A maior rede de estudos do Brasil

Qual a posição da ciencia politica no direito positivo?

Estabelecer relaçao entre a ciencia politica e o direito positivo, de que forma estão atreladas?


2 resposta(s)

User badge image

Lyra

Há mais de um mês

Niklas Luhman criou a teoria dos sistemas. Para ele a política é um sistema e o direito é outro sistema. Nessa teoria cada sistema é autopoietico (cada sistema funciona sozinho muito bem obrigado). Nessa teoria quando um sistema quer influenciar o outro ocorre uma fenomeno que ele batizou de irritação. Assim, para ele cada sistema deve se autosatisfazer. Porém, no que concerne ao direito e a política, ele fala que há um acoplamento entre ambos na Constituição FEderal. Canotilho diz que a constituição é a teoria normativa da política. Assim, a constituição pode ser entendida como a normatização jurídica das relações de poder (= política). consluão: a Cf é um elo entre essas suas ciências.

Niklas Luhman criou a teoria dos sistemas. Para ele a política é um sistema e o direito é outro sistema. Nessa teoria cada sistema é autopoietico (cada sistema funciona sozinho muito bem obrigado). Nessa teoria quando um sistema quer influenciar o outro ocorre uma fenomeno que ele batizou de irritação. Assim, para ele cada sistema deve se autosatisfazer. Porém, no que concerne ao direito e a política, ele fala que há um acoplamento entre ambos na Constituição FEderal. Canotilho diz que a constituição é a teoria normativa da política. Assim, a constituição pode ser entendida como a normatização jurídica das relações de poder (= política). consluão: a Cf é um elo entre essas suas ciências.

User badge image

Ana

Há mais de um mês

Ciência politica e direito positivo "batem de frente", são posições opostas, uma vez que a idéia do postivismo é excluir qualquer outro tipo de conhecimento que não seja juridico da 'ciência do direito", entre eles a ciencia politica, valores morais, etc.

Assim,na relação entre ciência jurídica e a política,o direito positivo busca pela rigorosa separação entre elas, pela renúncia ao costume de, apelando a uma suposta objetividade, advogar postulados políticos de interesse subjetivo, fugindo aos ditames da lei.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes