A maior rede de estudos do Brasil

Direito Administrativo

Quanto aos atos administrativos, assinale a alternativa incorreta:

Alternativas
Alternativa 1:
Segundo a teoria dos motivos determinantes, o ato administrativo só é valido se os motivos anunciados efetivamente aconteceram; desse modo, a menção a motivos falsos ou inexistentes vicia irremediavelmente o ato praticado, mesmo que não exigidos por lei.
 
Alternativa 2:
O ato é vinculado quando a lei não deixa opções de atuação ao administrador público.
 
Alternativa 3:
O ato discricionário pressupõe uma margem de liberdade de decisão perante o caso concreto.
 
Alternativa 4:
O atributo pelo qual o ato administrativo pode ser posto em execução pela própria Administração Pública, sem necessidade de intervenção do Poder Judiciário, é o da exigibilidade.
 
Alternativa 5:
Os atos administrativos que impõem obrigações aos administrados, podem ser postos em execução pela própria Administração, quando configurada medida urgente, eis que dotados de autoexecutoriedade.

1 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

DLRV Advogados Verified user icon

Há mais de um mês

Alternativa 4 está incorreta.

É por meio do atributo da autoexecutoriedade que a Administração pode executar materialmente seus próprios atos sem que haja a necessidade de intervenção do Poder Judiciário. Exemplos são a apreensão de mercadorias e a interdição de estabelecimentos.

 

 

Alternativa 4 está incorreta.

É por meio do atributo da autoexecutoriedade que a Administração pode executar materialmente seus próprios atos sem que haja a necessidade de intervenção do Poder Judiciário. Exemplos são a apreensão de mercadorias e a interdição de estabelecimentos.

 

 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas