A maior rede de estudos do Brasil

QUAL A DIFERENÇA ENTRE PREÂMBULO E ABCT?

QUAL A DIFERENÇA ENTRE PREÂMBULO E ABCT?


2 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

Carlos Eduardo Ferreira de Souza Verified user icon

Há mais de um mês

O preâmbulo é a parte introdutória da Constituição, não possui força normativa, razão pela qual não pode ser considerada norma constitucional ou servir de parâmetro para o controle de constitucionalidade, nos termos do que decidiu o STF. Ainda, segundo entendimento, não integra o bloco de constitucionalidade e serve como mero parâmetro interpretativo, a revelar a vontade do constituinte. É o preâmbulo brasileiro:

"Nós, representantes do povo brasileiro, reunidos em Assembléia Nacional Constituinte para instituir um Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social e comprometida, na ordem interna e internacional, com a solução pacífica das controvérsias, promulgamos, sob a proteção de Deus, a seguinte CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL"

Já o ADCT - ATO DAS DISPOSIÇÕES CONSTITUCIONAIS TRANSITÓRIAS busca estabelecer a transição entre regimes constitucionais diversas, possuindo força normativa e servindo de parâmetro para controle de constitucionalidade. Assim, integra o bloco de constitucionalidade, salvo quando tiver eficácia exaurida, ou seja, deixou de produzir efeitos por conta de sua efetivação.

As previsões do ADCT brasileiro estão previstas em anexo à CRF/1988.

O preâmbulo é a parte introdutória da Constituição, não possui força normativa, razão pela qual não pode ser considerada norma constitucional ou servir de parâmetro para o controle de constitucionalidade, nos termos do que decidiu o STF. Ainda, segundo entendimento, não integra o bloco de constitucionalidade e serve como mero parâmetro interpretativo, a revelar a vontade do constituinte. É o preâmbulo brasileiro:

"Nós, representantes do povo brasileiro, reunidos em Assembléia Nacional Constituinte para instituir um Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social e comprometida, na ordem interna e internacional, com a solução pacífica das controvérsias, promulgamos, sob a proteção de Deus, a seguinte CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL"

Já o ADCT - ATO DAS DISPOSIÇÕES CONSTITUCIONAIS TRANSITÓRIAS busca estabelecer a transição entre regimes constitucionais diversas, possuindo força normativa e servindo de parâmetro para controle de constitucionalidade. Assim, integra o bloco de constitucionalidade, salvo quando tiver eficácia exaurida, ou seja, deixou de produzir efeitos por conta de sua efetivação.

As previsões do ADCT brasileiro estão previstas em anexo à CRF/1988.

User badge image

Sara Fragoso

Há mais de um mês

PREAMBULO NAO TEM FORÇA NOORMATIVA ADCT TEM 

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas