A maior rede de estudos do Brasil

Se a síntese de ácidos graxos necessita de moléculas de Acetil-CoA para ocorrer...

Como é possível que ela ocorra no citoplasma das células uma vez que as moléculas de Acetil-CoA usadas na síntese de ácidos graxos encontram-se na matriz mitocondrial?


Ainda não temos resposta. Você sabe responder?

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

A síntese de ácidos graxos ocorre no CITOPLASMA das células, preferencialmente no fígado, tecido adiposo e glandulas mamarias. A síntese de ácidos graxos é sujeita a diversos mecanismos de controle, mas ocorre invariavelmente, quando a carga energética celular é alta (ATP/ADP alta).  As vias anabólicas para produção de lipídios consomem, além de ATP, NADPH (agente redutor). Ao contrário do que ocorre com os carboidratos, não há vias em comum com o catabolismo - neste caso b-oxidação. Além dos intermediários e enzimas, também o compartimento celular é diferente: no citosol e retículo endoplasmático liso (e não na mitocôndria). Ocorre preferencialmente no fígado e em pequena proporção nos adipócitos. O primeiro intermediário da via é o Malonil-CoA, sintetizado a partir de Acetil-CoA e gás carbônico com gasto de ATP. O responsável é um complexo enzimático - Acetil-CoA carboxilase. A síntese propriamente dita ocorrerá em ciclos, à semelhança da b-oxidação. Todos eles ocorrem, entretanto, no mesmo complexo enzimático - ácido graxo sintase - que produz ácidos graxos até o tamanho de 16 carbonos. Logo, o produto final é sempre o palmitato.

A síntese de ácidos graxos ocorre no CITOPLASMA das células, preferencialmente no fígado, tecido adiposo e glandulas mamarias. A síntese de ácidos graxos é sujeita a diversos mecanismos de controle, mas ocorre invariavelmente, quando a carga energética celular é alta (ATP/ADP alta).  As vias anabólicas para produção de lipídios consomem, além de ATP, NADPH (agente redutor). Ao contrário do que ocorre com os carboidratos, não há vias em comum com o catabolismo - neste caso b-oxidação. Além dos intermediários e enzimas, também o compartimento celular é diferente: no citosol e retículo endoplasmático liso (e não na mitocôndria). Ocorre preferencialmente no fígado e em pequena proporção nos adipócitos. O primeiro intermediário da via é o Malonil-CoA, sintetizado a partir de Acetil-CoA e gás carbônico com gasto de ATP. O responsável é um complexo enzimático - Acetil-CoA carboxilase. A síntese propriamente dita ocorrerá em ciclos, à semelhança da b-oxidação. Todos eles ocorrem, entretanto, no mesmo complexo enzimático - ácido graxo sintase - que produz ácidos graxos até o tamanho de 16 carbonos. Logo, o produto final é sempre o palmitato.

User badge image

1

Há mais de um mês

A síntese de ácidos graxos ocorre no CITOPLASMA das células, preferencialmente no fígado, tecido adiposo e glandulas mamarias. A síntese de ácidos graxos é sujeita a diversos mecanismos de controle, mas ocorre invariavelmente,
quando a carga energética celular é alta (ATP/ADP alta).  As vias anabólicas para produção de lipídios consomem, além de ATP, NADPH (agente redutor). Ao contrário do que ocorre com os carboidratos, não há vias em comum com o catabolismo - neste caso b-oxidação. Além dos intermediários e enzimas, também o compartimento celular é diferente: no citosol e retículo endoplasmático liso (e não na mitocôndria). Ocorre preferencialmente no fígado e em pequena proporção nos adipócitos. O primeiro intermediário da via é o Malonil-CoA, sintetizado a partir de Acetil-CoA e gás carbônico com gasto de ATP. O responsável é um complexo enzimático - Acetil-CoA carboxilase. A síntese propriamente dita ocorrerá em ciclos, à semelhança da b-oxidação. Todos eles ocorrem, entretanto, no mesmo complexo enzimático - ácido graxo sintase - que produz ácidos graxos até o tamanho de 16 carbonos. Logo, o produto final é sempre o palmitato.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas