Plano de aula 4 resposta (ciencia politica)
1 pág.

Plano de aula 4 resposta (ciencia politica)

Disciplina:Ciência Política14.297 materiais381.577 seguidores
Pré-visualização1 página
Caso concreto 4

 Para Weber, o Estado era uma comunidade humana que pretende, com êxito, o monopólio do uso legítimo da força física dentro de um determinado território. Certamente a força não é o meio normal, nem o único, do Estado, mas um meio específico ao Estado. Com isso, ele reafirma sua concepção realista da política (leva em conta o Estado como é e não como deve ser); o Monopólio da força (poder de coerção) é uma condição necessária, mas não suficiente à existência do Estado.
 O Estado pode renunciar ao monopólio do poder ideológico (separação entre Igreja e Estado, renúncia pelo Estado à imposição de uma fé ou ideologia, e o reconhecimento do direito à liberdade de religião e opinião).
 Pode também renunciar ao monopólio do poder econômico, expressando o reconhecimento da liberdade dos empreendimentos econômicos que caracterizam o Estado liberal (laissez-faire). Mas não pode renunciar ao poder de coerção sem deixar de ser um Estado. Esta coerção deve ser legitimada.
 Desta forma, como as instituições que o precederam, o Estado é uma relação de homens dominando homens, relação mantida por meio da violência legítima. Para que o Estado exista é necessário que os dominados se submetam a quem está no poder, deixando implícito que só um poder legítimo está destinado a perdurar no tempo, e só um poder duradouro pode constituir um Estado.