A maior rede de estudos do Brasil

qual a diferenca entre a experiencia que nao depende da pessoa que passa por ela e a experiencia que depende da pessoa?

quais as implicacoes da definicao dessas experiencias para a Psicologia estrutural de Titchener?

PsicologiaFADERGS

3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

Para responder essa pergunta devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Psicologia.


O Estruturalismo de Titchener tem como fundamento o estudo dos elementos ou conteúdos mentais e sua conexão mecânica, de acordo com o processo de associação, além disso, descartava a ideia de que a apercepção tenha alguma participação nesse processo, cuja principal base de estudos se concentrava nos elementos propriamente ditos, ou seja, que a psicologia deveria descobrir a natureza das experiências conscientes elementares. Essa experiência consciente é dependente do indivíduo que a vivencia, diferente das experiências estudadas por cientistas de outras áreas. Por exemplo, físicos examinam os fenômenos do ponto de vista dos processos físicos, e os psicólogos analisam os mesmos fenômenos com base na experiência e observação pessoal de quem as vivencia.


Portanto, a diferença entre a experiência independente e dependente do indivíduo é, por exemplo, uma sala pode estar a 30ºC, independente de ter algum indivíduo dentro dela para sentir a temperatura, já na psicologia, se houver um sujeito dentro da sala, ele poderá descrever o desconforto do calor ou não, dependendo de suas experiências.

Para responder essa pergunta devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Psicologia.


O Estruturalismo de Titchener tem como fundamento o estudo dos elementos ou conteúdos mentais e sua conexão mecânica, de acordo com o processo de associação, além disso, descartava a ideia de que a apercepção tenha alguma participação nesse processo, cuja principal base de estudos se concentrava nos elementos propriamente ditos, ou seja, que a psicologia deveria descobrir a natureza das experiências conscientes elementares. Essa experiência consciente é dependente do indivíduo que a vivencia, diferente das experiências estudadas por cientistas de outras áreas. Por exemplo, físicos examinam os fenômenos do ponto de vista dos processos físicos, e os psicólogos analisam os mesmos fenômenos com base na experiência e observação pessoal de quem as vivencia.


Portanto, a diferença entre a experiência independente e dependente do indivíduo é, por exemplo, uma sala pode estar a 30ºC, independente de ter algum indivíduo dentro dela para sentir a temperatura, já na psicologia, se houver um sujeito dentro da sala, ele poderá descrever o desconforto do calor ou não, dependendo de suas experiências.

User badge image

Hel

Há mais de um mês

A que não depende da experiencia pessoal do sujeito examina os fenômenos a partir dos processos envolvidos, apenas observando e relatando, ex físicos examinam os processos físicos envolvidos. Quando depende da pessoa, analisam os fenômenos tendo como base a experiência e observação pessoal de quem os vivencia.

Referência:

Estruturalismo na Psicologia <https://www.infoescola.com/psicologia/estruturalismo-na-psicologia>

User badge image

Andre

Há mais de um mês

Para responder essa pergunta devemos colocar em prática nosso conhecimento sobre Psicologia.


O Estruturalismo de Titchener tem como fundamento o estudo dos elementos ou conteúdos mentais e sua conexão mecânica, de acordo com o processo de associação, além disso, descartava a ideia de que a apercepção tenha alguma participação nesse processo, cuja principal base de estudos se concentrava nos elementos propriamente ditos, ou seja, que a psicologia deveria descobrir a natureza das experiências conscientes elementares. Essa experiência consciente é dependente do indivíduo que a vivencia, diferente das experiências estudadas por cientistas de outras áreas. Por exemplo, físicos examinam os fenômenos do ponto de vista dos processos físicos, e os psicólogos analisam os mesmos fenômenos com base na experiência e observação pessoal de quem as vivencia.


Portanto, a diferença entre a experiência independente e dependente do indivíduo é, por exemplo, uma sala pode estar a 30ºC, independente de ter algum indivíduo dentro dela para sentir a temperatura, já na psicologia, se houver um sujeito dentro da sala, ele poderá descrever o desconforto do calor ou não, dependendo de suas experiências.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas