A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
Tópicos de Atuação Profissional - Pedagogia

Pré-visualização | Página 1 de 1

Tópicos de Atuação Profissional – Pedagogia- prova- unip
A pedagogia hospitalar encontra amparo legal para ser exercida. Que documento(s) oferece(m) esse suporte?
Escolha uma opção:
a. Apenas a LDBEN, de 1996.
b. Exclusivamente a Constituição Federal de 1988.
c. Somente o ECA, de 1990.
d. Somente a Resolução 41, de 1995, e DNE de 11/09/2001.
e. Todas as alternativas citadas acima estão corretas.
A teoria da profissão, liberta da ampla generalização, poderia desenvolver meios mais apropriados de compreender e interpretar o que é concebido como fenômeno:
Escolha uma opção:
a. NDA
b. Que ainda não existe no Brasil
c. Estável, sem mudanças
d. Concreto, mutável, histórico e nacional
e. Suposto, ilusório e irreal
Conforme foi visto no livro-texto, o conceito de cultura é um dos pontos-chave para entender como se dá a educação. Assim, podemos dizer que cultura é... 
Escolha uma opção:
a. todo o conjunto de conhecimentos, hábitos, saberes, crenças que construímos e conhecemos ao longo da vida; em outras palavras, tudo aquilo que não nasceu conosco.
b. um conceito complexo, por ser oriundo de diversas camadas e manifestações, populares ou não.
c. aquela informação que resulta dos meios de comunicação de massa.
d. o conhecimento, a chave ou o instrumento de poder e dominação. 
e. a produção elaborada, acadêmica, focada em sistemas educacionais, especialmente nas universidades.
A tortura na idade medieval era uma prática comum, tendo em vista que o Estado e a Igreja caminhavam muito próximos, e toda forma de poder era validada e justificada pela religião, pois se acreditava numa única forma de criação do mundo. Essa corrente de pensamento dava crédito à origem do homem e à criação das coisas presentes no mundo pela...
Escolha uma opção:
a. concepção teórica acerca das diferenças culturais. 
b. adaptação da teoria do evolucionismo e por uma transferência de contextos biológicos.
c. explicação religiosa, cujas teorias dogmáticas colocavam as respostas em Deus.
d. linha evolutiva, que considerava os povos europeus como mais avançados.
e. evolução biológica da natureza.
A década de 1960 representou uma época de mudança nos textos sociológicos, cujos autores passaram a negar a neutralidade e enfocar a influência política das profissões na relação das profissões com as elites econômicas e políticas e com o Estado, e na relação das profissões com o mercado e o sistema de classes. Ao analisar estudos efetuados sobre a organização docente no Brasil, Vianna (2001) observa que somente após 1980 o assunto começou a adquirir visibilidade na produção acadêmica. Esses estudos foram divididos em dois blocos temáticos:
Escolha uma opção:
a. O primeiro com foco na consciência política e no pertencimento de classe, destacando que a capacidade de mobilização da categoria possui estudos datados a partir de 1981. O segundo surgiu apenas em 1992 e aborda a organização docente sob a ótica da crise, ressaltando as dificuldades enfrentadas por associações e sindicatos da categoria
b. Apenas os blocos de profissões não regulamentadas
c. NDA
d. Apenas o conceito de profissão
e. O senso comum e o científico
A sociedade de hoje é pedagógica. Esta afirmação pode ser justificada por que tipo de argumentos?Assinale a alternativa correta. 
Escolha uma opção:
a. O objetivo maior perseguido pela educação social pode sintetizar-se como uma contribuição para que o indivíduo se exclua no meio social, dispensando sua capacidade crítica para melhorá-lo e transformá-lo.
b. Um dos grandes problemas da educação encontra-se na grande desvalorização da educação por parte da sociedade.
c. A Pedagogia Social tem a intenção de aliar a pedagogia com a sociologia.
d. Há muito mais educação fora do que dentro do sistema escolar. Essa noção é reforçada quando nos lembramos do objetivo da educação “ao longo da vida”, de Jacques Delors.
e. A Pedagogia Social não encoraja os grupos e as comunidades marginalizados a construir alianças políticas entre si.
A foto abaixo é de um educador de renome internacional, representante das concepções defendidas na pedagogia social. Foi Secretário de Educação do Município de São Paulo em 1989, na gestão da então prefeita Luiza Erundina. Seu nome é:1
Escolha uma opção:
a. Professor Paulo Padilha.
b. Professor Jacques Delors.
c. Professor Paulo Freire.
d. Professor Moacir Gadotti.
e. Professor Mario Sergio Cortella.
Complete a frase abaixo assinalando a alternativa que faz uma reflexão sobre a pedagogia hospitalar. As classes hospitalares são uma realidade, mas... 
Escolha uma opção:
a. o trabalho lúdico, embora importante, não é necessário, afinal, a criança está no hospital para se tratar, não para estudar. 
b. ainda é difícil perceber e identificar o surgimento desses novos espaços educativos.
c. a primeira necessidade que surge na ação docente é a mudança de paradigma.
d. a pedagogia hospitalar pode ser desenvolvida por qualquer profissional da saúde ou da educação.
e. não é certo que os hospitais públicos passem a incorporar projetos de escolarização hospitalar.
A característica de formação e qualificação, historicamente, tem aproximado a atividade de trabalho ao conceito de:
Escolha uma opção:
a. NDA
b. Ocupação
c. Ofício
d. Profissão
e. Trabalho
Diante da isenção do Estado neoliberal em relação às políticas públicas, especialmente na área da educação, constatou-se a precariedade do atendimento educacional das camadas populares, que no século passado e no atual cresceram consideravelmente devido ao desemprego estrutural resultante das inovações tecnológicas que foram sendo introduzidas nas estruturas produtivas e de trabalho. Com relação à educação, notam-se iniciativas de ONGs com o intuito de desenvolver políticas compensatórias de formação dos excluídos que compõem as classes populares, visando oferecer-lhes alternativas de reinserção ou de inclusão social. Nos anos 1990, a atuação dessas ONGs deu suporte a um projeto de educação no Brasil conhecido como: 
Escolha uma opção:
a. Projeto de educação social.
b. Projeto de educação não formal.
c. Projeto de educação formal.
d. Projeto de educação informal.
e. Projeto de educação popular.