Buscar

É considerado do ponto de vista da quantidade. Kant encara sob o ângulo da segunda categoria o gosto e a Beleza, a fim de mostrar que esta última é...

É considerado do ponto de vista da quantidade. Kant encara sob o ângulo da segunda categoria o gosto e a Beleza, a fim de mostrar que esta última é representada “sem conceito” como “objeto de uma satisfação necessária” e que o gosto possui um sentimento de prazer, é um juízo, só faltando saber-se qual precede o outro. Definição do Belo deduzida do segundo momento; “É Belo aquilo que agrada universalmente sem conceito”. Estamos falando de:?

 Primeiro Momento do Juízo do Gosto

 Segundo Momento do Juízo do Gosto

 Quarta Momento do Juízo do Gosto

 Terceiro Momento do Juízo do Gosto

💡 1 Resposta

User badge image

Ed Verified user icon

Estamos falando do Segundo Momento do Juízo do Gosto, em que Kant define o Belo como aquilo que agrada universalmente sem conceito. Nesse momento, Kant encara sob o ângulo da segunda categoria o gosto e a Beleza, a fim de mostrar que esta última é representada “sem conceito” como “objeto de uma satisfação necessária” e que o gosto possui um sentimento de prazer, é um juízo, só faltando saber-se qual precede o outro.

0
Dislike0

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis


✏️ Responder

SetasNegritoItálicoSublinhadoTachadoCitaçãoCódigoLista numeradaLista com marcadoresSubscritoSobrescritoDiminuir recuoAumentar recuoCor da fonteCor de fundoAlinhamentoLimparInserir linkImagemFórmula

Para escrever sua resposta aqui, entre ou crie uma conta.

User badge image

Materiais relacionados

Materiais recentes

16 pág.
4 pág.
11 pág.
CIÊNCIAS

Colegio Militar Tiradentes

User badge image

liraribeirogiovana

Perguntas Recentes