A maior rede de estudos do Brasil

Quais são as ações muscarínicas?

Farmacologia IUNIGRAN CAPITAL

4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Ações muscarínicas da acetilcolina são de estimulação parassimpática (podem ser abolidas por pequenas doses de atropina), excitação da musculatura voluntária e secreção da adrenalina pela medula.


Ainda sobre muscarínicos, todos são receptores acoplados a protéina G, M1,M3 atuam através da via de fosfato inosotol, enquanto M2 via inibição adenilato ciclase. Nesse âmbito, a ACh é sintetizada nas terminações nervosas a partir da Colina pela enzima colina acetiltranferase.


A ACh é armazenada em vesículas na neurônio pré-sináptico e quando há suficiente concentração de Ca2++ ocorre sua liberação na fenda pré-sináptica. Na fenda a ACh é hidrolisada pela AChE(aceticolinesterase).

Fonte: https://medbruno.wordpress.com/tag/muscarinicos/

Ações muscarínicas da acetilcolina são de estimulação parassimpática (podem ser abolidas por pequenas doses de atropina), excitação da musculatura voluntária e secreção da adrenalina pela medula.


Ainda sobre muscarínicos, todos são receptores acoplados a protéina G, M1,M3 atuam através da via de fosfato inosotol, enquanto M2 via inibição adenilato ciclase. Nesse âmbito, a ACh é sintetizada nas terminações nervosas a partir da Colina pela enzima colina acetiltranferase.


A ACh é armazenada em vesículas na neurônio pré-sináptico e quando há suficiente concentração de Ca2++ ocorre sua liberação na fenda pré-sináptica. Na fenda a ACh é hidrolisada pela AChE(aceticolinesterase).

Fonte: https://medbruno.wordpress.com/tag/muscarinicos/

User badge image

Stephanie

Há mais de um mês

Esses receptores, além de ligarem a acetilcolina, também reconhecem a muscarina, um alcaloide que está presente em certos cogumelos venenosos. Os receptores muscarínicos apresentam baixa afinidade pela nicotina. São diferenciadas subclasses de receptores muscarínicos: M1, M2, M3, M4 e M5.Esses receptores são encontrados em gânglios do sistema nervoso periférico e nos órgãos efetores autonômicos, como coração, músculos lisos, cérebro e glândulas exócrinas.

M1 – Neurônios; Células parietais gástricas.

M2 – Células cardíacas; Neurônios; Músculo liso.

M3 – Bexiga; Glândulas exócrinas; Músculo liso

M4 – Neurônios

M5 – Neurônios

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Ações muscarínicas da acetilcolina são de estimulação parassimpática (podem ser abolidas por pequenas doses de atropina), excitação da musculatura voluntária e secreção da adrenalina pela medula.


Ainda sobre muscarínicos, todos são receptores acoplados a protéina G, M1,M3 atuam através da via de fosfato inosotol, enquanto M2 via inibição adenilato ciclase. Nesse âmbito, a ACh é sintetizada nas terminações nervosas a partir da Colina pela enzima colina acetiltranferase.


A ACh é armazenada em vesículas na neurônio pré-sináptico e quando há suficiente concentração de Ca2++ ocorre sua liberação na fenda pré-sináptica. Na fenda a ACh é hidrolisada pela AChE(aceticolinesterase).

Fonte: https://medbruno.wordpress.com/tag/muscarinicos/

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Ações muscarínicas da acetilcolina são de estimulação parassimpática (podem ser abolidas por pequenas doses de atropina), excitação da musculatura voluntária e secreção da adrenalina pela medula.


Ainda sobre muscarínicos, todos são receptores acoplados a protéina G, M1,M3 atuam através da via de fosfato inosotol, enquanto M2 via inibição adenilato ciclase. Nesse âmbito, a ACh é sintetizada nas terminações nervosas a partir da Colina pela enzima colina acetiltranferase.


A ACh é armazenada em vesículas na neurônio pré-sináptico e quando há suficiente concentração de Ca2++ ocorre sua liberação na fenda pré-sináptica. Na fenda a ACh é hidrolisada pela AChE(aceticolinesterase).

Fonte: https://medbruno.wordpress.com/tag/muscarinicos/

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas