Anotações para prova Processos e negócios de software
10 pág.

Anotações para prova Processos e negócios de software


DisciplinaAnálise de Sistemas II84 materiais1.112 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Anotações para prova Processos e negócios de software. 
O QUE É UM PROCESSO? 
Segundo o PMBOK (PMI, 2001), é um conjunto de ações e atividades inter-
relacionadas que são executadas para alcançar um objetivo. Cada processo 
é caracterizado por suas entradas, as ferramentas e as técnicas que podem 
Na gestão de processos negócio (BPM), processo é uma sequência de 
tarefas ou atividades que, ao serem executadas, transformam insumos em 
um resultado com valor agregado. 
Noções sobre Processos de Negócio 
Dentro da área de processos, quando falamos em Gestão de Processos de 
Negócios, utilizamos o termo BPM (Business Process Management), que se 
trata de um modelo para apoiar as organizaçõesa criar e aperfeiçoar seus 
processos de negócio em tempo real, baseados em tecnologia, com foco na 
melhoria contínua de processos e, consequentemente, na satisfação dos 
clientes quanto à melhor qualidade dos produtos, agilidade de entrega de 
produtos e serviços baseado nas necessidades do mercado. 
Com o uso do BPM, as empresas têm conseguido entender sua estrutura 
organizacional a partir da visão de seus processos relacionados e 
trabalhando de forma integrada, deixando de lado a antiga visão 
departamental. E para as organizações se manterem competitivas no 
mercado, é necessário constante revisão destes processos e a sua 
divulgação. 
Segundo CBOK (2013), BPM é uma abordagem disciplinar para identificar, 
desenhar, executar, documentar, medir, monitorar, controlar e melhorar 
processos de negócio, automatizados ou não, para alcançar resultados 
consistentes e alinhados com os objetivos estratégicos da organização. 
Para KROENKE (2012), Processos de Negócio trata-se de uma rede de 
atividades, funções, recursos, repositórios e fluxos de dados que interagem 
para executar uma função de negócios, onde: 
 
Existem quatro componentes principais no BPM: 
\uf0a7 Engenharia de Processos \u2013 uma plataforma robusta de modelagem e 
execução de processos baseados em aplicações com regras de negócios; 
\uf0a7 Análise de Negócios \u2013 permite aos executivos identificar problemas, 
oportunidades nos processos de negócios e tendências a partir de relatórios 
e painéis de informações gerenciais (dashboards); 
\uf0a7 Gestão de Conteúdo \u2013 provê um sistema para armazenar e disponibilizar 
com segurança documentos eletrônicos, imagens e outros arquivos; 
\uf0a7 Ferramentas de colaboração \u2013 permite eliminar as barreiras de comunicação 
entre departamentos através de fóruns de discussão, áreas de trabalho 
dinâmicas e murais virtuais. 
Um software de BMP deve incluir pelo menos as seguintes funções: 
\uf0a7 Modelagem de processos; 
\uf0a7 Gerenciamento de segurança; 
\uf0a7 Ferramentas de colaboração; 
\uf0a7 Gerenciamento de formulários; 
\uf0a7 Portal de fluxo de trabalho (workflow); 
\uf0a7 Monitoramento de processos; e, 
\uf0a7 Análise de processos; 
Software profissional 
O software profissional inclui técnicas para especificação, projeto, 
implementação e implantação que geralmente não são relevantes ao 
desenvolvedor pessoal. 
Comumente, as pessoas associam um software como um programa 
de computador qualquer, porém, a engenharia de software não trata 
apenas do programa em si, mas de toda a documentação associada a 
fazer este programa funcionar corretamente. 
Outra diferença entre o desenvolvedor profissional e o amador é que 
o amador escreve um programa para ele mesmo utilizar, não se 
preocupando em escrever um manual do programa, documentação, 
etc., enquanto o desenvolvedor profissional, que desenvolve 
um software para outras pessoas usarem, necessita fornecer 
informações adicionais, assim como o código do programa. 
Existem dois tipos e produtos de software: 
\uf0b7 Produtos Genéricos: 
Ex: Ferramentas de banco de dados, processadores de textos, 
compactadores de arquivos, pacotes gráficos, sistemas de 
contabilidade, sistemas comerciais, etc. 
\uf0b7 Produtos sob Encomenda 
Ex: Sistemas de controle de dispositivos eletrônicos, sistemas 
especializado para apoio a determinado negócio, sistemas de controle 
rodoviário, etc. 
A diferença entre esses tipos de software é que, no genérico, a 
empresa que desenvolve controla sua especificação, já o sob 
encomenda, a especificação é controlada pela empresa que está 
adquirindo osoftware. 
Quando tratamos da qualidade do software profissional, devemos nos 
atentar aos seguintes atributos necessários a um bom software: 
\uf0b7 Manutenibilidade, ou seja, a forma na qual o software possa evoluir 
para atender às necessidades dos clientes. 
\uf0b7 Confiança e proteção, ou seja, um software não deve causar 
prejuízos físicos ou econômicos no caso de falhas do sistema. 
\uf0b7 Eficiência, isto é, o software não deve desperdiçar recursos do 
sistema, 
\uf0b7 Aceitabilidade. 
Ferramenta CASE 
\uf0b7 Ferramentas CASE são sistemas de software que são projetados para 
apoiar atividades rotineiras no processamento de software, como 
editar desígnio esquematizado, conferir a consistência de diagramas e 
rastrear e manter testes de programa que foram feitos. 
 
Engenharia de requisitos 
Na Engenharia de Software, temos uma especialidade que é a 
Engenharia de Requisitos, sendo um de seus objetivos melhorar a 
modelagem de sistemas, possibilitando maior entendimento de suas 
características antes da implementação. 
Esses processos são utilizados para descobrir, analisar e validar os 
requisitos dos sistemas. Suas principais atividades são: 
\uf0b7 Estudo de viabilidade; 
\uf0b7 Elicitação (levantamento) e análise de requisitos; 
\uf0b7 Especificação e documentação de requisitos; 
\uf0b7 Validação de requisitos. 
Classificação dos requisitos 
Essas classificações auxiliam na descrição de cada uma 
das tarefas, auxilia na organização de todo processo de 
software. 
Requisitos Funcionais: São as declarações de serviço que o 
sistema deve fornecer, como deve reagir a entradas 
especificas e se comportar em determinadas situações. 
Ex : aplicações financeiras como, sacar, transferir. 
Requisitos Não funcionais: São restrições sobre os serviços 
ou as funções oferecidos pelo sistema. Especificam 
desempenho, proteção, disponibilidade e outras propriedades 
do Sistema. 
Ex: Um sistema Web. 
Requisitos de Domínio: São requisitos provenientes do 
domínio da aplicação do sistema refletem as características e 
restrições desse domínio. 
Requisitos de usuário: São declarações, em linguagem natural e 
diagramas, sobre os serviços que o sistema oferece e as restrições 
para a sua operação. São escritos para os clientes. 
 
Requisitos do Sistema: Estabelecem detalhadamente as funções 
e restrições do sistema. O documento de requisitos, chamado de 
especificação funcional, pode servir como um contrato entre cliente e 
desenvolvedor. 
Problemas com a análise de requisitos 
Durante o processo de elicitação e análise dos requisitos, 
encontramos alguns problemas para realizar a atividade, pois: 
- Pessoas diferentes podem ter requisitos conflitantes; 
- Pessoas expressam os requisitos usando termos próprios; 
- Fatores políticos podem influenciar os requisitos do sistema; 
- Os requisitos se alteram durante o processo de análise, pois o 
ambiente econômico e de negócios é dinâmico. 
Processo de elicitação e análise de requisitos 
Podemos verificar que cada organização terá a sua própria versão de 
um modelo para a obtenção e análise de requisitos, dependendo de 
fatores locais, nível de conhecimento da equipe, tipos do sistema a 
ser desenvolvido e os padrões dos usuários. 
As atividades do processo são: 
- Obtenção de requisitos \u2013 um processo que visa coletar 
requisitos, em que os requisitos de domínio também são descobertos 
durante esta atividade. 
- Classificação e organização de requisitos \u2013 envolve a coleta de 
requisitos não estruturados, agrupando-os e organizando-os em 
conjuntos coerentes. 
 
- Priorização e negociação de requisitos \u2013 atividade relacionada 
à priorização de requisitos, devido a requisitos conflitantes (quando 
há vários stakeholders
Hallen
Hallen fez um comentário
Muito bom
1 aprovações
Carregar mais