A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
202 pág.
livro

Pré-visualização | Página 4 de 44

seja para 
estocar ou para consumir imediatamente.
Em relação à evolução da área de armazenagem podemos destacar: o 
reconhecimento da área pelos empresários, melhores condições de trabalho, pessoal mais 
qualificado, treinamentos e oportunidade de crescimento profissional.
Já a importância da armazenagem para as empresas pode ser vista na 
necessidade da busca constante de todas as empresas em reduzir os custos, onde a 
área de armazenagem pode contribuir em muito e tem fundamental importância.
Hoje, o empresário está ciente e cauteloso em relação à área de armazenagem, 
pois sabe que este setor é responsável por uma grande concentração de valor, que 
pode refletir diretamente na saúde financeira da empresa.
 Em outras palavras: “estoque parado é dinheiro parado”, que poderia ser 
investido em máquinas, equipamentos, mercado financeiro ou outras áreas. Isso 
sem contar que muitas vezes a empresa pode estar com falta de dinheiro para 
honrar os seus compromissos e tem que buscar dinheiro em bancos, pagando altos 
juros e ao mesmo tempo trabalha com estoques altos, cujos fornecedores estão 
perto da empresa e seu tempo de reposição é de dois a cinco dias. 
Exemplos de como a área de armazenagem pode reduzir custos, fazendo 
com que a empresa se torne mais competitiva no mercado, podemos destacar:
NOTA
TÓPICO 1 | DIMENSIONAMENTO E ORGANIZAÇÃO DE UM ARMAZÉM DE CARGAS (TERMINAL DE CARGAS)
7
A importância da área de armazenagem pode ser vista como um dos setores 
que mais consegue “reduzir custos” para a empresa, tornando assim seu produto mais 
competitivo no mercado.
• trabalhar com baixos estoques;
• entregas parceladas;
• não ter muito estoque obsoleto;
• identificar o material obsoleto e buscar uma alternativa como:
- provocar o consumo;
- trocar o produto com outro de consumo com o fornecedor;
- vender;
- fazer uma doação.
• não ter estoque vencido;
• buscar treinamento aos colaboradores desta área;
• melhores condições de trabalho;
• a busca de pessoas qualificadas para trabalhar nesta área;
• salários melhores e oportunidade profissional;
• comprar e estocar estritamente o necessário;
• comprar em lotes econômicos;
• evitar compras repetitivas;
• evitar compras urgentes;
• manter um alto giro do estoque;
• armazenar de forma correta, facilitando a sua contagem e apanho;
• buscar a acuracidade dos estoques;
• PEPS – primeiro que entra, primeiro que sai;
• fazer inventários periódicos e auditorias.
Assim, entende-se que é fundamental a viabilização na redução dos preços 
dos produtos, seja por meios de compras em lotes econômicos, seja através da 
redução de custos financeiros das operações. Desta forma, a constante busca pela 
redução de custos passou a ser parâmetro para a obtenção de competitividade em 
um cenário de comércio internacional cada vez mais competitivo.
Nos dias atuais, entendemos que a armazenagem é de fundamental 
importância para as empresas, visto que é ali que se concentra um valor expressivo 
de materiais/produtos de vital importância para a produção, que são considerados 
“críticos”, ou seja, são específicos para a empresa, importados ou de fornecedores 
exclusivos, onde a sua reposição é demorada e na sua falta, a produção irá parar. 
Desta forma, a produção não irá entregar o pedido no prazo combinado ao cliente, 
o que o tornará insatisfeito. 
NOTA
UNIDADE 1 ORGANIZAÇÃO DO ARMAZÉM DE CARGA
8
Rodrigues (2007, p.15) destaca que, considerando que o comércio 
internacional usufrui de muitos conhecimentos e de um grande leque de 
legislação em constantes mudanças, procedimentos operacionais diversificados, 
além da necessidade de coordenação entre as diversas fases do processo, a 
tendência moderna é a terceirização do processo, para empresas especializadas 
em procedimentos logísticos.
As operações de armazenagem não fogem à regra. Vem cada vez mais 
adquirindo importância fundamental, não apenas para equilibrar a produção 
com a demanda, mas, sobretudo, para garantir e dar continuidade à cadeia de 
suprimentos, agregando valor na oferta de serviços diferenciados aos clientes, 
como a eliminação de avarias, registros confiáveis, acesso on-line, rastreamento via 
satélite, entre outros serviços.
No entanto, a redução dos custos só é efetivamente obtida na terceirização 
como resultado da otimização das funções de aquisição, transporte, armazenagem, 
gerenciamento dos estoques, distribuição física e informação eletrônica, de forma 
a eliminar todas as ociosidades que existem. Outro fator que deve ser muito bem 
administrado é o acompanhamento sobre os terceirizados, no sentido de manter o 
controle de qualidade sobre o processo.
A informação em tempo real também é desejada por qualquer cliente, como 
ter visibilidade para um pedido, uma vez ele lançado no sistema, o administrador 
possa ser capaz de rastrear esta informação instantaneamente.
A importância da armazenagem é levar soluções para os problemas de 
estocagem de materiais que possibilitam uma melhor interação entre suprimento, produção 
e distribuição.
NOTA
TÓPICO 1 | DIMENSIONAMENTO E ORGANIZAÇÃO DE UM ARMAZÉM DE CARGAS (TERMINAL DE CARGAS)
9
Por que armazenar? 
Razões para armazenagem:
• Razões Econômicas:
- economias de operações de consolidação e desmembramento;
- economias de transporte;
- economias de produção referente a lotes econômicos;
- descontos nas quantidades adquiridas e nas taxas de transporte;
- economias na redução dos níveis de risco e de estoques.
• De serviços:
- manter uma origem de oferta;
- cobrir diferenças de tempo e espaço entre produtores e consumidores;
- atender as oscilações do mercado;
- atender dentro das políticas estabelecidas como (entrega em 24 horas).
• Dos objetivos de Planejamento de Operações de Armazenagem temos:
- dimensionar as instalações e área de forma eficaz em todas as dimensões;
- minimizar os custos operacionais de armazenagem, mantendo o nível de serviço e 
atendimento adequado e desejado pelo cliente;
- especificar equipamentos e sistemas no contexto planejado;
- maximizar a utilização efetiva do espaço no armazém;
- otimizar os fluxos físicos e de informações;
- prover flexibilidade.
Uma boa gestão na área de armazenagem se faz necessária nos dias de 
hoje, pois é conhecido que é nesta área que se pode perder muito dinheiro, como 
também ganhar muito dinheiro.
Basta estocarmos algo em grande quantidade, sem necessidade imediata, 
podendo o produto ficar parado por meses ou anos, ocupando espaço, se deteriorar 
ou deixando de ser usado, sendo substituído por outro produto de melhor 
qualidade e até mais barato.
A boa gestão se confirma em ter cautela no que realmente é necessário 
estocar e em qual quantidade. Ter controles de históricos de estoques e consumos, 
verificar o giro dos produtos e a sua importância em valor dentro de uma curva 
A, B, C.
Outro fator importante em uma boa Gestão na área de Armazenagem é 
contar com um profissional que tenha experiência na área, conhecimento, que esteja 
atualizado e comprometido com os objetivos da empresa. Desta maneira, poderá 
3 GESTÃO DE ARMAZENAGEM
NOTA
UNIDADE 1 ORGANIZAÇÃO DO ARMAZÉM DE CARGA
10
Em toda a gestão na área de Armazenagem, é fundamental que o gestor tenha 
um bom software, conhecimento e experiência na área e uma boa equipe de colaboradores.
Entende-se que para muitos materiais não existe a necessidade de ter alto 
estoque, em função de que este material pode ser adquirido facilmente em vários 
fornecedores, ou do fornecedor estar perto do cliente.
Se quisermos administrar as operações de armazenagem de forma 
profissional e correta, o ponto inicial consiste em entender e analisar as necessidades 
dos clientes, como são os seus processos industriais, de que tipo de armazenagem 
tem necessidade e em que circunstâncias as operações se juntam com os demais 
pontos da cadeia de transporte e distribuição física.
Devemos estar atentos, pois antes de chegar ao processo de distribuição 
física no mercado interno, todas as mercadorias em trânsito passam

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.