação no gene da DNA girase)
Ex: Sulfametaxazoltrimetoprim 
 
Resistência: -Alteração da permeabilidade; Mudança na afinidade das enzimas; Superprodução de PABA.