A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
06. Ciclo de Vida do Produto

Pré-visualização | Página 1 de 1

Ciclo de Vida do Produto 
CVP
O Ciclo de Vida dos Produtos funciona com base em dois eixos: volume de vendas e tempo.
1º - Introdução: ocorre logo após o lançamento do produto no mercado e por ser um produto novo o crescimento das vendas é lento e o custo é alto por conseqüência de um alto investimento. Na introdução, a estratégia genérica usada é a Crescer, pois a idéia é tornar o resultado maior.
2º - Crescimento: É a fase em que o mercado já conhece o produto, portanto o há um crescimento nas vendas. Os gastos iniciais começam a se igualar ao investimento, porém o lucro ainda é muito reduzido, apesar de crescente. No crescimento, a estratégia adotada é ainda a Crescer, pois a buscar continua sendo por resultados maiores. Nessa fase que acontece a maior procura e retenção de clientes.
3º - Maturidade: É o período em que o produto conquista o mercado. Nesse momento o indicado é reduzir os custos e maximizar os lucros, além de procurar reter os clientes conquistados na fase anterior e conseguir novos clientes da concorrência para atingir a liderança do mercado. Na maturidade, se alcança o número máximo de produtos que podem ser vendidos, portanto a estratégia que melhor se encaixa nessa fase do ciclo e Manter, pois a buscar nesse momento é de manter os resultados atuais. 
Uma das vantagens de usar o manter na maturidade é que, como o crescimento do produto parou, o investimento pode ser um pouco desacelerado, o que ocasiona em mais lucros.
4º - Declínio: É a fase em que as vendas começam a cair, resultando na saída de várias empresas do mercado. No instante de transição do ciclo de Maturidade para Declínio, a estratégia adotada é Aproveitar ao Máximo, pois o ciclo de vida do produto está caminhando para o fim. Mas a estratégia predominante nessa fase do ciclo é Abandonar, porque o produto está tendendo a uma redução nos lucros e se dirigindo para dar prejuízos. Portanto é melhor abandonar o produto. É preciso ficar atento para não perder o tempo certo de abandonar o produto, senão há chances da empresa ter grandes prejuízos.
É necessário analisar o risco que o negócio tem e o retorno lucrativo gerado. Se o risco for baixo e o retorno for alto, é um bom mercado para investir. Se o risco for alto e a expectativa de retorno for baixa, não vale a pena entrar no mercado da mesma forma que se o risco for baixo, mas o retorno também for baixo. 
*É preciso buscar sempre um custo baixo para conseguir maximizar os lucros, mas depois de atingir esse custo baixo, perceber que o lucro está diminuindo, pode ser sinal que o CVP está caminhando para a fase de declínio, então é melhor abandonar esse mercado.
	Quadro de análise do CVP
	VARIÁVEL
	INTRODUÇÃO
	CRESCIMENTO
	MATURIDADE
	DECLÍNIO
	Vendas
	Baixa
(O produto ainda é desconhecido pelo mercado)
	Crescente
(O produto começa a ser conhecido no mercado)
	Alta
(É o apogeu das vendas. Nessa fase as vendas atingem o pico máximo.)
	Decrescente
(Essa fase é o fim do CVP, portanto as vendas começam a diminuir)
	Custo
	Alto
(O investimento é alto, a curva de experiência é baixa e o ganho de escala é baixo)
	Decrescente
(O investimento continua alto, mas começa a ser reduzido os custos na medida que vai aumentando a curva de experiência e o ganho de escala)
	Baixo
(O investimento agora é reduzido a manutenção, os custos são reduzidos ainda mais, porque a curva de experiência e o ganho de escala são altos)
	Baixo
(A tendência agora é com a diminuição das vendas o custo aumenntar, então é aconselhavel abandonar o mercado antes que isso ocorra)
	Lucro
	Negativo 
(Muito investimento e pouco retorno)
	Crescente
(Na medida que as vendas aumentam e os custos diminuem, os lucros crescem)
	Alto
(com os custos baixos e as vendas no máximo, os lucros atingem seu pico)
	Decrescente
(As vendas começam a diminuir, com isso o lucro diminui também)
	Objetivos do 
Marketing
	Criar consciência do
produto (Apresentar o produto ao mercado)
	Maximizar a participação no mercado
(A idéia agora é ganhar o maximo do mercado que puder)
	Maximizar o lucro e defender participação de mercado
(A tendencia agora é aumentar os lucros, porém é preciso também manter os clientes e buscar novos)
	Reduzir operação e aproveitar ao máximo
(Como o fim se aproxima, é preciso caminhar para reduzir ao máximo o custo e tentar lucrar ao máximo nessa fase)
	Consumidores
	Inovadores
(buscam produtos novos no mercado)
	Adotantes imediatos
(São influenciados pelos inovadores a comprarem o novo produto)
	Adotantes posteriores
(Agora os clientes são Influenciados pelos adotantes imediatos)
	Retardatários
(São os últimos consumidores para esse produto, que esperam a redução de preço ao máximo, que é antes do produto sair do mercado)
	Concorrentes
	Poucos 
(O mercado ainda está se desenvolvendo, portanto a concorrência espera o melhor momento para entrar)
	Crescente
(Quando o mercado tende a crescer, a concorrência perder o medo e começa a entrar nesse mercado)
	Estável a declinante
(Como o mercado parou de crescer, Algumas empresas retem a maior parte dos consumidores, portanto as empresas que não conseguirem manter seus clientes ou não conseguirem clientes o suficiente, saem do mercado)
	Declinante
Como o mercado desse produto está sendo finalizado, começa um abandono geral do mercado)
	Produto
	Básico
(Como o produto está pra ser aprovado pelos consumidores, Não é recomendado um investimento muito alto nessa fase nas características do produto)
	Extensão do produto, garantia, serviços
(Agora o foco é aprimoramento do produto, melhora da qualidade e lançamento de novas versões do produto)
	Diversificar marcar e modelos
(O ideal é criar modificações e variações nos modelos do produto)
	Reduzir itens
(é necessário diminuir o preço do produto para aproveitar vender o máximo possível nessa fase, antes do fim do CVP)
	Preço
	Alto
(Como o produto é novidade, entra no mercado com um preço alto)
	Decrescente
(O produto já deixou de ser novidade, então o preço começa a cair com intenção de aumenntar as vendas)
	Baixo
(Como os custos são reduzidos, é possível reduzir o preço para evitar a entrada de novos concorrentes, sem deixar de ser lucrativo )
	Baixo 
(O preço é reduzido, exceto para os produtos que a partir dessa fase permanecer como edições especiais, como por exemplo, as canetas tinteiro Mont Blanc, esse tipo de caneta saiu do mercado, mas essa marca em especial atingiu um nível de status altíssimo)
	Distribuição
	Seletiva
(Como os clientes são específicos, a distribuição é voltada para esses clientes)
	Intensifica
(A distribuição começa a ser mais ampla)
	Máxima/plena
(A distribuição agora é maior que antes, pois ela engloba um ambiente ainda maior)
	Seletiva
(Como os clientes são específicos de novo, a distribuição passa a ser voltada onde esses clientes estão)
	Promoção de
vendas
	Intenso
(Estimula a experimentação do produto)
	Mínima
(Como o Mercado está em crescimento, há uma redução nna promoção de vendas, pois o foco é suprir a demanda crescente)
	Estimula
(Como agora o crescimento parou, ao promoção de vendas precisa ser estimulada para manter os clientes na empresa)
	Mínima
(Como o CVP está finalizando, não vale a pena investir em promoção de vendas)