A maior rede de estudos do Brasil

O que é a NOVAÇÃO e CONFUSÃO no Direito Tributário?

Tributário 

2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

DLRV Advogados Verified user icon

Há mais de um mês

Ambas são formas de extinção do crédito tributário. 

Ocorre novação quando há mudança de objeto: o devedor contrai nova dívida com o credor, que substitui a anterior.

A novação não está no rol do CTN, mas algumas doutrinas enxergam no parcelamento uma espécie de novação (a obrigação tributária seria extinta e substituída por uma outra dívida parcelada).

Ricardo Alexandre discorda, porque o parcelamento é uma forma de suspensão do crédito tributário, e não de extinção.

Para o STF (ADI 2405-MC/RS), é possível à lei local estipular novas formas de extinção do crédito tributário, não sendo impossivel a criação de nova hipótese de extinção pela novação.

Já na confusão, o credor e o devedor são a mesma pessoa e, consequentemente, a obrigação se extingue.

A confusão não está no rol do CTN , embora o STJ já tenha declarado extinto, por confusão, o crédito tributário.

Ex.: a desapropriação indireta praticada por um Município que é, ao mesmo tempo, sujeito ativo do IPTU (AgRg 117.895/MG).

 

Ambas são formas de extinção do crédito tributário. 

Ocorre novação quando há mudança de objeto: o devedor contrai nova dívida com o credor, que substitui a anterior.

A novação não está no rol do CTN, mas algumas doutrinas enxergam no parcelamento uma espécie de novação (a obrigação tributária seria extinta e substituída por uma outra dívida parcelada).

Ricardo Alexandre discorda, porque o parcelamento é uma forma de suspensão do crédito tributário, e não de extinção.

Para o STF (ADI 2405-MC/RS), é possível à lei local estipular novas formas de extinção do crédito tributário, não sendo impossivel a criação de nova hipótese de extinção pela novação.

Já na confusão, o credor e o devedor são a mesma pessoa e, consequentemente, a obrigação se extingue.

A confusão não está no rol do CTN , embora o STJ já tenha declarado extinto, por confusão, o crédito tributário.

Ex.: a desapropriação indireta praticada por um Município que é, ao mesmo tempo, sujeito ativo do IPTU (AgRg 117.895/MG).

 

User badge image

Samara

Há mais de um mês

A NOVAÇÃO

Art. 360 e seguintes

            Esta espécie de adimplemento traz consigo a criação de um novo contrato, cumprindo uma obrigação anterior não satisfeita e válida. Este novo contrato deve fazer referência a na finalidade da extinção do anterior. Para esta extinção, o novo contrato deve ter como novos elementos o objeto e as partes. (por mais que não seja previsto por lei, é possível a novação mista, em que o objeto e as partes mudem). Necessidade de aparecer tácita ou expressamente, oanimus novandi.

Elemento Partes

Devedor: novação subjetiva passiva (diferente de assunção de dívida). Se a parte anterior quiser extinguir suas obrigações no novo contrato delegar o novo devedor a ser inserido, então este tipo de novação se denominará novação subjetiva passiva delegada. A novação por substituição do devedor  sem que o novo devedor tenha sido indicado pelo anterior, denomina-se então como novação subjetiva passiva por expromissão.

Credor: novação subjetiva ativa (diferente de cessão de crédito).

            No novo contrato, os devedores que não anuírem ficam extintos das obrigações desta novação, visto que o contrato anterior ter-se-á resolvido.

DA CONFUSÃO

            O indivíduo possui uma dívida e o título de crédito, ou seja, é devedor e credo ao mesmo tempo. Ex.: filho que contrai empréstimo com o pai e este falece. Logo, o filho receberá a herança, e por suposição a dívida, extinguindo-se a obrigação desta.

- A confusão pode se decorrer de Causa Mortis, Inter vivos, Total e Parcial.

REMISSÃO DAS DÍVIDAS (perdão)

(Diferente de Remição das Dívidas, a qual é caracterizada no processo de execução).

- Ato jurídico stricto senso e de caráter enunciativo.

* Sujeito capaz, vontade livre e concordância do devedor.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas