Buscar

ATIVIDADE SEMANA 3

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 4 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

Pergunta 1
Resposta Selecionada: b. 
Respostas: a. 
b. 
c. 
d. 
e. 
Comentário da
resposta:
As sentenças simples se constituem em elemento fundante da comunicação e,
esquematicamente, são formadas por um sujeito e por um predicado. As sentenças
simples são utilizadas ao tecermos uma frase afirmativa ou negativa, ou uma pergunta,
ou, ainda, uma frase imperativa. 
Sobre as sentenças imperativas, avalie as afirmativas a seguir.
I. As sentenças imperativas expressam uma dúvida e, de modo geral, encerram com um
ponto de interrogação.
II. As sentenças imperativas negam algo e, de modo geral, fazem uso das palavras não,
nenhum e nem.
III. As sentenças imperativas exprimem uma ordem ou expressam um pedido de quem
as formula.
Está correto o que se afirma em:
III, apenas.
II, apenas.
III, apenas.
I e II, apenas.
I, II e III.
I e III, apenas.
JUSTIFICATIVA
A afirmativa I está incorreta, pois as sentenças que expressam
dúvida são as interrogativas.
A afirmativa II está incorreta, porque as sentenças que negam algo
são as negativas.
A afirmativa III está correta, pois as imperativas envolvem uma
ordem de uma pessoa a outra.
Pergunta 2
Sintagma Nominal (SN) é uma construção sintática que tem por núcleo um
substantivo ou um pronome, de presença obrigatória, e especificadores e
complementadores, de presença facultativa. Como apenas o núcleo é
obrigatório, os SN têm tamanhos variados. Considerando o exposto, observe o
SN na manchete a seguir.
3,33 em 3,33 pontos
0 em 3,33 pontos
Resposta
Selecionada:
a. 
Respostas: a. 
b. 
c. 
d. 
e. 
Comentário
da resposta:
“Conheça os três livros vencedores do Prêmio Oceanos
2022”.
RODRIGUES, M. F. Conheça os três livros vencedores do Prêmio Oceanos 2022. Estadão,
2022. Disponível em: https://www.estadao.com.br/cultura/literatura/conheca-os-tres-livros-venced
ores-do-premio-oceanos-2022/. Acesso em: 9 dez. 2022.
Assinale a alternativa correta que identifica a formação completa do SN presente
na manchete.
O SN da manchete é formado por: quantificador indefinido
(três); núcleo (livros); e complementador adjetivo (do Prêmio
Oceanos 2022).
O SN da manchete é formado por: quantificador indefinido
(três); núcleo (livros); e complementador adjetivo (do Prêmio
Oceanos 2022).
O SN da manchete é formado por: quantificador definido (os
três); sujeito (livros); e sintagma preposicional (do Prêmio
Oceanos 2022).
O SN da manchete é formado por: especificador (os três);
sujeito (livros); e complementador (do Prêmio Oceanos 2022).
O SN da manchete é formado por: quantificador definido (os
três); núcleo (livros); e sintagma preposicional (do Prêmio
Oceanos 2022).
O SN da manchete é formado por: quantificador definido (três);
sujeito (livros); e complementador adverbial (do Prêmio
Oceanos 2022).
JUSTIFICATIVA
O SN (Substantivo + Núcleo) da manchete "Os três livros do Prêmio
Oceanos 2022" é composto por três elementos: o quantificador
definido — "os três"; o núcleo — "livros"; e o sintagma preposicional
— "do Prêmio Oceanos 2022". O quantificador "os três" indica uma
quantidade específica de livros, nesse caso, três. O núcleo "livros" é
o substantivo principal do SN, que indica o objeto a que se refere a
manchete. Por fim o sintagma preposicional "do Prêmio Oceanos
2022" indica a origem ou a categoria dos livros em questão, que são
os vencedores do Prêmio Oceanos 2022. Juntos, esses elementos
formam um SN completo que transmite informações precisas sobre
https://www.estadao.com.br/cultura/literatura/conheca-os-tres-livros-vencedores-do-premio-oceanos-2022/
https://www.estadao.com.br/cultura/literatura/conheca-os-tres-livros-vencedores-do-premio-oceanos-2022/
o que a manchete está se referindo, fornecendo detalhes
importantes sobre a quantidade e a origem dos livros mencionados.
Pergunta 3
Leia com atenção um trecho da crônica de Luis Fernando Veríssimo e considere
como ela está composta de sentenças e minissentenças. 
 
“Ele estava voltando para casa como fazia, com fidelidade rotineira, todos os dias
à mesma hora. [...] Furou-lhe um pneu. Com dificuldade ele encostou o carro no
meio-fio e preparou-se para a batalha contra o macaco [...] Conseguiu fazer o
macaco funcionar, ergueu o carro, trocou o pneu e já estava fechando o porta-
malas quando a sua aliança escorregou pelo dedo sujo de óleo e caiu no chão.
Ele deu um passo para pegar a aliança do asfalto, mas sem querer a chutou. A
aliança bateu na roda de um carro que passava e voou para um bueiro. [...]
Começou a pensar no que diria para a mulher. Imaginou a cena. Ele entrando
em casa e respondendo às perguntas da mulher antes de ela fazê-las. [...] E ele
contaria. Tudo, exatamente como acontecera. O macaco. O óleo. A aliança no
asfalto. O chute involuntário. E a aliança voando para o bueiro e desaparecendo.
— Que coisa - diria a mulher, calmamente. — Não é difícil de acreditar? — Não.
É perfeitamente possível. — Pois é. Eu... — SEU CRETINO! — Meu bem... —
Está me achando com cara de boba? De palhaça? Eu sei o que aconteceu com
essa aliança. Você tirou do dedo para namorar. É ou não é? [...] — Que fim levou
a sua aliança? E ele disse: — Tirei para namorar. Para fazer um programa. E
perdi no motel. Pronto. Não tenho desculpas. Se você quiser encerrar nosso
casamento agora, eu compreenderei. Ela fez cara de choro. Depois correu para
o quarto e bateu com a porta. Dez minutos depois reapareceu. Disse que aquilo
significava uma crise no casamento deles, mas que eles, com bom-senso, a
venceriam. — O mais importante é que você não mentiu pra mim. E foi tratar do
jantar.”
 
VERÍSSIMO, L. F. As mentiras que os homens contam. Rio de Janeiro: Editora Objetiva, 2000.
p. 37.
Com relação ao apresentado, avalie as afirmações a seguir. 
3,34 em 3,34 pontos
Resposta Selecionada: b. 
Respostas: a. 
b. 
c. 
d. 
e. 
Comentário
da resposta:
I. 
II. 
III. 
IV. 
O narrador-observador apresenta o personagem com o uso do pronome
“ele” e constrói a narrativa com várias minissentenças.
A minissentença “O chute involuntário” é formada por um sintagma
adjetival, pois caracteriza o tipo de chute.
Em “A aliança no asfalto” temos uma minissentença nominal, formada por
sintagma nominal, que acelera a narrativa. 
Em “É ou não é?”, temos uma minissentença preposicional dotada de uma
entonação própria. 
Está correto que se afirma em:
I e II, apenas.
II e IV, apenas.
I e II, apenas.
I, II e III, apenas.
III e IV, apenas.
I, III e IV, apenas.
JUSTIFICATIVA
A afirmativa I está correta, pois a crônica é construída com várias
minissentenças, o que acelera o ritmo da narrativa e aproxima da
oralidade. As minissentenças são estruturas gramaticais construídas
sem a presença do verbo na forma pessoal, mas que funcionam
com sintagmas nominais, adverbiais ou preposicionais. A afirmativa
II está correta, uma vez que “O chute involuntário” é composto por
uma minissentença adjetival, formada por nome + adjetivo. A
afirmativa III está incorreta, porque, em “A aliança no asfalto”, temos
uma minissentença adverbial, formada por nome e advérbio. A
afirmativa IV está incorreta, pois “É ou não é?” não pode ser
considerada uma minissentença preposicional, uma vez que, para
tanto, precisaria ser composta de nome + preposição.