A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
151 pág.
Ítalo Romano Eduardo - Pacote de 275 Questões Comentadas

Pré-visualização | Página 7 de 46

A 
receita da seguridade social não está adstrita a trabalhadores, empregadores e Poder Público. 
Essa assertiva relacionada à receita da seguridade social está baseada, especificamente, ao 
princípio da 
 a) natureza democrática e descentralizada da administração. 
 b) diversidade da base de financiamento. 
 c) universalidade da cobertura e do atendimento. 
 d) equidade na forma de participação no custeio. 
 e) seletividade e distributividade na prestação dos benefícios. 
 
Comentário: Como a seguridade social é ação importante que visa assegurar o bem estar social, a 
mesma não pode ficar a mercê de uma ou poucas bases de financiamento. Assim sendo, o art. 194, 
parágrafo único, inciso VI da Constituição Federal estabelece como um dos objetivo da seguridade 
social a diversidade da base do seu financiamento. Para exemplificar, haverá contribuições sociais 
sobre os concursos de prognósticos. Isto quer dizer que quando faço uma “fezinha” numa loteria, 
parte do valor apostado será carreado para o financiamento da seguridade social. 
(Letra B). 
 
www.concurseirosocial.com.br
 275 Questões de Concursos Anteriores - Comentadas 
Preparação Concurso INSS – Prof. Ítalo Romano Eduardo 
 
Preparação para o concurso INSS – Uso individual!!!! Página 21 
 
21. (FCC - 2007 - TRF-2R - Analista Judiciário - Área Judiciária) Contribuem para a 
seguridade social, da mesma forma, aqueles que estão em iguais condições contributivas. As 
empresas NÃO contribuem da mesma forma que os trabalhadores, em conformidade, 
especificamente, com o princípio da 
 a) universalidade. 
 b) seletividade na prestação de benefícios e serviços. 
 c) eqüidade na forma de participação no custeio. 
 d) irredutibilidade do valor dos benefícios. 
 e) natureza democrática e descentralizada da administração. 
 
Comentário: O princípio da equidade na forma de participação no custeio estabelece justamente que 
o custeio da seguridade social deve tratar de forma desigual os desiguais na medida de suas 
desigualdades. Cobra-se mais de quem pode mais e menos de quem pode menos. (Letra C). 
 
22. (FCC - 2007 - TRF-3R - Analista Judiciário - Área Judiciária - Execução de Mandados) De 
acordo com a Constituição Federal brasileira, as contribuições sociais do empregador, da 
empresa e da entidade a ela equiparada na forma da lei, incidirão, dentre outras, sobre 
 a) os rendimentos do trabalho pagos ou creditados somente a título salarial, à pessoa física que lhe 
preste serviço exclusivamente com vínculo empregatício. 
 b) a folha de salários pagos à pessoa física que lhe preste serviço exclusivamente com vínculo 
empregatício. 
 c) todo e qualquer rendimento do trabalho com natureza salarial pagos à pessoa física que lhe preste 
serviço exclusivamente com vínculo empregatício. 
 d) todo e qualquer rendimento do trabalho pagos ou creditados a título exclusivamente salarial, à 
pessoa física ou jurídica que lhe preste serviço, mesmo sem vínculo empregatício. 
 e) a folha de salários e demais rendimentos do trabalho pagos ou creditados, a qualquer título, à 
pessoa física que lhe preste serviço, mesmo sem vínculo empregatício. 
Comentário: Fazendo um “vôo panorâmico” sobre uma empresa, identificamos três tipos de 
segurados: o empregado (trabalhador com vínculo, não-eventual); o avulso (presta serviços a 
diversas empresas, sem vínculo e com intermediação obrigatória do sindicato ou OGMO; e o 
contribuinte individual (trabalhador eventual, sem vínculo). A CF em seu artigo 195, inciso I 
determina que haverá contribuição social do empregador, da empresa e da entidade a ela equiparada 
na forma da lei, incidentes sobre a folha de salários e demais rendimentos do trabalho pagos ou 
creditados, a qualquer título, à pessoa física que lhe preste serviço, mesmo sem vínculo 
empregatício.(Letra E) 
www.concurseirosocial.com.br
 275 Questões de Concursos Anteriores - Comentadas 
Preparação Concurso INSS – Prof. Ítalo Romano Eduardo 
 
Preparação para o concurso INSS – Uso individual!!!! Página 22 
 
 
23. (FCC - 2007 - TRF-3R - Analista Judiciário - Área Judiciária - Execução de Mandados) A 
contribuição social sobre a receita de concursos de prognósticos é um exemplo específico do 
princípio constitucional da 
a) diversidade da base de financiamento. 
b) caráter democrático e descentralizado da administração. 
c) seletividade e distributividade na prestação dos benefícios e serviços. 
d) universalidade da cobertura. 
e) eqüidade na forma de participação no custeio. 
 
Comentário: DBF – Fundamentação Legal: Art. 194, parágrafo único, VI da CF. (Letra A). 
 
24. (AFRFB 2009) Tendo em vista a classificação dos segurados obrigatórios na legislação 
previdenciária vigente, assinale a assertiva incorreta. 
 
a) Como trabalhador avulso – quem presta, a diversas empresas, sem vínculo empregatício, serviço 
de natureza urbana ou rural definidos no Regulamento. 
b) Como contribuinte individual – o síndico ou administrador eleito para exercer atividade de 
direção condominial, desde que recebam remuneração. 
c) Como empregado – o brasileiro ou estrangeiro domiciliado e contratado no Brasil para trabalhar 
como empregado em sucursal ou agência de empresa nacional no exterior. 
d) Como contribuinte individual – o sócio solidário, o sócio de indústria, o sócio gerente. 
e) Como empregado – a pessoa física residente no imóvel rural ou em aglomerado urbano ou rural 
próximo a ele que, individualmente ou em regime de economia familiar, ainda que com o auxílio 
eventual de terceiros a título de mútua colaboração. 
 
Comentário: 
Letra A. Correta. Art. 9º, VI do Decreto 3048/99 
 VI - como trabalhador avulso - aquele que, sindicalizado ou não, presta serviço de natureza 
urbana ou rural, a diversas empresas, sem vínculo empregatício, com a intermediação obrigatória 
do órgão gestor de mão-de-obra, nos termos da Lei nº 8.630, de 25 de fevereiro de 1993, ou do 
sindicato da categoria, assim considerados: 
Letra B. Correta. Art. 9º, V, alínea i) do Decreto 3048/99 
 i) o associado eleito para cargo de direção em cooperativa, associação ou entidade de qualquer 
natureza ou finalidade, bem como o síndico ou administrador eleito para exercer atividade de 
direção condominial, desde que recebam remuneração; 
www.concurseirosocial.com.br
 275 Questões de Concursos Anteriores - Comentadas 
Preparação Concurso INSS – Prof. Ítalo Romano Eduardo 
 
Preparação para o concurso INSS – Uso individual!!!! Página 23 
 
Letra C. Correta. Art. 9º, I, alínea c) do Decreto 3048/99 
 c) o brasileiro ou o estrangeiro domiciliado e contratado no Brasil para trabalhar como 
empregado no exterior, em sucursal ou agência de empresa constituída sob as leis brasileiras e que 
tenha sede e administração no País; 
Letra D. Correta. Art. 9º, V, alíneas g, h e i do Decreto 3048/99 
 g) todos os sócios, nas sociedades em nome coletivo e de capital e indústria; 
 h) o sócio gerente e o sócio cotista que recebam remuneração decorrente de seu trabalho e o 
administrador não empregado na sociedade por cotas de responsabilidade limitada, urbana ou 
rural; 
 i) o associado eleito para cargo de direção em cooperativa, associação ou entidade de qualquer 
natureza ou finalidade, bem como o síndico ou administrador eleito para exercer atividade de 
direção condominial, desde que recebam remuneração; 
Letra E. Incorreta. Trata-se de segurado especial de acordo com o art. 9º, VI do Decreto 3048/99. 
 VII - como segurado especial: a pessoa física residente no imóvel rural ou em aglomerado 
urbano ou rural próximo que, individualmente ou em regime de economia familiar, ainda que com o 
auxílio eventual de terceiros, na condição de: 
 a) produtor, seja ele proprietário, usufrutuário, possuidor, assentado, parceiro ou meeiro 
outorgados,