Buscar

TOPICOS DE ATUACAO PROFISSIONAL - QUESTIONARIO 01

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 6, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 9, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

TOPICOS DE ATUACAO PROFISSIONAL - ENFERMAGEM
	QUESTIONÁRIO UNIDADE I
	5 em 5 pontos  
· Pergunta 1
0,5 em 0,5 pontos
	
	
	
	A Atenção Básica é caracterizada por ser a porta de entrada preferencial do SUS no cuidado das pessoas e cumpre um papel estratégico na rede de atenção à saúde, servindo como base para a integralidade da saúde. E dentro das estratégias do cuidar, o Programa Saúde da Família, criado em 1994, amplia a cobertura de saúde, voltado à população em situação social mais vulnerável e, ao longo dos anos, vem organizando o processo de trabalho com uma equipe multiprofissional, base territorial e responsabilidade sanitária, ampliando suas ações de saúde à população e com a Rede de Atenção à Saúde (RAS), melhorou a resolutividade, o cuidado clínico, terapêutico e o diagnóstico necessário para a Atenção Básica. Diante de todas as atividades, percebeu-se a necessidade de políticas públicas voltadas a esta situação de saúde e, em 2006, foi promulgada a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB), inserida no contexto do Pacto da Saúde, e sua segunda edição, em 2011, com a Portaria n. 2.488, de 21 de outubro, com a última revisão em 2017. Baseando-se na Política Nacional da Atenção Básica, aprovada pela Portaria n. 2.436, de 21 de setembro de 2017, analise as afirmativas a seguir:
 
I- A Atenção Básica é caracterizada por ações individuais e coletivas.
II- A Atenção Básica deve resolver os problemas de saúde mais frequentes e de maior relevância em seu território.
III- A Atenção Básica orienta-se pelos princípios e pelas diretrizes da universalidade, da acessibilidade e da coordenação do cuidado, do vínculo e da continuidade, da integralidade, da responsabilização, da humanização, da equidade e da participação social.
IV- A Atenção Básica é responsável apenas pelas ações de reabilitação e da promoção à saúde.
Está(ão) correta(s) a(s) alternativa(s):
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	d. 
As afirmativas I, II e III estão corretas.
	Respostas:
	a. 
Apenas a afirmativa II está correta.
	
	b. 
As afirmativas I e III estão corretas.
	
	c. 
A afirmativa IV está correta.
	
	d. 
As afirmativas I, II e III estão corretas.
	
	e. 
Todas as afirmativas estão corretas.
 
 
	Comentário da resposta:
	Resposta: D
Comentário:  a afirmativa I está correta, pois a Atenção Básica é o conjunto de ações de saúde individuais, familiares e coletivas que envolvem a promoção, a prevenção, a proteção, o diagnóstico, o tratamento, a reabilitação, a redução de danos, os cuidados paliativos e a vigilância em saúde, desenvolvidas por meio de práticas de cuidado integrado e gestão qualificada, realizadas com a equipe multiprofissional e dirigidas à população em território definido, sobre as quais as equipes assumem responsabilidade sanitária; a afirmativa II está adequada, pois,  de acordo com a Atenção Básica, ela deve ser capaz de resolver a grande maioria dos problemas de saúde da população, coordenando o cuidado do usuário em outros pontos da RAS, quando necessário; já a afirmativa III também está adequada, pois os princípios e as diretrizes da Atenção Básica serão orientadores para a sua organização nos municípios: I – Princípios: universalidade, equidade e integralidade; II – Diretrizes: regionalização e hierarquização: territorialização; população adscrita; cuidado centrado na pessoa; resolutividade; longitudinalidade do cuidado; coordenação do cuidado; ordenação da rede; participação da comunidade.
	
	
	
· Pergunta 2
0,5 em 0,5 pontos
	
	
	
	A figura a seguir apresenta o modelo de atenção às condições crônicas (MACC):
 
O modelo de atenção às condições crônicas (MACC) é uma proposição recente, que integra três perspectivas de entendimento da saúde pública contemporânea, que são consideradas complementares. Observe a figura anterior e analise as afirmativas que apresentam essas perspectivas:
 
I- O modelo da determinação social da saúde considera que a maneira de obter resultados sustentados é por meio de transformações de longo prazo das estruturas e das relações da sociedade.
II- O modelo de atenção crônica envolve níveis de cuidar com intervenções para a promoção da saúde destinadas a toda população como gestão de casos onde se avalia condições crônicas muito complexas.
III- O modelo da pirâmide de risco atua na população toda com a promoção de saúde, em comportamentos e fatores de risco em prevenção e nas condições complexas com gestão de saúde.
IV- O nível 1 de atenção às condições crônicas estabelecem ações de intervenção aos fatores de risco, comportamento e estilo de vida, como a gestão das condições de saúde a toda a população.
 
Está(ão) correta(s) a(s) alternativa(s):
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	d. 
As afirmativas I, II e III estão corretas.
	Respostas:
	a. 
Apenas a afirmativa II está correta.
	
	b. 
As afirmativas I e III estão corretas.
	
	c. 
A afirmativa IV está correta.
	
	d. 
As afirmativas I, II e III estão corretas.
	
	e. 
Todas as afirmativas estão corretas.
 
 
	Comentário da resposta:
	Resposta: D
Comentário: no modelo de atenção às condições crônicas (MACC), o nível 1 de atenção estabelece intervenções de promoção de saúde a toda a população.
	
	
	
· Pergunta 3
0,5 em 0,5 pontos
	
	
	
	As ações da equipe de saúde devem buscar a integralidade da atenção, de modo a superar a assistência fragmentada. É essencial uma abordagem integral ao usuário, que o compreenda como um ser singular em suas diferentes dimensões biológicas, psicológicas, econômicas, sociais e culturais, e em todos os pontos de atenção para dar vazão às suas necessidades de saúde, e essas ações empreendidas devem ser, de fato, resolutivas. Dentre as atribuições dos profissionais das equipes de Atenção Básica, as atividades devem seguir as referidas disposições legais que regulamentam o exercício de cada uma das profissões; são atividades específicas do enfermeiro e, para ele, competem as seguintes obrigações:
 
I- Realizar atenção à saúde aos indivíduos e famílias vinculadas às equipes e, quando indicado ou necessário, no domicílio e/ou nos demais espaços comunitários (escolas, associações, entre outras), em todos os ciclos de vida.
II- Realizar e/ou supervisionar o acolhimento com escuta qualificada e classificação de risco, de acordo com os protocolos estabelecidos.
III- Realizar estratificação de risco e elaborar um plano de cuidados para as pessoas que possuem condições crônicas no território, junto aos demais membros da equipe.
IV- Realizar atividades em grupo e encaminhar, quando necessário, usuários a outros serviços, conforme o fluxo estabelecido pela rede local.
Está(ão) correta(s) a(s) afirmativa(s):
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	e. 
Todas as afirmativas estão corretas.
	Respostas:
	a. 
Apenas a afirmativa II está correta.
	
	b. 
As afirmativas I e III estão corretas.
	
	c. 
A afirmativa IV está correta.
	
	d. 
As afirmativas I, II e III estão corretas.
	
	e. 
Todas as afirmativas estão corretas.
	Comentário da resposta:
	Resposta: E
Comentário: as atividades específicas do enfermeiro, na Atenção Básica, incluem: realizar atenção à saúde aos indivíduos e às famílias vinculadas às equipes e, quando indicado ou necessário, no domicílio e/ou nos demais espaços comunitários (escolas, associações, entre outras), em todos os ciclos de vida; realizar consulta de enfermagem, procedimentos, solicitar exames complementares, prescrever medicações conforme protocolos, diretrizes clínicas e terapêuticas, ou outras normativas técnicas estabelecidas pelo gestor federal, estadual, municipal ou do Distrito Federal, observadas as disposições legais da profissão; realizar e/ou supervisionar acolhimento com escuta qualificada e classificação de risco, de acordo com os protocolos estabelecidos; realizar estratificação de risco e elaborar plano de cuidados para as pessoas que possuem condições crônicas no território, junto aos demais membros da equipe; realizar atividades em grupo e encaminhar, quando necessário, usuários a outros serviços, conforme o fluxo estabelecido pela rede local; planejar,gerenciar e avaliar as ações desenvolvidas pelos técnicos/auxiliares de enfermagem, ACS e ACE em conjunto com os outros membros da equipe; supervisionar as ações do técnico/auxiliar de enfermagem e ACS; implementar e manter atualizadas as rotinas, os protocolos e os fluxos relacionados à sua área de competência na UBS; e exercer outras atribuições conforme a legislação profissional, e que sejam de responsabilidade na sua área de atuação.
	
	
	
· Pergunta 4
0,5 em 0,5 pontos
	
	
	
	No país, os fatores de risco para as Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) são monitorados por meio de diferentes inquéritos de saúde, com destaque para o monitoramento realizado pela Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico - (Vigitel), onde a vigilância epidemiológica de DCNT é de responsabilidade da coordenação-geral de Vigilância de Doenças e Agravos Não Transmissíveis e promoção da saúde do Departamento de Vigilância de Doenças e Agravos não Transmissíveis e Promoção da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS); e essa vigilância se configura como um conjunto de ações e processos que permitem conhecer a ocorrência, a magnitude e a distribuição das DCNT e de seus principais fatores de risco no país, bem como identificar os seus determinantes e condicionantes econômicos, sociais e ambientais. Além disso, uma das ações da vigilância de DCNT é caracterizar a tendência temporal das DCNT. Essas ações são fundamentais para o planejamento, o monitoramento e a avaliação das ações de cuidado integral e das políticas públicas de prevenção e controle das DCNT no Brasil. Os componentes essenciais da vigilância de DCNT englobam:
 
I- Monitoramento dos fatores de risco.
II- Monitoramento da morbidade e mortalidade das DCNT.
III- Monitoramento e avaliação das ações de assistência à saúde.
IV- Monitoramento e avaliação das ações de promoção da saúde.
 
Está(ão) correta(s) a(s) afirmativa(s):
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	b. 
As afirmativas I, II, III e IV estão corretas.
	Respostas:
	a. 
Apenas a afirmativa II está correta.
	
	b. 
As afirmativas I, II, III e IV estão corretas.
	
	c. 
A afirmativa IV está correta.
	
	d. 
As afirmativas I, II e III estão corretas.
	
	e. 
Todas as afirmativas estão incorretas.
	Comentário da resposta:
	Resposta: B
Comentário: as DCNT são multifatoriais, ou seja, determinadas por diversos fatores, sejam eles sociais ou individuais. Elas se desenvolvem no decorrer da vida e são de longa duração. Os três componentes essenciais da vigilância de DCNT são: a) Monitoramento dos fatores de risco; b) Monitoramento da morbidade e mortalidade das DCNT; e c) Monitoramento e avaliação das ações de assistência e promoção da saúde.
	
	
	
· Pergunta 5
0,5 em 0,5 pontos
	
	
	
	O Plano de Ações Estratégicas para o Enfrentamento das Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT), no Brasil, 2011-2022, apresenta a vigilância de DCNT como um de seus eixos, detalhando os indicadores, as metas, os objetivos e as ações a serem desenvolvidas por esta vigilância, e, dentre as metas, oito delas foram estabelecidas, com cinco sendo atingidas. Analise as afirmativas a seguir e assinale a alternativa que corresponde as metas atingidas no plano de ações:
 
I- Redução da prevalência de tabagismo em 30% e redução do consumo abusivo de bebidas alcoólicas em 10%.
II- Aumento de mamografia em mulheres de 50-69 anos de idade, em dois anos, para 70% e aumento do papanicolau em mulheres de 25-64 anos de idade, em 3 anos, para 85%.
III- Redução de mortalidade prematura de 30 a 69 anos por DCNT em 2% ao ano.
IV- Aumento da prevalência da prática de atividade física no tempo livre em 10%.
V- Contenção do crescimento da obesidade em adultos e o aumento do consumo recomendado de frutas e hortaliças em 10%.
 
Está(ão) correta(s) a(s) alternativa(s):
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	c. 
II e IV.
	Respostas:
	a. 
I, II e III.
	
	b. 
I, II, III, IV e V.
	
	c. 
II e IV.
	
	d. 
I e V.
	
	e. 
III, IV e V.
 
	Comentário da resposta:
	Resposta: C
Comentário:
das oito metas, cinco estão sendo atingidas como: a redução da mortalidade prematura (30-69 anos) por DCNT; a redução da prevalência de tabagismo; o aumento de mamografia em mulheres de 50-69 anos de idade, nos últimos dois anos; a elevação da prevalência da prática de atividade física no tempo livre e; a ampliação do consumo recomendado de frutas e hortaliças.
	
	
	
· Pergunta 6
0,5 em 0,5 pontos
	
	
	
	A consulta de enfermagem faz parte da estratégia dirigida a grupos de risco que propõe uma adequada intervenção educativa em indivíduos com valores de PA limítrofes, que estão mais predispostos à hipertensão. As medidas são equivalentes às propostas para tratamento não medicamentoso da HAS. Nesse contexto, a consulta de enfermagem objetiva promover a educação em saúde para a prevenção primária da doença, por meio do estímulo à adoção de hábitos saudáveis de vida, e também de avaliar e estratificar o risco para as doenças cardiovasculares. Em relação à estratificação de risco, analise as afirmativas a seguir:
 
I- Na consulta de enfermagem deve-se, na prevenção primária da HAS, controlar os seus fatores de risco, como a sobrecarga na ingestão de sal, o excesso de adiposidade, especialmente na cintura abdominal, o abuso de álcool, entre outros.
II- Pesquisar a presença de lesões em órgãos-alvo ou doenças cardiovasculares como a hipertrofia ventricular esquerda; angina ou infarto prévio do miocárdio; revascularização miocárdica prévia e insuficiência cardíaca.
III- Nas ações coletivas, o profissional poderá atuar com estratégias de ações educativas coletivas, com a população em geral orientando a restrição à adição de sal na preparação de alimentos, na identificação da quantidade de sal e/ou sódio presente nos alimentos industrializados.
IV- A avaliação do risco de Framingham pode ser utilizada por profissionais de enfermagem da atenção primária para avaliar o risco global de desenvolver uma doença cardiovascular.
Está(ão) correta(s) a(s) alternativa(s):
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	d. 
I, II e IV.
	Respostas:
	a. 
I, II e III.
	
	b. 
I, II, III e IV.
	
	c. 
II e IV.
	
	d. 
I, II e IV.
	
	e. 
III e IV.
	Comentário da resposta:
	Resposta: D
Comentário: nas Diretrizes Brasileiras de Hipertensão, a estratificação de risco é baseada nos seguintes itens: reconhecimento dos fatores de risco cardiovasculares, fatores adicionais para a HAS, identificação de lesões em órgãos-alvo e identificação de lesões subclínicas destes órgãos, portanto ações de educação em saúde envolvem promover a saúde e não se classificam como estratificar riscos.
	
	
	
· Pergunta 7
0,5 em 0,5 pontos
	
	
	
	A hipertensão arterial sistêmica (HAS) é definida pela Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) como uma condição clínica multifatorial, caracterizada pela elevação sustentada dos níveis pressóricos arteriais e, em 2017, o American College of Cardiology (ACC) e a American Heart Association (AHA) publicaram uma nova diretriz com as novas recomendações sobre a definição de hipertensão:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	a. 
Considera-se hipertensão arterial sistêmica a presença de pressão arterial sistólica (PAS) igual ou superior a 130 mmHg e/ou pressão arterial diastólica (PAD) igual ou superior a 80 mmHg.
	Respostas:
	a. 
Considera-se hipertensão arterial sistêmica a presença de pressão arterial sistólica (PAS) igual ou superior a 130 mmHg e/ou pressão arterial diastólica (PAD) igual ou superior a 80 mmHg.
	
	b. 
Considera-se hipertensão arterial sistêmica a presença de pressão arterial sistólica (PAS) igual ou superior a 140 mmHg e/ou pressão arterial diastólica (PAD) igual ou superior a 90 mmHg.
	
	c. 
Considera-se hipertensão arterial sistêmica a presença de pressão arterial sistólica (PAS) igual ou superior a 139 mmHg e/ou pressão arterial diastólica (PAD) igual ou superior a 89 mmHg.
	
	d. 
Considera-se hipertensão arterial sistêmica a presença de pressão arterial sistólica (PAS) igual ou superior a 120 mmHg e/oupressão arterial diastólica (PAD) igual ou superior a 80 mmHg.
	
	e. 
Considera-se hipertensão arterial sistêmica a presença de pressão arterial sistólica (PAS) igual ou superior a 150 mmHg e/ou pressão arterial diastólica (PAD) igual ou superior a 90 mmHg.
	Comentário da resposta:
	Resposta: A
Comentário: em 2017, o American College of Cardiology (ACC) e a American Heart Association (AHA) publicaram uma nova diretriz com as novas recomendações sobre a definição de hipertensão, e que considera hipertensão arterial sistêmica a presença de pressão arterial sistólica (PAS) igual ou superior a 130 mmHg e/ou pressão arterial diastólica (PAD) igual ou superior a 80 mmHg, conforme apresentado no quadro a seguir (ACC; AHA, 2017).
 
Classificação da pressão arterial
 
	
	
	
· Pergunta 8
0,5 em 0,5 pontos
	
	
	
	O termo diabetes melito (DM) refere-se a um transtorno metabólico de etiologias heterogêneas, caracterizado por hiperglicemia e distúrbios no metabolismo de carboidratos, proteínas e gorduras, resultantes de defeitos da secreção e/ou da ação da insulina. O diagnóstico baseia-se na detecção da hiperglicemia. Pela Sociedade Brasileira de Diabetes (2017) analise os exames para a detecção da diabetes:
 
I- Glicemia casual com valor maior ou igual a 200 mg/dL na presença de sintomas de hiperglicemia.
II- Glicemia de jejum alterada, com valores entre 110 mg/dL e 125 mg/dL.
III- Teste de tolerância à glicose com sobrecarga de 75 g em duas horas (TTG) com uma glicemia de duas horas pós-sobrecarga maior ou igual a 200 mg/dL é indicativa de diabetes.
IV- Hemoglobina glicada (HbA1c) com valores maiores ou iguais a 6,5%.
 
Está(ão) correta(s) a(s) alternativa(s):
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	a. 
As afirmativas I, III e IV estão corretas.
	Respostas:
	a. 
As afirmativas I, III e IV estão corretas.
	
	b. 
As afirmativas I, II, III e IV estão corretas.
	
	c. 
As afirmativas II, III e IV estão corretas.
	
	d. 
As afirmativas I, II e IV estão corretas.
	
	e. 
A afirmativa I está correta.
 
 
	Comentário da resposta:
	Resposta: A
Comentário: pela Sociedade Brasileira de Diabetes foram adotados como valores laboratoriais de normoglicemia, indivíduos com glicose em jejum menor que 100 mg/dL, glicose 2 horas após sobrecarga com 75 g de glicose (mg/dL) menor que 140 mg/dL, e HbA1c (%) menor que 5,7% e pré-diabetes ou risco aumentado para DM; indivíduos com glicose em jejum maior que 100 mg/dL e menor que 126 mg/dL, glicose 2 horas após sobrecarga com 75 g de glicose (mg/dL) maior que 140 mg/dL e menor que 200 mg/dL, e HbA1c (%) maior ou igual a 5,7% e menor que 6,57%; e indivíduos com diabetes estabelecido com glicose em jejum maior ou igual a 126 mg/dL, glicose 2 horas após sobrecarga com 75 g de glicose (mg/dL) maior ou igual a 200 mg/dL, glicose ao acaso maior ou igual a 200 mg/dL, e HbA1c (%) maior ou igual a 6,5% (SBD, 2017).
	
	
	
· Pergunta 9
0,5 em 0,5 pontos
	
	
	
	Segundo a 7ª Diretriz Brasileira de Hipertensão, no Brasil, a hipertensão arterial atinge 32,5% (36 milhões) de indivíduos adultos, mais de 60% dos idosos, contribuindo direta ou indiretamente para 50% das mortes por doença cardiovascular (DCV). O risco cardiovascular deve ser avaliado em cada indivíduo hipertenso, pois auxilia na decisão terapêutica e permite uma análise prognóstica. A identificação dos indivíduos hipertensos que estão mais predispostos às complicações cardiovasculares, especialmente infarto do miocárdio e AVE, é fundamental para uma orientação terapêutica mais agressiva. Diversos algoritmos e escores de risco baseados em estudos populacionais foram criados nas últimas décadas. Modelos multifatoriais de estratificação de risco podem ser utilizados para uma classificação de risco individual mais precisa. Informar ao paciente os seus fatores de risco pode melhorar a eficiência das medidas farmacológicas e não farmacológicas para a redução do risco global. (Arq. Bras. Cardiol., 107, Supl. 3, p. 1-83, 2016)
A figura a seguir mostra o risco de doenças cardiovasculares relacionado aos valores pressóricos associados aos fatores de risco.
 
 
* HA: hipertensão arterial; FR: fator de risco; DM: diabetes melito; LOA: lesão em órgão-alvo.
 
Quando falamos em fatores de risco para a hipertensão, podemos identificar que:
 
I- A idade é um fator de risco que tem associação direta e linear entre o envelhecimento e a prevalência de HA, relacionada ao aumento da expectativa de vida da população brasileira, atualmente de 74,9 anos e ao aumento na população de idosos ≥ 60 anos na última década (2000 a 2010), de 6,7% para 10,8%.
II- O excesso de peso e a obesidade que, no Brasil, os dados do VIGITEL de 2014 revelaram, entre 2006 e 2014, um aumento da prevalência de excesso de peso (IMC ≥ 25 kg/m2), 52,5% vs.
43%. No mesmo período, a obesidade (IMC ≥ 30 kg/m2) aumentou de 11,9% para 17,9%, com predomínio em indivíduos de 35 a 64 anos e mulheres (18,2% vs. 17,9%).
III- A ingestão de sal, onde o consumo excessivo de sódio torna-se um dos principais fatores de risco para a HA e está associado a eventos cardiovasculares e renais.
IV- A ingestão de álcool com o consumo crônico e elevado de bebidas alcoólicas aumenta a PA de forma consistente. Em mulheres, há o risco de HA com o consumo de 30-40 g de álcool/dia e, em homens, a partir de 31 g de álcool/dia.
 
Está(ão) correta(s) a(s) alternativa(s):
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	b. 
As afirmativas I, II, III e IV estão corretas.
	Respostas:
	a. 
As afirmativas I, II e III estão corretas.
	
	b. 
As afirmativas I, II, III e IV estão corretas.
	
	c. 
As afirmativas II, III e IV estão corretas.
	
	d. 
As afirmativas I, II e IV estão corretas.
	
	e. 
A afirmativa I está correta.
 
	Comentário da resposta:
	Resposta: B
Comentário: a hipertensão arterial é uma condição clínica multifatorial caracterizada por elevados e sustentados níveis de pressão arterial. Associada, frequentemente, a alterações funcionais e/ou estruturais dos órgãos-alvo como coração, encéfalo, rins e vasos sanguíneos, e às alterações metabólicas, com o consequente aumento de risco para os problemas cardiovasculares fatais e não fatais; portanto, fatores como a idade, o sexo, a alimentação, o excesso de sal, o álcool, o estilo de vida, o sedentarismo e a obesidade são fatores de risco para a hipertensão.
	
	
	
· Pergunta 10
0,5 em 0,5 pontos
	
	
	
	A sífilis, no Brasil, assim como em muitos países, apresenta uma reemergência. Diante disso, os profissionais de saúde devem estar aptos a reconhecer as manifestações clínicas, conhecer os testes diagnósticos disponíveis, e, principalmente, saber interpretar o resultado do exame para o diagnóstico e o controle de tratamento. Analise as afirmativas:
 
I- A sífilis é uma infecção bacteriana sistêmica, crônica, curável e exclusiva do ser humano.
II- Quando não tratada, evolui para estágios de gravidade variada, podendo acometer diversos órgãos e sistemas do corpo.
III- A maioria das pessoas com sífilis são sintomáticas; apresentam sinais e sintomas constantes.
IV- Quando não tratada, a sífilis pode evoluir para formas mais graves, comprometendo, especialmente, os sistemas nervoso e cardiovascular.
 
Quais afirmativas estão corretas?
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	c. 
I, II e IV.
	Respostas:
	a. 
I, II e III.
	
	b. 
II e III.
	
	c. 
I, II e IV.
	
	d. 
II, III e IV.
	
	e. 
Todas estão corretas.
	Comentário da resposta:
	Resposta: C
Comentário: após o contato sexual infectante, ocorre o período de incubação, com duração de 10 a 90 dias (média de três semanas). O primeiro sinal é caracterizado por uma úlcera rica em treponemas, geralmente única e indolor, com a borda bem definida e regular, com a base endurecida e o fundo limpo, que ocorre no local de entrada da bactéria (pênis, vulva, vagina, colo uterino, ânus, boca ou outros locais do tegumento), sendo denominada “cancro duro”. A lesão, geralmente, é acompanhada de linfadenopatia regional (acometendo linfonodos localizados próximos à lesão). A duração da lesão pode variar muito, em geral de trêsa oito semanas, e desaparecer sem tratamento. O portador pode não perceber a lesão ou não valorizar.
	
	
	
TOPICOS DE ATUACAO PROFISSIONAL 
-
 
ENFERMAGEM
 
QUESTIONÁRIO UNIDADE I
 
5 em 5 pontos 
 
 
·
 
Pergunta 1
 
0,5 em 0,5 pontos
 
 
 
 
A Atenção Básica é caracterizada por ser a porta de entrada preferencial do SUS no cuidado das pessoas e 
cumpre um papel estratégico na rede de atenção à saúde, servindo como base para a integralidade da 
saúde. E dentro das 
estratégias do cuidar, o Programa Saúde da Família, criado em 1994, amplia a 
cobertura de saúde, voltado à população em situação social mais vulnerável e, ao longo dos anos, vem 
organizando o processo de trabalho com uma equipe multiprofissional, base terr
itorial e responsabilidade 
sanitária, ampliando suas ações de saúde à população e com a Rede de Atenção à Saúde (RAS), melhorou a 
resolutividade, o cuidado clínico, terapêutico e o diagnóstico necessário para a Atenção Básica. Diante de 
todas as atividades
, percebeu
-
se a necessidade de políticas públicas voltadas a esta situação de saúde e, 
em 2006, foi promulgada a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB), inserida no contexto do Pacto da 
Saúde, e sua segunda edição, em 2011, com a Portaria n. 2.488, de 
21 de outubro, com a última revisão em 
2017. Baseando
-
se na Política Nacional da Atenção Básica, aprovada pela Portaria n. 2.436, de 21 de 
setembro de 2017, analise as afirmativas a seguir:
 
 
 
I
-
 
A Atenção Básica é caracterizada por ações individuais e cole
tivas.
 
II
-
 
A Atenção Básica deve resolver os problemas de saúde mais frequentes e de maior relevância em seu 
território.
 
III
-
 
A Atenção Básica orienta
-
se pelos princípios e pelas diretrizes da universalidade, da acessibilidade e da 
coordenação do cuidado, 
do vínculo e da continuidade, da integralidade, da responsabilização, da 
humanização, da equidade e da participação social.
 
IV
-
 
A Atenção Básica é responsável apenas pelas ações de reabilitação e da promoção à saúde.
 
Está(ão) correta(s) a(s) alternativa(s)
:
 
 
 
 
Resposta Selecionada:
 
d.
 
 
As afirmativas I, II e III estão corretas.
 
Respostas:
 
a.
 
 
Apenas a afirmativa II está correta.
 
 
b.
 
 
As afirmativas I e III estão corretas.
 
 
c.
 
 
A afirmativa IV está correta.
 
 
d.
 
 
As afirmativas I, II e III estão corretas.
 
 
e.
 
 
 
 
 
TOPICOS DE ATUACAO PROFISSIONAL - ENFERMAGEM 
QUESTIONÁRIO UNIDADE I 
5 em 5 pontos 
 Pergunta 1 
0,5 em 0,5 pontos 
 
 
A Atenção Básica é caracterizada por ser a porta de entrada preferencial do SUS no cuidado das pessoas e 
cumpre um papel estratégico na rede de atenção à saúde, servindo como base para a integralidade da 
saúde. E dentro das estratégias do cuidar, o Programa Saúde da Família, criado em 1994, amplia a 
cobertura de saúde, voltado à população em situação social mais vulnerável e, ao longo dos anos, vem 
organizando o processo de trabalho com uma equipe multiprofissional, base territorial e responsabilidade 
sanitária, ampliando suas ações de saúde à população e com a Rede de Atenção à Saúde (RAS), melhorou a 
resolutividade, o cuidado clínico, terapêutico e o diagnóstico necessário para a Atenção Básica. Diante de 
todas as atividades, percebeu-se a necessidade de políticas públicas voltadas a esta situação de saúde e, 
em 2006, foi promulgada a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB), inserida no contexto do Pacto da 
Saúde, e sua segunda edição, em 2011, com a Portaria n. 2.488, de 21 de outubro, com a última revisão em 
2017. Baseando-se na Política Nacional da Atenção Básica, aprovada pela Portaria n. 2.436, de 21 de 
setembro de 2017, analise as afirmativas a seguir: 
 
I- A Atenção Básica é caracterizada por ações individuais e coletivas. 
II- A Atenção Básica deve resolver os problemas de saúde mais frequentes e de maior relevância em seu 
território. 
III- A Atenção Básica orienta-se pelos princípios e pelas diretrizes da universalidade, da acessibilidade e da 
coordenação do cuidado, do vínculo e da continuidade, da integralidade, da responsabilização, da 
humanização, da equidade e da participação social. 
IV- A Atenção Básica é responsável apenas pelas ações de reabilitação e da promoção à saúde. 
Está(ão) correta(s) a(s) alternativa(s): 
 
Resposta Selecionada: d. 
As afirmativas I, II e III estão corretas. 
Respostas: a. 
Apenas a afirmativa II está correta. 
 
b. 
As afirmativas I e III estão corretas. 
 
c. 
A afirmativa IV está correta. 
 
d. 
As afirmativas I, II e III estão corretas. 
 
e.

Outros materiais