Buscar

Cc Prefeitura Ariquemes - RO 2016 - Engenheiro Civil - Prova, Gabarito e Resolução Conhecimentos Específicos

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 22 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 6, do total de 22 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 9, do total de 22 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Prévia do material em texto

www.pciconcursos.com.br
Engenheiro Engenheiro Civil–
TRANSCREVA, EM ESPAÇO DETERMINADO NO SEU CARTÃO DE RESPOSTAS,
A FRASE DE MARQUÊS DE MARICÁ PARA EXAME GRAFOTÉCNICO
“A autoridade de poucos é e será sempre a razão e argumento de muitos.”
BOA PROVA!
www.funcab.org
VERIFIQUE SE ESTE MATERIAL ESTÁ EM ORDEM. CASO
CONTRÁRIO, NOTIFIQUE IMEDIATAMENTE O FISCAL.
RESERVE OS 30 (TRINTA) MINUTOS FINAIS
PARA MARCAR SEU CARTÃO DE RESPOSTAS.
ATENÇÃO
DURAÇÃO DA PROVA: 3 horas e 30 minutos.
ESTE CADERNO CONTÉM 50 (CINQUENTA) QUESTÕES
DE MÚLTIPLA ESCOLHA, CADA UMA COM 5 ALTERNATIVAS DE
RESPOSTA – A, B, C, D e E – CONFORME DISPOSIÇÃO ABAIXO.
CONCURSO PÚBLICO para T
S01
CÓDIGO
EDITAL Nº 001/2016
TARDE
PREFEITURA DE ARIQUEMES – RO
SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO
Disciplinas
Quantidade de
questões
Valor de cada
questão
Língua Portuguesa 15 2
Informática Básica 10 2
Ética e Conduta na Administração Pública 10 2
Conhecimentos Específicos 15 2
www.pciconcursos.com.br
02
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
LÍNGUA PORTUGUESA
Texto para responder às questões de 01 a 15.
O encontro
Em redor, o vasto campo. Mergulhado em
névoa branda, o verde era pálido e opaco. Contra o
céu, erguiam-se os negros penhascos tão retos que
pareciam recortados a faca. Espetado na ponta da
pedra mais alta, o sol espiava através de uma nuvem.
“Onde, meu Deus?! - perguntava a mim
mesma - Onde vi esta mesma paisagem, numa tarde
assim igual?”
Era a primeira vez que eu pisava naquele
lugar. Nas minhas andanças pelas redondezas,
jamais fora além do vale. Mas nesse dia, sem nenhum
cansaço, transpus a colina e cheguei ao campo. Que
calma! E que desolação. Tudo aquilo - disso estava
bem certa - era completamente inédito para mim. Mas
por que então o quadro se identificava, em todas as
minúcias, a uma imagem semelhante lá nas
profundezas de minha memória? Voltei-me para o
bosque que se estendia à minha direita. Esse bosque
eu também já conhecera com sua folhagem cor de
brasa dentro de uma névoa dourada. “Já vi tudo isto,
já vi... Mas onde? E quando?”
Fui andando em direção aos penhascos.
Atravessei o campo. E cheguei à boca do abismo
cavado entre as pedras.
Um vapor denso subia, como um hálito
daquela garganta de cujo fundo insondável, vinha um
remotíssimo som de água corrente. Àquele som eu
também conhecia. Fechei os olhos. “Mas se nunca
estive aqui! Sonhei, foi isso? Percorri em sonho estes
lugares e agora os encontro, palpáveis, reais? Por
uma dessas extraordinárias coincidências teria eu
antecipado aquele passeio enquanto dormia?”
Sacudi a cabeça, não, a lembrança - tão
antiga quanto viva - escapava da inconsistência de
um simples sonho. Ainda uma vez fixei o olhar no
campo enevoado, nos penhascos enxutos. A tarde
estava silenciosa e quieta. Contudo, por detrás
daquele silêncio, no fundo daquela quietude eu sentia
qualquer coisa de sinistro. Voltei-me para o sol que
sangrava como um olho empapando de vermelho a
nuvenzinha que o cobria. Invadiu-me a obscura
sensação de estar próxima de um perigo. Mas que
perigo era esse e em que consistia?
Dirigi-me ao bosque. E se fugisse? Seria fácil
fugir, não? Meu coração se apertou, inquieto. Fácil,
sem dúvida, mas eu prosseguia implacável como se
não restasse mesmo outra coisa a fazer senão
avançar. “Vá-se embora depressa, depressa!” - a
razão ordenava enquanto uma parte do meu ser,
mergulhada numa espécie de encantamento, se
recusava a voltar.
Uma luz dourada filtrava-se por entre a
folhagem do bosque que parecia petrificado.
Sobre o texto leia as afirmativas a seguir.
I. A personagem se encontra num campo
aparentemente nunca antes visitado, porém aos
poucos essa paisagem vai se tornando familiar.
II. O leitor é inserido na história por meio da
descrição do ambiente pela visão da própria
protagonista, do modo como ela vê e percebe a
paisagem ao seu redor.
III. A hesitação da personagem é provocada por
saber que o que está vivendo é real e onírico ao
mesmo tempo.
IV. O espaço participa ativamente na caracterização
dessa atmosfera sombria e inquietante.
Está correto apenas o que se afirma em:
A) I e IV.
B) II, III e IV.
C) I, II e IV.
D) II e III.
E) I, III e IV.
Questão 01
Não havia a menor brisa soprando por entre as folhas
enrijecidas, numa tensão de expectativa.
“A expectativa está só em mim” - pensei,
triturando entre os dedos uma folha avermelhada.
Veio-me então a certeza absoluta de já ter feito várias
vezes esse gesto enquanto pisava naquele - mesmo
chão que arfava sob os meus sapatos. Enveredei por
entre as árvores. - “E nunca estive aqui, nunca estive
aqui” - fui repetindo a aspirar o cheiro frio da terra.
Encostei-me a um tronco e por entre uma nesga da
folhagem vislumbrei o céu pálido. Era como se o visse
pela última vez.
“A cilada” - pensei diante de uma teia que
brilhava suspensa entre dois galhos. No centro, a
aranha. Aproximei-me: era uma aranha ruiva e
atenta, à espera. Sacudi violentamente o galho e
desfiz a teia que pendeu em farrapos. Olhei em redor,
assombrada. E a teia para a qual eu caminhava,
quem? Quem iria desfazê-la? Lembrei-me do sol,
lúcido como a aranha. Então enfurnei as mãos nos
bolsos, endureci os maxilares e segui pela vereda.
TELLES, Lygia Fagundes. . Rio de Janeiro: Rocco,
1998. ( )
Mistérios
Fragmento
www.pciconcursos.com.br
03
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
Desde o início a protagonista se faz diversos
questionamentos, demonstrando sua inquietação e
angústia por não saber o motivo da sua familiaridade
com o lugar. O segmento em que se percebe essa
inquietação é:
A) “E cheguei à boca do abismo cavado entre as
pedras.”
B) “Ainda uma vez fixei o olhar no campo enevoado,
nos penhascos enxutos.”
C) “Nas minhas andanças pelas redondezas, jamais
fora além do vale.”
D) “Sonhei, foi isso? Percorri em sonho estes
lugares e agora os encontro, palpáveis, reais?”
E) “Que calma! E que desolação. Tudo aquilo - disso
estava bem certa - era completamente inédito
para mim.”
Questão 02
No sétimo parágrafo, há uma palavra que define a
posição, na linha do tempo, de fato expresso pela
oração base. Essa palavra é:
A) senão.
B) enquanto.
C) mas.
D) não.
E) como.
Questão 03
A passagem do texto em que o termo ou expressão
destacado(a) tem uma forma equivalente
corretamente indicada é:
A) “ONDE, meu Deus?! - perguntava a mim
mesma”.= aonde
B) “MAS por que então o quadro se identificava”. =
no entretanto.
C) AINDA UMA VEZ fixei o olhar no campo
enevoado. = repetidamente.
D) “Veio-me ENTÃO a certeza absoluta”. = na
verdade.
E) “CONTUDO, por detrás daquele silêncio, no
fundo daquela quietude” = todavia.
Questão 04
O fragmento entre aspas, colocadas pela autora, que
exemplifica adequadamente o centro do labirinto
espaço-temporal em que a personagem se encontra
e permite inferir que é prenúncio de futuros
obstáculos no curso do destino da personagem é:
A) “Acilada” - pensei diante de uma teia que brilhava
suspensa entre dois galhos.”'
B) “A expectativa está só em mim” - pensei,
t r i turando entre os dedos uma folha
avermelhada.''
C) “Já vi tudo isto, já vi... Mas onde? E quando?”'
D) “Aexpectativa está só em mim”'.
E) “Por uma dessas extraordinárias coincidências
teria eu antecipado aquele passeio enquanto
dormia?”'
Questão 05
Observe as seguintes ocorrências do pronome
demonstrativo no texto.
I. “disso estava bem certa”
II. “Esse bosque eu também já conhecera”
III. “Sonhei, foi isso?”
Sobre essas ocorrências, é correto afirmar que:
A) “Esse bosque” citado em II se refere ao
apresentado na primeira frase do texto.
B) todas constituem elementos de coesão
catafórica.
C) em III, o demonstrativo faz referência ao som de
água corrente.
D) todas se referem a elementos já citados
anteriormente.
E) em I, o pronome remete a termos que serão
citados logo no parágrafo seguinte.
Questão 06
www.pciconcursos.com.br
04
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
Em “Contra o céu, erguiam-se os negros penhascos
tão retos QUE pareciam recortados a faca.”,o
componente destacado é um(a):
A) pronome relativo.
B) conjunção integrante.
C) pronome apassivador.
D) partícula expletiva.
E) conjunção adverbial.
Questão 07
A frase destacada em “Espetado na ponta da pedra
mais alta, O SOL ESPIAVA ATRAVÉS DE UMA
NUVEM.”, como efeito expressivo, é exemplo de:
A) hipérbole.
B) pleonasmo.
C) prosopopeia.
D) eufemismo.
E) anáfora.
Questão 08
“Era a primeira vez que eu pisava naquele lugar. Nas
minhas andanças pelas redondezas, jamais fora
além do vale.”
A respeito do trecho acima, quanto aos aspectos
gramatical, sintático e semântico, analise as
afirmativas a seguir.
I. Na primeira oração do primeiro período, o verbo é
impessoal.
II. ALÉM DO VALE é uma expressão modalizadora.
III. MINHAS é um pronome substantivo possessivo.
Está(ão) correta(s) apenas a(s) afirmativa(s):
A) I.
B) II.
C) I e III.
D) I e II.
E) II e III.
Questão 09
“Não havia a menor brisa SOPRANDO POR ENTRE
AS FOLHAS enrijecidas, numa tensão de
expectativa.”
O segmento em destaque mostra um verbo no
gerúndio; a forma reduzida do verbo poderia ser
adequadamente substituída por:
A) quando soprava por entre as folhas.
B) que soprava por entre as folhas.
C) logo que soprasse por entre as folhas.
D) caso soprasse por entre as folhas.
E) embora soprasse por entre as folhas.
Questão 10
No contexto do texto, o sentido da expressão
destacada em “E cheguei À BOCA do abismo cavado
entre as pedras.” é equivalente ao de:
A) na beira.
B) no interior.
C) ao redor.
D) ao lado.
E) na lateral.
Questão 11
Na frase “Voltei-me para o bosque QUE SE
ESTENDIA À MINHA DIREITA.”, a oração em
destaque apresenta a seguinte relação:
A) explicativa.
B) causal.
C) restritiva.
D) consecutiva.
E) concessiva.
Questão 12
www.pciconcursos.com.br
05
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
De acordo com os estudos de regência verbal e com o
padrão culto da língua, leia as afirmações sobre as
formas verbais destacadas em “FUI ANDANDO em
direção aos penhascos... E CHEGUEI à boca do
abismo cavado entre as pedras.”.
I. As duas formas verbais indicam basicamente
di ferenças aspectuais no sent ido de
conceptualização do estado das coisas.
II. A primeira forma destacada vem seguida de um
termo adjacente.
III. As duas flexões constituem o núcleo do
predicado das orações às quais pertencem.
Está correto apenas o que se afirma em:
A) I.
B) II.
C) I e III.
D) III.
E) II e III.
Questão 13
Considere as seguintes afirmações sobre aspectos
da construção do texto:
I. No fragmento “Contra o céu, erguiam-se os
negros penhascos tão retos que pareciam
recortados a faca.”, os adjetivos concordam
adequadamente em gênero e número com o
substantivo ao qual se referem.
II. Atentando para o uso do sinal indicativo de crase,
o A, em “A tarde estava silenciosa e quieta.”
poderia ser acentuado, pois é um caso de uso
facultativo do acento grave.
III. Na frase “como um olho empapando de vermelho
a nuvenzinha que O cobria.”, o elemento
destacado não poderia ser deslocado para
depois do verbo.
Está correto apenas o que se afirma em:
A) I e III.
B) I e II.
C) I.
D) II.
E) III.
Ao se passar o verbo destacado em “Mas nesse dia,
sem nenhum cansaço, TRANSPUS a colina e
cheguei ao campo.” para a voz passiva analítica, a
forma correta na transposição seria:
A) transpora-se.
B) foi transposta.
C) seria transporta.
D) fora transportada.
E) era transposta.
Questão 14
Questão 15
INFORMÁTICA BÁSICA
No sistema operacional Windows, se a lixeira estiver
cheia, os próximos documentos ou arquivos a serem
excluídos pelo usuário serão:
A) deslocados para a área de transferência até que
a lixeira tenha espaço livre.
B) apagados permanentemente sem passar pela
lixeira.
C) impedidos de serem apagados até que o usuário
limpe a lixeira.
D) apagados temporariamente, permanecendo,
nesse caso, como novos arquivos na lixeira.
E) deslocados para a área de arquivos temporários
do Windows, até que a lixeira tenha espaço livre.
Questão 16
Na área de trabalho do MS Windows, como é
conhecido o local onde permanecem as janelas que
correspondem aos documentos que estão abertos no
momento?
A) Barra de Status
B) Meus Documentos
C) Barra de Tarefas
D) Área de Transferência
E) Barra de Menu
Questão 17
www.pciconcursos.com.br
06
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
No editor de textos MS Word, o recurso régua
horizontal permite ajustar o documento. São ajustes
possíveis utilizando esse recurso:
A) recuo primeira linha, recuo deslocamento, recuo
à esquerda e recuo à direita.
B) espaçamento antes, espaçamento depois e
espaçamento entre linhas.
C) justificado, alinhar à esquerda, alinhar à direita e
centralizar.
D) orientação retrato e orientação paisagem.
E) espaçamento normal, espaçamento expandido e
espaçamento condensado.
No editor de textos MS Word, existe um recurso que
permite elaborar marcações no documento para
revisão. Esse recurso é conhecido como:
A) ortografia e gramática.
B) contar palavras.
C) controlar alterações.
D) capitular.
E) estilos.
Observe a seguinte planilha eletrônica do MS Excel.
O retorno da função inserida na célula B7 é:
A) 2
B) 0
C) 32
D) 3
E) 5
Questão 18
Questão 19
Questão 20
Em uma planilha eletrônica MS Excel com a
configuração original, o alinhamento padrão para
textos e números, quando inseridos em duas células
distintas quaisquer, são, respectivamente:
A) à esquerda e centralizado.
B) centralizado e à direita.
C) à direita e centralizado.
D) à esquerda e à direita.
E) à direita e à esquerda.
Na segurança da informação pode ser implementada
por meio de barreiras físicas, barreiras lógicas e
proteção administrativa. São consideradas barreiras
lógicas:
A) firewall, proxy, sistema de detecção de intrusos e
antivírus.
B) proxy, políticas de segurança, antivírus e sistema
de detecção de intrusos.
C) sistema de detecção de intrusos, firewall,
antivírus e políticas de segurança.
D) antivírus, políticas de segurança, firewall e proxy.
E) políticas de segurança, sistema de detecção de
intrusos, firewall e proxy.
É um exemplo de uma política de segurança
promíscua:
A) Tudo é permitido, exceto o que for proibido.
B) Tudo é proibido.
C) Tudo é proibido, exceto o acesso aos seus dados.
D) Tudo é proibido, exceto o que for permitido.
E) Tudo é permitido.
São funções típicas do firewall e do antivírus,
respectivamente:
A) controle de acesso e controle de tráfego.
B) identificação de malware e atualização das
assinaturas de novos vírus.
C) certificação digital e criptografia.
D) proteção de portas e procura por programas
maliciosos.
E) criptografia e certificação digital.
Questão 21
Questão 22
Questão 23
Questão 24
www.pciconcursos.com.br
07
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
O Mozilla Thunderbird, em suas versões anteriores,
apresentava uma desvantagem em relação a
sua operacionalização. Essa desvantagem, que
não ocorria com o Microsoft Outlook, estava
relacionada à:
A) impossibilidade de utilização multiplataforma.
B) utilização pouco intuitiva.
C) ausência de filtros de phishing e antispam.
D) incompatibilidade com o Outlook.
E) necessidade de configuração prévia de
protocolos de correio.
Questão 25
ÉTICA E CONDUTA NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA
Em uma licitação do tipo menor preço, regida pela Lei
nº 8.666/1993, compareceram quatro licitantes. O
licitante A foi classificado em primeiro lugar, tendo
oferecido o preço de R$ 35.000,00. Em segundo, foi
classificado o licitante B, oferecendo o preço de R$
40.000,00. Em terceiro, o licitante C foi classificado
oferecendo o preço de R$ 44.000,00 e por fim, o
licitante D oferecendo o preço de R$ 48.000,00.
Suponha-se que o licitante vencedor, no caso o “A”,
regularmente convocado, dentro do prazo de
validade das propostas, tenha se recusado a assinar
o termo de contrato pelo preço de R$ 35.000,00.
Considerando que no caso em comento não houve
necessidade de atualização monetária dos preços, é
correto afirmar que a(o):
A) Administração poderá contratar o licitante B pelo
preço por ele oferecido, valedizer, R$ 40.000,00.
B) Administração poderá contratar o licitante B,
desde que este concorde com o preço de
R$ 35.000,00.
C) licitante A não estará sujeito às sanções
administrativas cabíveis por ter se recusado a
assinar o contrato.
D) licitante B, na condição de remanescente, será
obrigado a assinar o contrato nas mesmas
condições do licitante vencedor.
E) Administração é obrigada a aceitar quaisquer dos
três licitantes remanescentes, desde que um
deles ofereça uma proposta de valor inferior a
R$ 35.000,00.
Questão 26
Assinale a alternativa que caracteriza crime de
peculato.
A) Solicitar, o funcionário público, vantagem
indevida, a fim de retardar indevidamente ato de
ofício.
B) Omitir, o funcionário público, ato de ofício, a fim
de satisfazer interesse pessoal.
C) Permitir, o funcionário público, culposamente,
que outrem se apodere de bem público que
esteja sob sua guarda.
D) Praticar, o funcionário público, irregularmente,
ato de ofício, cedendo a pedido ou influência de
outrem.
E) Empregar, o funcionário público, rendas públicas
em desacordo com o estabelecido em lei, mas
em favor da própriaAdministração Pública.
A regra constitucional prevista no artigo 37, parágrafo
sexto da Constituição da República Federativa
Brasileira de 1988, faz referência a duas categorias
de pessoas sujeitas à responsabilidade objetiva,
sendo uma delas as pessoas jurídicas de direito
privado prestadoras de serviços públicos. A qual
pessoa jurídica de direito privado prestadora de
serviços públicos é atribuída responsabilidade
objetiva?
A) Sociedade de economia mista exploradora de
atividade econômica em sentido estrito
B) Associação de moradores
C) Empresa de transporte coletivo
D) Empresa Pública exploradora de atividade
econômica em sentido estrito
E) Sociedade religiosa
Questão 27
Questão 28
www.pciconcursos.com.br
08
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
A Constituição da República Federativa Brasileira
de 1988 consagrou como cláusula pétrea a
inviolabilidade do sigilo de dados e das
comunicações. Sobre o tema, marque a alternativa
correta.
A) A proteção ao sigilo bancário é absoluta, em
observância ao direito à intimidade e à
privacidade.
B) A quebra de sigilo dos dados telefônicos, bem
como a interceptação telefônica somente pode
ser autorizada pelo Poder Judiciário, em decisão
fundamentada, para fins cíveis, criminais e
trabalhistas.
C) É defeso ao diretor do presídio, a violação do
sigilo da correspondência de um preso, para
imped i r a prá t ica de cr imes, sendo
imprescindível, em todos os casos, ordem
judicial.
D) A quebra de sigilo bancário pode ferir a
privacidade de pessoas alheias ao problema.
E) A interceptação telefônica somente pode ser
autorizada pelo Poder Judiciário, em decisão
fundamentada, e sempre para fins criminais.
A Lei nº 12.527/2011 (lei de acesso à informação)
dispõe que algumas informações são passíveis de
classificação, tendo em vista o seu teor e em razão de
sua imprescindibilidade à segurança da sociedade ou
do Estado. Com base nessa afirmação, assinale a
alternativa correta.
A) As informações que colocarem em risco a
segurança do Presidente da República serão
classificadas como secretas e ficarão sob sigilo
até 10 (dez) anos do término de mandato.
B) Os prazos máximos de restrição de acesso à
informação são: ultrassecreta: 20 (vinte) anos;
secreta: 15 (quinze) anos; reservada: 10 (dez)
anos.
C) As informações cujo acesso irrestrito possa
prejudicar ou causar risco a planos ou operações
estratégicos das Forças Armadas, são passíveis
de classificação.
D) Para a classificação da informação em
determinado grau de sigilo, deverá ser observado
o interesse privado da informação, bem como
utilizado o critério mais restritivo possível.
E) As informações cuja divulgação ofereça elevado
risco à estabilidade financeira, econômica ou
monetária do país, não são passíveis de
classificação.
Questão 29
Questão 30
Sobre a Lei nº 12.527/2011 (Lei de acesso à
informação), é correto afirmar que:
A) o direito de acesso à informação compreende o
direito de obter informação contida em registros
ou documentos, produzidos ou acumulados por
seus órgãos ou entidades, recolhidos ou não a
arquivos públicos.
B) para os efeitos do artigo 4º, inciso II da Lei de
acesso à informação, documento é o instrumento
na forma escrita que, por direito, tenha sido
produzido, expedido ou modificado por
determinado indivíduo.
C) a Lei de Acesso à Informação não se aplica aos
membros do Ministério Público, por atuarem eles
como fiscais da lei.
D) quando não for autorizado acesso integral à
informação por ser ela parcialmente sigilosa, o
acesso à parte não sigilosa restará prejudicada.
E) será facultada à pessoa física que detiver
informações em virtude de vínculo de qualquer
natureza com o Poder Público a observância das
normas da Lei deAcesso à Informação.
Acerca da Lei nº 1.079/1950 (Lei dos crimes de
responsabilidade), assinale a alternativa correta.
A) É permitido a todo cidadão denunciar o
Governador perante o Senado Federal, por crime
de responsabilidade.
B) Será recebida a denúncia depois que o
Governador, por qualquer motivo, houver
deixado definitivamente o cargo, em observância
aos princípios da legalidade, moralidade e boa fé.
C) Os Secretários de Estado não se subordinam à
Lei nº 1.079/1950, mesmo que os crimes sejam
conexos com os dos Governadores.
D) Apresentada a denúncia e julgada objeto de
deliberação, se a Assembleia Legislativa por
maioria simples decretar a procedência da
acusação, será determinado imediatamente a
perda do cargo de Governador.
E) Aplica-se subsidiariamente à Lei nº 1.079/1950,
mais especificamente no processo e julgamento
do Governador, o regimento interno da
Assembleia Legislativa e do Tribunal de Justiça,
bem como o Código de Processo Penal.
Questão 31
Questão 32
www.pciconcursos.com.br
09
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
Com base na Lei nº 8.429/1992 (Lei de improbidade
administrativa), é correto afirmar que:
A) os atos de improbidade administrativa previstos
na Lei de improbidade administrativa são de
caráter taxativo.
B) agente público que pratica ato ilegal por
inabilidade administrativa, caso não haja
enriquecimento ilícito e prejuízo ao erário público,
não comete ato de improbidade administrativa,
uma vez que a culpa em se tratando de
improbidade administrativa tem que estar
qualificada pela “má-fé”.
C) é discricionário à autoridade administrativa não
investigar atos de improbidade administrativa,
desde que haja despacho fundamentado.
D) a Lei de Improbidade Administrativa prevê que a
representação contra os atos de improbidade
administrativa seja feita por cidadão.
E) a perda da função pública e a suspensão dos
direitos políticos se efetiva com o término do
procedimento administrativo que apure a prática
de ato de improbidade administrativa.
Questão 33
No que concerne à responsabilidade civil do Estado,
qual teoria o direito brasileiro, em regra, tem
aplicado?
A) Irresponsabilidade civil do Estado
B) Responsabilidade civil subjetiva do Estado por
culpa
C) Responsabilidade civil objetiva do Estado por
risco integral
D) Responsabilidade civil objetiva do Estado por
risco administrativo
E) Responsabilidade civil subjetiva do Estado por
dolo
Para execução parcial de uma escola, uma empresa
foi contratada por empreitada a preço global por
R$ 200.000,00 para os seguintes serviços:
Ao final do segundo mês de obra as seguintes
quantidades executadas foram medidas:
-Alvenaria: 900 m
- Chapisco: 1200 m
- Telhado: 130 m
O desembolso financeiro é proporcional ao progresso
físico.
O progresso físico, ao final do segundo mês de obra,
foi de:
A) 51,5%.
B) 48,5%.
C) 45,5%.
D) 42,5%.
E) 39,5%.
2
2
2
Segundo a norma ABNT NBR 12655:2015 – Versão
Corrigida: 2015 (Concreto de cimento Portland
Preparo, controle, recebimento e aceitação –
Procedimento), a amostragem do concreto para
ensaios de resistência à compressão deve ser feita
dividindo-se a estrutura em lotes. No controle
estatísticodo concreto por amostragem parcial, para
uma concretagem de lajes e vigas em um mesmo
pavimento, realizada no mesmo dia, o volume
máximo, em m , para a formação de lotes de concreto
deve ser:
A) 50.
B) 75.
C) 100.
D) 125.
E) 150.
–
3
Questão 34
Questão 36
Questão 37
O Município de Ariquemes publicou um edital, na
modalidade pregão, para aquisição de materiais de
limpeza destinados às escolas públicas de sua
jurisdição. No caso hipotético, o edital não
estabeleceu o prazo de validade das propostas. De
acordo com o artigo 6º, Lei nº 10.520/2002, não tendo
estabelecido no edital prazo de validade das
propostas, esse prazo será de quantos dias?
A) 30
B) 45
C) 60
D) 90
E) 120
Questão 35
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
Discriminação Unidade Quant. Preço Unitário
Alvenaria m2 1000 R$ 60,00
Chapisco m2 2500 R$ 30,00
Telhado m2 650 R$ 100,00
www.pciconcursos.com.br
10
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
Observe a viga isostática a seguir, de largura 10 cm e
altura 40 cm, com um apoio de 1º gênero em “A” e um
apoio de 2º gênero em “B”:
A tensão de tração máxima, devido à flexão, na seção
1-1, em MPa, é:
A) 200,0.
B) 18,0.
C) 12,0.
D) 1,8.
E) 1,2.
Com relação ao preconizado pela norma ABNT NBR
6118:2014 - Versão Corrigida:2014 (Projeto de
estruturas de concreto — Procedimento) relativo à
ancoragem das armaduras passivas por aderência, é
correto afirmar que:
A) as barras comprimidas devem ser ancoradas
sem ganchos.
B) a ponta reta dos ganchos em ângulo reto das
extremidades das barras da armadura
longitudinal de tração deve ter comprimento
mínimo de 10 mm.
C) as barras tracionadas lisas devem ser ancoradas
obrigatoriamente sem gancho.
D) as barras, solicitadas alternadamente à tração e
à compressão, devem ser ancoradas com
gancho.
E) o diâmetro interno da curvatura dos ganchos das
armaduras longitudinais de tração deve ser pelo
menos igual ao diâmetro dessa armadura.
Observe a viga a seguir, com um engaste em
“A”, uma rótula em “B” e um apoio do 2º gênero
em “C”:
O módulo do momento fletor, em kN.m, no engaste
“A” é:
A) 720.
B) 960.
C) 1200.
D) 1440.
E) 1680.
Gerber
Questão 39
Questão 41
Questão 40
Em um desenho de forma de um projeto estrutural,
com as dimensões indicadas em cm, uma viga
recebeu a seguinte designação:
V9 (10 x 60)
Aaltura dessa viga, em cm, é:
A) 10.
B) 20.
C) 40.
D) 50.
E) 60.
Questão 38
www.pciconcursos.com.br
11
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
O pavimento tipo de um prédio tem área de 500 m .
Para estimativa do volume de concreto consumido na
estrutura desse pavimento tipo, foi considerada a
espessura média dos elementos estruturais de
20 cm. O volume de concreto produzido pelo traço
que será utilizado nessa estrutura é de 200 litros para
cada saco de cimento de 50 kg. A quantidade de
sacos de cimento de 50 kg a ser utilizada na
concretagem da estrutura desse pavimento tipo
será de:
A) 100.
B) 200.
C) 300.
D) 400.
E) 500.
2
Questão 42
Conforme a normaABNT NBR 7187:2003 (Projeto de
pontes de concreto armado e de concreto protendido
– Procedimento) as vigas de seção retangular e as
nervuras das vigas de seção T, duplo T ou celular
concretadas no local, nas estruturas de que
trata essa norma, não devem ter largura de alma
b , em cm, menor do que:
A) 25.
B) 20.
C) 18.
D) 15.
E) 12.
w
Questão 43
Observe o perfil de solo da figura a seguir, em que NT
é o nível do terreno e NAo nível da água.
Sabendo-se que o peso específico da água é
10 kN/m , a pressão efetiva, em kPa, no ponto “A” é:
A) 64.
B) 96.
C) 118.
D) 120.
E) 160.
3
Questão 44
De um projeto rodoviário, com estacas a cada 20 m,
obteve-se o seguinte perfil longitudinal (sem escala)
entre os pontos P1 e P2:
Se o declive entre P1 e P2 é de 4%, a estaca do ponto
P2 é:
A) E104+5m.
B) E129+10m.
C) E154+15m.
D) E179+15m.
E) E204+10m.
Questão 45
www.pciconcursos.com.br
12
FUNCAB - Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt
Observe a seguir um canal com forma de triângulo
cuja altura da lâmina d'água é de 2,5 m:
A inclinação do talude, como indicado, obedece a
relação 1 : a. Para que o raio hidráulico desse canal
seja 0,75 m, o valor de “a” deve ser:
A) 0,25.
B) 0,50.
C) 0,75.
D) 1,00.
E) 1,25.
Questão 46
De acordo com a norma ABNT NBR 12213:1992
(Projeto de captação de água de superfície para
abastecimento público - Procedimento), o dispositivo
destinado a remover da água partículas, com
velocidade de sedimentação igual ou superior a um
valor prefixado, é denominado:
A) desarenador.
B) enrocamento.
C) tela.
D) barragem de nível.
E) grade.
Questão 47
No programa de manutenção de certa edificação,
consta que anualmente deve ser realizada a
atividade de reaperto de todas as conexões dos
quadros de distribuição dos circuitos das instalações
elétricas. Segundo a norma ABNT NBR 5674:2012
(Manutenção de edificações — Requisitos para o
sistema de gestão de manutenção) esse tipo de
manutenção é classificado como:
A) contra incêndio.
B) de segurança.
C) corretiva.
D) rotineira.
E) preventiva.
Questão 48
A Norma Regulamentadora NR-6 (Equipamento de
proteção individual – EPI) apresenta em seu Anexo I
uma lista de equipamentos de proteção individual.
Assinale, dentre os equipamentos a seguir, aquele
que se destina à proteção do corpo inteiro:
A) cinturão de segurança com talabarte para
proteção do usuário contra riscos de queda em
trabalhos em altura.
B) vestimenta para proteção do tronco contra
agentes químicos.
C) vestimenta para proteção de todo o corpo contra
radiações ionizantes.
D) macacão para proteção do tronco e membros
superiores e inferiores contra umidade
proveniente de operações com uso de água.
E) macacão para proteção de todo o corpo contra
agentes cortantes e perfurantes.
Questão 49
De acordo com a Lei no 1.520, de 22 de dezembro de
2009, que institui o código de obras e edificações do
Município de Ariquemes, as portas de acesso das
edificações destinadas a abrigar atividades de
educação deverão ter largura mínima, em m, de:
A) 3,5.
B) 3,0.
C) 2,5.
D) 2,0.
E) 1,5.
Questão 50
Concurso Público Engenheiro Civil –
Município de Ariquemes - RO – 2016 – 
Conhecimentos Específicos-Resolução 
39 
Dados: 
Segue a viga isostática de 10x40 cm 
abaixo: 
 
Qual é a tensão de tração máxima, 
devido à flexão, na seção 1-1 (ponto 
C), em MPa? 
VA + VB − (10 ∗ 8) − 50 = 0 
VA + VB = 130 
ΣMA = 0; ↻ (+) 
6 ∗ VB − (10 ∗ 8 ∗ 4) − (50 ∗ 8) = 0 
6VB − 320 − 400 = 0 
6VB = 720 
VB = 120 kN 
VA + VB = 130 
VA + 120 = 130 
VA = 10 Kn 
MA = 0; ↻ (+) 
MC = ↺ (−) 
−MC + VA ∗ 1,2 − Q ∗ 1,2 ∗ 0,6 = 0 
−MC + 10 ∗ 1,2 − 10 ∗ 1,2 ∗ 0,6 = 0 
−MC + 12 − 7,2 = 0 
−MC + 4,8 = 0 
MC = 4,8 kN. m (tração) 
MD = ↻ (+) 
MD + VA ∗ 3 − Q ∗ 3 ∗ 1,5 = 0 
MD + 10 ∗ 3 − 10 ∗ 3 ∗ 1,5 = 0 
MD + 30 − 45 = 0 
MD − 5 = 0 
MD = 5 kN. m (tração) 
MB = ↺ (−) 
−MB + VA ∗ 6 − Q ∗ 6 ∗ 3 = 0 
−MB + 10 ∗ 6 − 10 ∗ 6 ∗ 3 = 0 
−MB + 60 − 180 = 0 
−MB + 120 = 0 
MB = 120 kN. m (compressão) 
ME = ↻ (+) 
ME + VA ∗ 8 − Q ∗ 8 ∗ 4 + VB ∗ 2 = 0 
ME + 10 ∗ 8 − 10 ∗ 8 ∗ 4 + 120 ∗ 2 = 0 
ME + 80 − 320 + 240 = 0 
ME + 320 − 320 = 0 
ME = 0 
Para descobrir a tensão de tração 
máxima (σTmáx) na viga aplica-se a 
seguinte fórmula: 
σmáx.
T =
Mmáx. ∗ �̅�
I
 
M máx. = momento fletor máximo de 
tração 
y̅ = coordenada CG em Y 
I = Momento de Inércia 
Momento de Inércia: 
Ix =
b ∗ h3
12
+ A ∗ dy2 
b = base da peça 
h = altura da peça 
A = área da peça 
dy = diferença da coordenada CG para 
a coordenada no meio da peça, no eixo 
Y 
 
y1 =40/20 = 20cm 
y̅ =
A1 ∗ y1 + An ∗ yn …
A1 + An …
 
y1 ou yn = coordenada da parte do 
eixo Y 
A (1, n) = área de cada parte 
Aretângulo = b ∗ h 
b = base 
h = altura 
A1 = 10 ∗ 40 = 400 cm² 
y̅ =
400 ∗ 20
400
= 20 cm 
 
Ix =
b ∗ h3
12
+ A ∗ dy2 
Ix =
10 ∗ 403
12
+ 400 ∗ (20 − 20)2 
Ix = 53.333,33 cm
4 
Conversão de Unidades: 
 
Análise da fórmula: 
σmáx.
T =
Mmáx. ∗ �̅�
I
 
σmáx.
T =
kN. m ∗ cm
cm4
 
σmáx.
T =
kN. m ∗ (100 cm) ∗ cm
cm4
 
σmáx.
T =
(4,8 ∗ 100) ∗ 2053.333,33
 
σmáx.
T = 0,18 kN/cm² 
0,18 ∗
kN
cm2
∗
0,001MN
0,0001m2
= 1,8
M
m2
 ou 𝟏, 𝟖 𝐌𝐏𝐚 
Alternativa D. 
40 
Dada a viga Gerber abaixo: 
 
Qual é o momento fletor no engaste A, 
em kN.m? 
VA + VB − 60 − 20 ∗ 12 = 0 
VA + VB = 300 
MA − 60 ∗ 4 − 20 ∗ 12 ∗ 6 + VC ∗ 12 = 0 
MA − 240 − 1440 + 12VC = 0 
MA − 1680 + 12VC = 0 
MA + 12VC = 1680 
 
A reação VC gera um momento 
negativo, sendo representada com o 
sinal (-) e a carga distribuída com sinal 
(+), ficando: 
1 Mega = 1000 k - 1 k = 0,001 Mega
1 m² = 1000 cm² - 1 cm² = 0,0001 m²
1 m = 100 cm
−VC ∗ 6 + 20 ∗ 6 ∗ 3 = 0 
−6VC + 360 = 0 
−6VC = −360 
VC = 60 kN 
MA + 12VC = 1680 
MA + 12 ∗ 60 = 1680 
MA = 1680 − 720 
𝐌𝐀 = 𝟗𝟔𝟎 𝐤𝐍. 𝐦 
Alternativa B. 
42 
Dados: 
Área do pavimento = 500 m² 
Espessura média dos elementos 
estruturais = 20 cm 
Volume de concreto pelo traço é de 
200 litros para 1 saco de cimento de 
50 Kg. 
Qual é a quantidade de sacos de 
cimento de 50 Kg utilizada para 
concretagem desta estrutura? 
Para descobrir a quantidade de sacos 
de cimento de 50 Kg que serão 
utilizados, primeiramente calcula-se o 
volume (V) da estrutura: 
V = A ∗ h 
A = Área do pavimento = 500 m² 
h = Altura ou espessura média da 
estrutura = 20 cm 
Obs.: 1 m = 100 cm 
V = 500 ∗
20
100
= 100 m³ 
Com isso, após achar o volume da 
estrutura aplica-se a Regra de 3, junto 
a relação volume-saco de cimento, 
fornecida pela questão: 200 litros para 
1 saco de cimento de 50 Kg: 
Obs.: 1 m ³ = 1000 dm³ (litros) 
200
100 ∗ 1000
=
1
x
 
200x = 100000 
𝐱 = 𝟓𝟎𝟎 𝐬𝐚𝐜𝐨𝐬 𝐝𝐞 𝐜𝐢𝐦𝐞𝐧𝐭𝐨 
Alternativa E. 
44 
Dado o perfil de solo abaixo: 
 
Sendo o peso específico da água igual 
a 10 kPa, qual é a pressão efetiva no 
ponto A? 
Pressão total (σ): 
σ = γ ∗ z 
Pressão neutra ou Poro pressão (u): 
u = γágua ∗ zágua 
Pressão efetiva (σ’): 
σ′ = σ − u 
ϒ = Peso específico (kN/m³) 
z = Espessura (m) 
Pressão total (σ): 
σ = (21 ∗ 2) + (18 ∗ 3) + (16 ∗ 4) 
σ = 42 + 54 + 64 
σ = 160 kPa 
Pressão neutra ou Poro pressão (u): 
u = 10 ∗ 4 
u = 40 kPa 
Pressão efetiva (σ’): 
σ′ = 160 − 40 
𝛔′ = 𝟏𝟐𝟎 𝐤𝐏𝐚 
Alternativa D. 
45 
Dado projeto rodoviário, com estacas 
a cada 20: 
 
Sendo a declividade (i) entre P1 e P2, 
4%, qual é a posição da estaca P2? 
Primeiramente calcula-se a distancia 
linear horizontal entre as estacas P1 e 
P2 através da fórmula da declividade 
(i): 
i =
h
b
∗ 100% 
h = Altura 
b = Base 
 
4 =
(46 − 20)
x
∗ 100% 
4x = 2600 
x = 650 m 
Ao calcular esta distancia linear 
horizontal, multiplica-se seu resultado 
pelo espaçamento entre as estacas 
fornecido pela questão, 20 m, o qual 
resultará nas quantidades de estacas 
de P1 a P2, no sentido horizontal: 
 
Com isso, ao se somar a posição da 
estaca P1, E122+5m com a 
quantidade de estacas até P2, 32,5, 
resultará em E154+15m. 
Alternativa C. 
46 
Dado o canal de forma triangular: 
 
Sendo a inclinação do talude 
correspondendo a relação 1 : a e raio 
hidráulico de 0,75 m, qual é o valor de 
“a”? 
Raio hidráulico (Rh) para um canal 
(talude) triangular: 
Rhtriangulo =
m ∗ h
2 ∗ √m2 + 1
 
m = a (da relação 1 : a) 
h = altura da lâmina d’água = 2,5 m 
0,75 =
m ∗ 2,5
2 ∗ √m2 + 1
 
0,75 =
2,5m
2 ∗ m + 1
 
 650 20
- 60 32,5
 050
 - 40
 010
 - 10
 00
0,75 =
2,5m
2m + 1
 
2,5m = 1,5m + 0,75 
𝐦 = 𝟎, 𝟕𝟓 
Alternativa C. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
39. Diagrama de Esforço Cortante (DEC) realizado no Ftool.
39. Diagrama de Momento Fletor (DMF) realizado no Ftool.
40. Diagrama de Esforço Cortante (DEC) realizado no Ftool.
40. Diagrama de Momento Fletor (DMF) realizado no Ftool.

Continue navegando