A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
reações de substituição em anéis aromáticos

Pré-visualização | Página 1 de 1

Reações de substituição 
. em anéis aromáticos 
ocorre a substituição de pelo menos um 
átomo de hidrogênio do anel aromático por 
outro átomo ou grupo de átomos.
 
 
 
As..principais reações de substituição em 
anel aromático são:
 
 
 
Alquilação e acilação de Friedel-Crafts 
Tanto a alquilação quanto a acilação de 
Friedel-Crafts, usam o AlCl 3 ou FeCl 3 como 
catalisadores da reação, que tem o papel de 
ajudar na formação do carbocátion. 
• Alquilação de Friedel-Crafts
 
• Acilação de Friedel-Crafts 
Segue as mesmas etapas, porém com 
um haleto de acila.
 
 
Orientação/diligência dos compostos 
aromáticos nas reações de substituição 
Nas reações de substituição de compostos 
aromáticos nos quais já se encontra algum 
grupo (Gr) ligado ao anel aromático, esse 
grupo pode direcionar a substituição dos 
hidrogênios das posições ORTO, META ou 
PARA. 
 
Gr → grupo orientador 
• Grupos ORTO-PARA dirigentes ou 
ATIVANTES: são grupos que 
direcionam a reação de substituição 
eletrofílica nas posições orto (1,2) e 
para (1,4). Eles são formados por 1 
ÚNICO ÁTOMO ou por um grupo de 
átomos que estão unidos entre si 
apenas por LIGAÇÕES SIGMA 
(ligações simples). 
 
Ex: Cl–, Br–, I–, OH–, –CH3, etc. 
 
• eletrofílico 
São grupos que, por serem positivos, 
têm afinidade por elétrons (grupos 
negativos). 
Exemplo: nitração do metilbenzeno 
(tolueno) → metil é um grupo orto-
para dirigente.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Obs.: Na halogenação do tolueno, caso os 
catalisadores utilizados sejam LUZ (λ) e 
CALOR (Δ), no lugar do ácido de Lewis, os 
produtos formados são HALETO DE 
BENZILA e HIDRÁCIDO HALOGENADO, 
pois o hidrogênio substituído será o do grupo 
metil, e não do anel benzênico (uma vez que 
os alcanos sofrem substituição na presença 
de luz e calor). 
Dizemos que estes casos obedecem à REGRA 
CCC: CALOR, já que há aquecimento para que 
ocorra esta reação; CLARIDADE, uma vez 
que ocorre em presença de luz; e CADEIA, 
pois se trata de uma substituição na 
estrutura da cadeia alifática. 
 
 
Para que se obtenha o meta-bromotolueno, 
ao contrário do processo acima, deve-se 
utilizar ácido de Lewis em ambiente FRIO e 
ESCURO. Assim, dizemos que estes casos 
obedecem à REGRA NNN: NOITE, já que a 
reação ocorre no escuro; NEVE, uma vez que 
ocorre no frio; e NÚCLEO, pois se trata de 
uma substituição na estrutura do núcleo 
benzênico. 
 
a) Grupos META dirigentes ou 
DESATIVANTES: são grupos que 
direcionam a reação de substituição 
eletrofílica nas posições meta (1,3). Eles são 
formados por átomos que estão unidos entre 
si por LIGAÇÃO DUPLA, TRIPLA ou 
DATIVA (ligações pi). 
Ex: –NO_2, –HSO_3H, –CH=CH_2, etc.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.