Buscar

Avaliação II - Introdução ao Estudo do Direito

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 5 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Prévia do material em texto

Prova Impressa
GABARITO | Avaliação II - Individual (Cod.:959561)
Peso da Avaliação 2,00
Prova 79516547
Qtd. de Questões 10
Acertos/Erros 9/1
Nota 9,00
Sabe-se que a eficácia possui alguns fatores preponderantes para a sua funcionalidade, por 
exemplo, os fatores de atribuição da eficácia em geral, fatores de atribuição da eficácia diretamente 
visada e fatores de atribuição de eficácia mais extensa. Sobre os fatores preponderantes para 
funcionalidade da eficácia da norma jurídica, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as 
falsas:
( ) Fatores de atribuição da eficácia em geral: que são aqueles sem os quais o ato praticamente 
nenhum efeito produz; é o que ocorre no primeiro exemplo citado (ato sob condição suspensiva), em 
que, durante a ineficácia, poderá haver a possibilidade de medidas cautelares, mas, quanto aos efeitos 
do negócio, nem se produzem os efeitos diretamente visados, nem outros, substitutivos deles.
( ) Fatores de atribuição da eficácia diretamente visada: que são aqueles indispensáveis para que um 
negócio, que já é de algum modo eficaz entre as partes, venha a produzir exatamente os efeitos por ele 
visados; quer dizer, antes do advento do fator de atribuição da eficácia diretamente visada, o negócio 
produz efeitos, mas não os efeitos normais; os efeitos, até a ocorrência do fator de eficácia, são antes 
efeitos substitutivos dos efeitos próprios do ato; é o que ocorre no segundo exemplo citado, em que o 
negócio, realizado entre o mandatário sem poderes e o terceiro produz, entre eles, seus efeitos, que, 
porém, não são os efeitos diretamente visados.
( ) Fatores de atribuição de eficácia mais extensa: que são aqueles indispensáveis para que um 
negócio, já com plena eficácia, inclusive produzindo exatamente os efeitos visados, dilate seu campo 
de atuação, tornando-se oponível a terceiros ou, até mesmo, erga omnes.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
A V - V - F.
B F - V - F.
C V - V - V.
D V - F - V.
A Norma Jurídica é um conjunto de normas do direito, que prevê e regulamenta a conduta dos 
indivíduos, baseada na sociedade, e criada a fim de facilitar na aplicação das sanções, ela possui 
grande relevância jurídica, no sentido de fornecer subsídios e padronizar elementos necessários. Sabe-
se que a bilateralidade, generalidade, abstratividade, imperatividade, coercibilidade fazem parte da 
estrutura da norma jurídica. Sobre a temática, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as 
falsas:
( ) Bilateralidade significa que a norma jurídica possui dois lados: um representado pelo direito 
subjetivo e outro pelo dever jurídico, de tal sorte que um não pode existir sem o outro. 
( ) Visando atingir o maior número possível de situações, a norma jurídica é abstrata, regulando os 
casos dentro do seu denominador comum, ou seja, como ocorrem via de regra. Se o método 
 VOLTAR
A+ Alterar modo de visualização
1
2
legislativo pretendesse abandonar a abstratividade em favor da casuística, para alcançar os fatos como 
ocorrem singularmente, com todas as suas variações e matizes, além de se produzirem leis e códigos 
muito mais extensos, o legislador não lograria o seu objetivo, pois a vida social é mais rica do que a 
imaginação do homem e cria sempre acontecimentos novos e de formas imprevisíveis.
( ) Coercibilidade quer dizer possibilidade de uso da coação. Esta possui dois elementos: 
psicológico e material. O primeiro exerce a intimidação, através das penalidades previstas para a 
hipótese de violação das normas jurídicas. O elemento material é a força propriamente, que é 
acionada quando o destinatário da regra não a cumpre espontaneamente. 
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
A V - V - V.
B F - V - V.
C V - V - F.
D V - F - V.
A norma jurídica enquanto parte do direito traz consigo grande relevância. Desta forma, ela 
possui planos de validade a fim de que seja aplicável de forma eficaz e eficiente, a fim de adaptar-se e 
alcançar a sociedade em geral. Sobre a temática, analise as sentenças a seguir:
I- Uma norma jurídica, para que seja obrigatória, não deve estar apenas estruturada logicamente 
segundo um juízo categórico ou hipotético, pois é indispensável que apresente certos requisitos de 
validade.
II- No plano de eficácia estão os efeitos gerados pelo negócio com relação às partes e com relação a 
terceiros. São elementos relacionados com a suspensão e resolução de direitos e deveres.
III- É a partir do plano de existência que surgem os pressupostos de exigência, que são os elementos 
essenciais para o negócio jurídico.
Assinale a alternativa CORRETA:
A Somente a sentença II está correta.
B Somente a sentença III está correta.
C Somente a sentença I está correta.
D As sentenças I, II e III estão corretas.
A norma jurídica é um conjunto de normas do direito que faz parte do ordenamento jurídico, 
postulando as regras jurídicas, deixando-as de maneira formal e regularizadas. São caracterizadas por 
serem bilaterais, sendo que ela prevê o acontecimento e, caso ele ocorra, o efeito jurídico produzido. 
Acerca da estrutura da norma jurídica, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
( ) Não se pode afirmar que a norma é produto do intelecto do intérprete e a norma só se constrói se 
for tomado o seu sentido dentro do contexto do sistema no qual está inserida.
( ) A norma jurídica é, antes do mais, um modelo, uma fórmula ou uma regra de comportamento 
humano que se manifesta por sinais exteriores, que se impõe com carácter obrigatório, uma vez que o 
seu respeito pode ser exigido pela força democrática e organizada do Estado nos termos da 
3
4
Constituição.
( ) O conteúdo da norma é um pensamento, uma proposição (proposição jurídica), mas uma 
proposição de natureza prática, isto é,
uma orientação para a ação humana; a norma é, portanto, uma regra, conforme a qual nós devemos 
guiar.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
A F - V - V.
B V - V - V.
C V - V - F.
D V - F - V.
É sabido que a Norma Jurídica é o conjunto de normas do direito, que prevê e regulamenta a 
conduta dos indivíduos. Baseada na sociedade, e criada a fim de facilitar na aplicação das sanções, ela 
possui grande relevância jurídica, no sentido de fornecer subsídios e padronizar elementos 
necessários. Sobre as características da estrutura da norma jurídica segundo Nader (2017), analise as 
opções a seguir:
I- Bilateralidade.
II- Generalidade.
III- Imperatividade.
IV- Coercibilidade.
Assinale a alternativa CORRETA:
FONTE: NADER, P. Introdução ao estudo do direito. 40. ed. Rio de Janeiro: Forense, 2017.
A As opções I, II, III e IV estão corretas.
B Somente a opção III está correta.
C Somente a opção II está correta.
D Somente a opção IV está correta.
Entendendo a norma jurídica enquanto um conjunto de normas do direito, se faz relevante 
compreender suas características e classificações a fim de conhecê-la de forma profunda e eficiente. 
Sobre a temática, analise as sentenças a seguir: 
I- A norma possui uma estrutura interna e externa. Na estrutura externa se tem a lei e o costume. Já na 
interna estão colocados a endonorma e a perinorma.
II- O que efetivamente caracteriza uma norma jurídica, de qualquer espécie, é o fato de ser uma 
estrutura proposicional enunciativa de uma forma de organização ou de conduta, que deve ser seguida 
de maneira objetiva, porém não obrigatória.
III- É necessária a abordagem dos atributos de vigência, efetividade, eficácia e legitimidade para se 
ter o estudo completo da norma jurídica, pois em torno da matéria há muita controvérsia, a começar 
pela própria terminologia, notadamente com relação ao termo eficácia.
5
6
Assinale a alternativa CORRETA:
A Somente a sentença III está correta.
B As sentenças I e III estão corretas.
C As sentenças I e II estão corretas.
D As sentenças II e III estão corretas.
As normas jurídicas são impostas pelo Estado a fim de manter a paz social, esclarecendoao sujeito 
seu modo de agir, fazer e não fazer. Além disso, toda norma jurídica possui algumas características 
próprias, dentre elas a obrigatoriedade de seu cumprimento. Sobre as características da norma 
jurídica, analise as afirmativas a seguir:
I- Uma das características é a bilateralidade, ou seja, atribuir poder a uma parte e dever à outra.
II- A norma também é subjetiva, ou seja, sua aplicação depende da vontade daquele que a aplica.
III- É coercitiva, pois impõe o uso da força em caso de descumprimento espontâneo.
IV- Via de regra, é editada, a fim de sanar um caso em específico, muito embora também possa ser 
aplicada aos demais que se enquadrarem. 
Assinale a alternativa CORRETA:
A As afirmativas II e IV estão corretas.
B As afirmativas I e III estão corretas.
C Somente a afirmativa I está correta.
D Somente a afirmativa IV está correta.
Compreende-se de maneira breve a relevância da norma jurídica para o direito de modo geral, 
visto que seu papel é assegurar o conjunto de normas da ciência jurídica, assim como o papel de 
obedecer a sua complexa estrutura. Uma de suas atribuições é o fato de deixar padronizadas e 
regulamentadas as regras jurídicas, facilitando sua aplicação nos casos cotidianos. Sobre a temática, 
analise as sentenças a seguir:
I- Entende-se por norma jurídica o conjunto de normas do direito, que prevê e regulamenta a conduta 
dos indivíduos. Baseada na sociedade, e criada a fim de facilitar na aplicação das sanções, ela possui 
grande relevância jurídica, no sentido de fornecer subsídios e padronizar elementos necessários.
II- Faz-se necessária a compreensão da norma jurídica como um todo: desde a sua estruturação, 
aplicação, até seus fundamentos. 
III- Seu papel na ciência jurídica é o de assegurar as normas do direito, mantendo assim as 
características normativas, que faz parte da construção do direito enquanto ciência e profissão.
Assinale a alternativa CORRETA:
A Somente a sentença III está correta.
B As sentenças I, II e III estão corretas.
7
8
C Somente a sentença II está correta.
D Somente a sentença I está correta.
É sabido que os três planos de validade da norma jurídica complementam-se e são necessários 
para o sucesso e eficácia de um negócio. Sobre a temática, analise as sentenças a seguir:
I- Elemento do negócio jurídico é tudo aquilo que lhe dá existência no campo do direito. Classificam-
se, conforme o grau de abstração, em elementos gerais, isto é, próprios de todo e qualquer negócio; 
categoriais, que são próprios de cada tipo de negócio; e particulares, ou seja, existentes, sem serem 
gerais ou categoriais, em determinado negócio.
II- Os elementos essenciais para o plano de validade, que são, fundamento, vigência e eficácia para 
possuir efetividade e cumprir seu papel nos planos de validade do direito.
III- A eficácia possui o papel de avaliar se determinada norma funciona de fato diante da realidade 
social.
Assinale a alternativa CORRETA:
A Somente a sentença I está correta.
B Somente a sentença III está correta.
C Somente a sentença II está correta.
D As sentenças I, II e III estão corretas.
Sendo aplicável nas diversas relações jurídicas, a norma é vista com extrema importância pelos 
juristas. Para Kelsen (1987), autor da Teoria Pura do Direito, a estrutura da norma jurídica possui duas 
partes: a norma secundária e a norma primária. Sobre a norma secundária, assinale a alternativa 
CORRETA:
FONTE: KELSEN, H. Teoria Pura do Direito. São Paulo: Martins Fontes, 1987.
A Norma secundária: "Dado um fato indeterminado deve ser aplicado a prestação"
B Norma secundária: "Dado um fato temporal deve ser feito a prestação"
C Norma secundária: "Dado a não prestação, deve ser aplicada a sanção"
D Norma secundária: "Dado a prestação, deve ser aplicada a sanção"
9
10
Imprimir

Continue navegando