A maior rede de estudos do Brasil

descrever a diferença entre desemprego friccional e desemprego estrutural?


6 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

O desemprego friccional ocorre durante um período em que os trabalhadores buscam novos empregos ou fazem a transição de seus antigos empregos para novos empregos. Considera-se desemprego voluntário porque os trabalhadores preferem permanecer desempregados, em vez de aceitar o primeiro emprego oferecido. Assim, o desemprego friccional geralmente está presente em um sistema econômico porque algumas pessoas sempre buscam novos empregos.


Ao contrário do desemprego friccional, o desemprego estrutural é um tipo de desemprego de longo prazo causado por mudanças na economia. Ocorre quando há um excesso de oferta de empregos e as pessoas estão dispostas a trabalhar, mas as pessoas que procuram trabalho não estão qualificadas para esses empregos. Algumas causas do desemprego estrutural são os avanços tecnológicos e o declínio de uma indústria.


Por exemplo, os avanços tecnológicos podem fazer com que alguns tipos de trabalhadores qualificados se tornem obsoletos. Quando a nova tecnologia substitui os trabalhadores previamente qualificados, eles geralmente não têm as habilidades para posições diferentes. Suponha que um analista de dados em um banco de investimento esteja trabalhando no campo há mais de 20 anos. No entanto, durante essas duas décadas, ele não acompanhou os avanços tecnológicos da análise de dados e não aprendeu a programar.

O desemprego friccional ocorre durante um período em que os trabalhadores buscam novos empregos ou fazem a transição de seus antigos empregos para novos empregos. Considera-se desemprego voluntário porque os trabalhadores preferem permanecer desempregados, em vez de aceitar o primeiro emprego oferecido. Assim, o desemprego friccional geralmente está presente em um sistema econômico porque algumas pessoas sempre buscam novos empregos.


Ao contrário do desemprego friccional, o desemprego estrutural é um tipo de desemprego de longo prazo causado por mudanças na economia. Ocorre quando há um excesso de oferta de empregos e as pessoas estão dispostas a trabalhar, mas as pessoas que procuram trabalho não estão qualificadas para esses empregos. Algumas causas do desemprego estrutural são os avanços tecnológicos e o declínio de uma indústria.


Por exemplo, os avanços tecnológicos podem fazer com que alguns tipos de trabalhadores qualificados se tornem obsoletos. Quando a nova tecnologia substitui os trabalhadores previamente qualificados, eles geralmente não têm as habilidades para posições diferentes. Suponha que um analista de dados em um banco de investimento esteja trabalhando no campo há mais de 20 anos. No entanto, durante essas duas décadas, ele não acompanhou os avanços tecnológicos da análise de dados e não aprendeu a programar.

User badge image

Lucas Cruz

Há mais de um mês

e a estrutural é por causa da crise e por causa de muitos desempregados e poucas vagas
User badge image

Lucas Cruz

Há mais de um mês

rapa, eu nem sabia que tinha este tal de friccional e estrutural... pobre só sabe de um e está lascado de qualquer jeito.
User badge image

Lucas Cruz

Há mais de um mês

mas vamos lá né friccional = é gerada pelo própio empregado, a saida é iniciativa dele. ou seja o cara descobriu uma vaga que ela melhor e capou o gato

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas