Buscar

passei direto direito civil regime de bens no casamento

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 3 páginas

Prévia do material em texto

1
DIREITO CIVIL 
CASAMENTO: regimes de bens.
Principais regimes de bens:
· Comunhao parcial de bens;
· Comunhao universal de bens;
· Separação totaal de bens;
· Separaçao obrigatoria de bens (decorrente da lei);
· Participaçao final no aquestos;
· Regime misto.
Comunhao parcial de bens o mais comum no Brassil (chamado de regime supletivo), se os nubentes não escolherem expressamente o regime vigorará o parcial de bens, tambem o adotado na união estavel.
· Caracteriza pela comunicaçao apenas dos bens adquiridos oneerosamente, por um ou ambos duarante o casamento ou a união estavel;
Salvo comprovado que foi adquirido atraves da sub-rogaçao de bens particulares.
· O que receberem por sucessao e/ou doaçao, em regra não se comunicarao.
Obs. a administraçao do patrimonio comum compete a qualquer um dos conjuges, salvo exprssas determinaçoes, bem como aa divida contraidas durante o relacionamento.
Comunhao universal de bens era o adotado como supletivo (legal), não havendo estipulaçao contraria pelos nubentes.
· Todos os bens se comunicam, independentemente do momento e da forma que foram adquiridos (uma massa patrimonial);
· O patrimonio anterior ao casamento é do casal;
· Bens futuros, recebidos a titulo gratuito (doaçao ou herança) ou onerosos, 
Obs. salvo situaçoes excepcionais.
	Nota: as dividas anteriores ao casamento estao excluidas da comunhao, salvo comprovado que essas dividas se reverteram em proveito do casal, podera haver sua comunicabilidade.
Separaçao de bens tambem chamado de separaçao convencional de bens, separaçao total ou absoluta:
· Não há comunicabilidade do patrimonio anterior e também não há quantos aos bens adquiridos na constancia do relacionamento,seja titulo gratuito ou oneroso;
Nota: independencia patrimonial.
Exemplo ao adquirir um bem imovel ou movel recomenda-se que no insstrumento de compras e venda seja feito em nome de ambos, constando o percentual que cada um investiu quando da reaalizaçao do negocio.
Separaçao convencional de bens decorre da autonomia privada dos conjuges, escolhido no pacto antenupcial, em casso de morte o conjuge ou companheiro sobrevivennte tera direito a participar da herança dos bens particulares, juntamento com os herdeiros do falcecido, 
	Obs. as partes escolhem por liberalidade.
Separaçao obirgatoria na inobservancia das causas susspensivas da celebraçao:
· Pessoa maior de 70 anos
· Os que dependem, para casar, de suprimento judicial.
Participaçao final nos aquestos consite no fato de que possui uma natureza hibrida, caracteritica tanto do regime de separaçao quanto da comunhao parcial de bens.
· Cada conjuge ou companheiro, posssui o seu proprio patrimonio, sendo unicamente responsavel por sua administraçao;
· Os bens no periodo de convivencia se tornam comuns ao casal, partilhados na proporção de metade para cada um.
Apuraçao dos aquestos: Serao excluidos da soma dos patrimonios proprios;
· Os bens anteriores ao casamento e os que em seu lugar se sub-rogaram;
· Os que sobrevieram a cada um por sucessao ou adoçao;
· As dividas em relaçao a esses bens.
Obs. as dividas de um dos conjuges, quaando superiores a sua meaçao, não obrigam ao outro ou aos seus herdeiros. 
Regime misto é uma estrategia de combinar 2 ou maais regime de bens já existente, permitindo que os cconjuges estabeleçam suas proprias regras paatrimoniaais paara vigorar durante a relaçao.

Outros materiais