A maior rede de estudos do Brasil

O código civil de 2002 adotou a teoria da empresa? Responda sim ou não.


3 resposta(s)

User badge image

Nathália Souza

Há mais de um mês

Sim, ele adotou.
Sim, ele adotou.
User badge image

Aléxia Kílaris

Há mais de um mês

Sim, a teoria da empresa foi consolidada no Código Civil em seu art. 966:

Art. 966. Considera-se empresário quem exerce profissionalmente atividade econômica organizada para a produção ou a circulação de bens ou de serviços.

Parágrafo único. Não se considera empresário quem exerce profissão intelectual, de natureza científica, literária ou artística, ainda com o concurso de auxiliares ou colaboradores, salvo se o exercício da profissão constituir elemento de empresa.

A teoria das empresas começou na Itália, em 1942, com o Código Civil Italiano. O período de elaboração dessa teoria é marcado pelo contexto histórico do fascismo de Mussolini. Essa nova teoria alargou o conceito de comerciante e passou a incluir e a considerar a prestação de serviços e as atividades ligadas ao cultivo da terra. Essa teoria também chegou ao Brasil, em 2002, com o Código Civil. Houve, assim, uma mudança de paradigma no que tange o Direito Comercial, pois agora a finalidade de proteção da norma é a empresa e não estritamente o comerciante. 

User badge image

Gaby Leite

Há mais de um mês

Sim. Neste cenário, promulgou-se o novo Código Civil Brasileiro, que regula o "Direito de Empresa" no seu Livro II, marcando o abandono do sistema tradicional consagrado pelo Código Comercial de 1850, baseado no comerciante e no exercício profissional da mercancia – teoria dos atos de comércio, trocando-o pela adoção do sistema do empresário e da atividade empresarial – teoria da empresa.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes