A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
16 pág.
Aula 08 - Matriz extracelular as proteínas da matriz

Pré-visualização | Página 4 de 4

das moléculas de elastina.
• O colágeno confere ao tecido resistência à tensão e a elastina confere 
ao tecido elasticidade, isto é, após sofrer a tensão ele pode se distender 
e voltar à forma original.
• A fi bronectina é uma proteína dimérica que possui sítios de reconhecimento 
para várias moléculas: colágeno, integrinas, outras fi bronectinas, heparina.
• A lâmina basal é um tipo especial de matriz, secretada pelas células que 
sobre ela se apóiam. As proteínas mais características da membrana basal são 
o colágeno tipo IV, formador de redes, a laminina, proteína trimérica que se 
liga a integrinas, e o colágeno do tipo VII, que faz pontes entre a lâmina basal 
e a matriz abaixo dela.
• A lâmina basal determina a polaridade celular, infl uencia o metabolismo 
celular e organiza proteínas em membranas plasmáticas adjacentes, atuando na 
migração e diferenciação celular.
BIOLOGIA CELULAR II | Matriz extracelular: as proteínas da matriz
CEDERJ134
EXERCÍCIOS
1. Quais as principais proteínas encontradas na matriz extracelular?
2. Qual a principal característica estrutural dos colágenos?
3. Como se dividem os colágenos?
4. Por que as fi brilas colágenas não se associam ainda dentro da célula?
5. Como é a molécula de elastina? Como são suas redes?
6. Qual o papel do colágeno e da elastina?
7. Qual a importância da fi bronectina?
8. O que é a lâmina ou membrana basal?
9. Além do papel estrutural, qual a importância da lâmina basal?