Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
AV ANALISES CITOPATOLOGICAS E ANATOMIA PATOLOGICA

Pré-visualização | Página 1 de 1

SDE4428: ANÁLISES CITOPATOLÓGICAS E ANATOMIA PATOLÓGICA
	 
	 
	 1.
	Ref.: 3881975
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	O exame citopatológico permite a verificação microscópica das células e suas alterações morfológicas, possibilitando o diagnóstico, a identificação de doenças silenciosas e o rastreamento e prevenção de doenças malignas, como o câncer cervicovaginal. No entanto, esse exame apresenta algumas desvantagens.
Marque a opção que apresenta uma desvantagem desse exame.
		
	
	A coleta deve ser realizada sempre em ambiente hospitalar. 
	 
	Impossibilidade de averiguação da extensão ou da invasão no caso de uma lesão maligna.
	
	Alto custo para sua realização.
	
	É um exame altamente invasivo, o que diminuiu a adesão do paciente.
	
	São necessários técnicos especializados e equipamentos altamente sofisticados para a realização dos exames.
	
	
	 2.
	Ref.: 3882421
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Em relação as degenerações celulares, analise as alternativas a seguir:
I. Na degeneração hidrópica, são observados um aumento da esinofilia, a presença de pequenos vacúolos pequenos no citoplasma da célula, e o citoplasma fica com aspecto claro.
II. Para diferenciar a degeneração glicogênica da degeneração hidrópica utiliza-se colorações com carmim de Best ou reação de PAS, que conferem cor rosa a violeta ao glicogênio.
III. O acúmulo intracelular de lipídios ocorre na forma de agregados esionofílicos e pequenas gotículas no citoplasma.
IV. Na degeneração hialina, ocorre acúmulo de proteínas em vacúolos grandes que deslocam o núcleo para a periferia, e de limites nítidos, dando à célula um aspecto pálido.
 
É correto apenas o que se afirma em:
		
	 
	I e II
	
	I e III
	
	I, III e V
	
	I e IV
	
	I e V
	
	
	 3.
	Ref.: 3916289
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	A análise e a leitura da morfologia celular, modificações estruturais das células e atividade que essas células exercem, são extremamente importantes para a classificação da atividade geral das células, que podem ser classificadas em:
 
		
	
	Neoplasia maligna e euplasia
	 
	Euplasia, retroplasia, proplasia e neoplasia maligna.
	
	Euplasia e porplasia
	
	Retroplasia e proplasia.
	
	Neoplasia maligna e benigna
	
	
	 4.
	Ref.: 3916291
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Existem algumas nomenclaturas importantes em relação as inflamações do trato genital femino, uma delas é a cervicite, marque abaixo a definição correta para essa inflamação:
 
		
	 
	Processo inflamatório do colo uterino.
	
	Processo inflamatório localizado exclusivamente na mucosa vaginal.
	
	Processo inflamatório localizado na mucosa glandular.
	
	Processo inflamatório na mucosa vaginal.
 
 
	
	Processo inflamatório que se estende ao canal vaginal.
	
	
	 5.
	Ref.: 3882031
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Durante o processo inflamatório, são normais alterações no padrão de células encontradas em relação à idade do paciente e ocorre também alterações degenerativas e reativas. Acerca dessas alterações, analise as afirmativas a seguir:
I. As células com reações reativas apresentam hipercromasia, espessamento uniforme da borda nuclear, cromatina com granulação mais grossa.
II. As células com reações degenerativas apresentam pseudoeosinofilia, vacuolização, bi ou multinucleação e nucléolos proeminentes. 
III. Em mulheres na pós-menopausa, a presença de células parabasais pode ocorrer devido a um aumento da vascularização, geralmente, nas infecções por Trichomonas.
IV. Nas células que sofrem necrose, pode ser observado piconse, cariorrexe e cariólise.
Estão corretas as afirmativas:
		
	 
	I e IV
	
	I e III
	
	II e IV
	
	I e II
	
	II e III
	
	
	 6.
	Ref.: 3882442
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Analise os dois relatos a seguir:
 
A. Minerador em uma mina de carvão durante 30 anos evolui com quadro de enfisema pulmonar, apresentando o pulmão cinza com manchas pretas.
B. Paciente com anemia falciforme com acidente vascular encefálico (AVE) isquêmico entra no esquema de troca sanguínea para ajustar rápida e simultaneamente o hematócrito e o nível de hemoglobina S, permitindo reverter situações graves, eliminando o risco de alterações na viscosidade sanguínea e no volume sanguíneo e interrompendo danos teciduais antes que se tornem irreversíveis. Essa transfusão é feita uma vez a cada 30 dias pelo resto da vida do paciente. Ao passar do tempo, ele apresenta um aumento sistêmicos de pigmentos citoplasmáticos de coloração amarelo-ouro e granular.
 
Após análise dos dois relatos, os pigmentos (A) e (B) são respectivamente.
		
	
	Silicose e bilirrubina
	
	Silicose e hemossiderina.
	 
	Antracose e hemossiderina
	
	Antracose e bilirrubina
	
	Antracose e hematina.
	
	
	 7.
	Ref.: 3916295
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	A degradação gordurosa, refere-se ao acúmulo de triglicerídeos dentro das células parenquimentosas, principalmente no fígado, mas pode ocorrer também nos músculos, rins e no coração. Em relação as causas da degradação gordurosa, marque a alternativa que não apresenta uma causa para essa degradação.
 
		
	 
	Acúmulo de oxigênio
	
	Diabetes
	
	Obesidade
	
	Desnutrição proteica
	
	Uso abusivo de álcool
 
	
	
	 8.
	Ref.: 3882300
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	A morte celular pode ser estudada a partir da compreensão de dois mecanismos: a necrose e a apoptose. Sobre a necrose, leia as afirmativas a seguir:
I. Vários fatores podem destravar lesões celulares irreversíveis, como a necrose, os agentes físicos (traumatismos, frio, calor, eletricidade, radiações), agentes biológicos e os agentes químicos.
II. O mecanismo pelo qual os agentes causam danos é complexo, mas há, pelo menos três mecanismos principais, são eles: formação de radicais livres, hipóxia/isquemia e ruptura da homeostase do cálcio.
III. A necrose caseosa é mais frequentemente produzida pelo bacilo de Koch, enquanto a necrose gomosa é, em geral, causada por Treponema pallidum.
IV. Nos tecidos necróticos corados por hematoxilina eosina, as células apresentam um citoplasma altamente basofílicos e com perda de organelas digeridas pelas enzimas lisossômicas e o DNA pode apresentar cariólise picnose e cariorexe.
 
Estão corretas as afirmativas:
		
	
	I, III e IV
	
	I, II e IV
	 
	I, II e III
	
	II, III e IV
	
	I e IV
	
	
	 9.
	Ref.: 3882116
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Sobre as lesões intraepiteliais escamosas avalie as alternativas a seguir:
I. A Coilocitose persiste nas lesões intraepiteliais escamosas de alto grau.
II. Os graus das lesões intraepiteliais (NIC I, II e III) correspondem ao tipo de agente agressor, como por exemplo, HPV, infecções bacterianas e micoses.
III. Nas lesões intraepiteliais de alto grau (NIC 3), a diferenciação celular e a proliferação são inversamente proporcionais.
IV. Os graus das lesões intraepiteliais (NIC I, II e III) correspondem ao grau de diferenciação, maturação e estratificação das células, assim como das suas anormalidades nucleares.
Estão corretas as afirmativas:
		
	
	I, III e IV
	
	I, II e III
	 
	III e IV
	
	II e III
	
	I e IV
	
	
	 10.
	Ref.: 3882416
	Pontos: 1,00  / 1,00
	
	Em relação aos testes de análise histopatológica a coloração por HE (hematoxilina-eosina) é bastante utilizada, porém, as células apresentam características indiferenciáveis que acabam não sendo determinadas pela coloração. Nesse sentido, é necessário um diagnóstico diferencial, a partir do teste de:
		
	
	Fluorescência
	
	Citopatológico
	 
	Imunohistoquímica
	
	Bioquímica
	
	Imunofixação