LIVRO QUESTÕES COMENTADAS - Direito Previdenciário -  CESPE
573 pág.

LIVRO QUESTÕES COMENTADAS - Direito Previdenciário - CESPE


DisciplinaDireito Previdenciário6.245 materiais68.638 seguidores
Pré-visualização50 páginas
Frederico Amado 
Ivan Kertzman 
Luana Horiuchi 
QUESTÕES COMENTADAS DE 
DIREITO PREVIDENCIÁRIO 
CESPE 
INCLUI 
\u2022 Dicas e notas dos autores 
\u2022 Divisão por temas 
\u2022 Comentários alternativa por alternativa 
2016 
I );I EDITORA 
" JusPODlVM 
www.editorajuspodivm.com.br 
EDITORA 
]UsPODIVM 
www.editorajuspodivm.com.br 
Rua Mato Grosso, 175- Pituba, CEP: 41830-151- Salvador- Bahia 
Tel: (71) 3363-8617 I Fax: (71) 3363-5050 
E-mail: fale@editorajuspodivm.com.br 
Copyright: Edições JusPODIVM 
Conselho Editorial: Dirley da Cunha Jr., Leonardo de Medeiros Garcia, Fredie 
Didier Jr., José Henrique Mouta, José Marcelo Vigliar, Marcos Ehrhardt Júnior, 
Nestor Távora, Robério Nunes Filho, Roberval Rocha Ferreira Filho, Rodolfo 
Pamplona Filho, Rodrigo Reis Mazzei e Rogério Sanches Cunha. 
Capa: Rene Bueno e Daniela Jardim (www.buenojardim.com.br) 
Diagramação: PVictor Editoração Eletrônica (pvictorcdit@gmail.com) 
Fechamento desta edição: 06.11.2015 
Todos os direitos desta edição reservados à Edições fusPODIVM. 
É terminantemente proibida a reprodução total ou parcial desta obra, por qualquer 
meio ou processo, sem a expressa autorização do autor e da Edições JusPODIVM. A 
violação dos direitos autorais caracteriza crime descrito na legislação em vigor, sem 
prejuízo das sanções civis cabíveis. 
APRESENTAÇÃO 
Esta obra objetiva preparar os leitores para a resolução de 
questões do CESPE (atual CEBRASPE) na disciplina Direito Pre-
videnciário. Para isso, foram resolvidas e comentadas centenas 
de questões de múltipla escolha e de certo ou errado de certames 
anteriores realizados em diversos anos, inclusive em 2015, para 
os mais diversos cargos públicos, jurídicos ou não, tais como juiz 
federal, AGU, DPC, DPE, Técnico e Analista do INSS. 
As questões abarcam temas como a seguridade social na 
Constituição de 1988, o Regime Geral de Previdência Social (cus-
teio e benefícios), os Regimes Próprios de Previdência Social, o 
regime de previdência complementar, o benefício de prestação 
continuada da Lei Orgânica de Assistência Social e o processo 
judicial previdenciário. 
Ademais, os comentários foram atualizados pelas mudanças 
previdenciárias de meados do ano de 2015, em especial as inova-
ções trazidas pela Lei Complementar 150 e pela Lei 13.135, a fim 
de que o leitor fique informado sobre a atual resposta da questão, 
acaso tenha havido alteração. 
Outrossim, foram inseridas notas a respeito das alterações 
promovidas pela Lei 13.183, de 4/11/2015, que modificou a Lei 
8.213/91, em especial alterando a regra 85/95 para tornar fa-
cultativo o fator previdenciário na aposentadoria por tempo de 
contribuição. 
Desejamos ull'_a ótima preparação! 
Os Autores 
SUMÁRIO 
1. HISTÓRICO DA SEGURIDADE SOCIAL.. ....................................... 9 
2. TEMAS CONSTITUCIONAIS ........................................................... 29 
3. SEGURADOS DA PREVIDÊNCIA SOCIAL E SEUS 
TOMADORES DE SERVIÇ0 ........................................................... 107 
4. SALÁRIO DE CONTRIBUIÇÃO .................................................... 167 
5. CUSTEIO DA SEGURIDADE SOCIAL.. ........................................ 185 
6. ' DEPENDENTES DOS SEGURADOS ............................................. 225 
7. -CARÊNCIA ........................................................................................ 259 
8. ·MANUTENÇÃO E PERDA DA QUALIDADE DE 
SEGURADO ....................................................................................... 267 
9. ·SALÁRIO DE BENEFÍCIO E RENDA MENSAL INICIAL 
DE BENEFÍCIO .................................................................................. 287 
10. BENEFÍCIOS DA PREVIDÊNCIA SOCIAL. ................................. 307 
11. ACUMULAÇÃO DE BENEFÍCIOS ................................................ 391 
12. SERVIÇOS DA PREVIDÊNCIA SOCIAL, PRÁTICA 
PROCESSUAL PREVIDENCIÁRIA E QUESTÕES 
DIVERSAS SOBRE BENEFÍCIOS ................................................... 401 
13. BENEFÍCIOS DA ASSISTÊNCIA SOCIAL- LOAS ..................... 475 
14. TEMASDIVERSOS .......................................................................... 481 
1. HISTÓRICO DA SEGURIDADE SOCIAL 
(CESPE- Procurador BACEN/2013) Considerando a evolução histórico-legis-
lativa e os princípios da seguridade social no Brasil, assinale a opção correta. 
a) Com o advento da CF, a seguridade social foi adotada e disciplina-
da sistematicamente pela primeira vez no Brasil, sendo-lhe dedica-
do um capítulo integral no texto constitucional e implementadas, 
desde então, significativas mudanças na área, como, por exemplo, 
a progressiva extinção do critério de escala do salário-base, previs-
ta na Lei de Custeio. 
b) A seguridade social no Brasil é organizada com base em vários 
princípios constitucionais, entre os quais se inclui o princípio da 
equidade na forma de participação no custeio, segundo o qual é 
necessária a participação idêntica de todos, com alíquotas iguais, 
para garantir o atendimento ao princípio da igualdade. 
c) A seguridade social é financiada diretamente por toda a sociedade, 
por meio de recursos provenientes dos orçamentos da União, do 
Distrito Federal, dos estados e dos municípios, que destinam parte 
do pagamento dos tributos a esse fim, e, indiretamente, por meio 
das contribuições do empregador, do empregado ativo e do em-
pregado aposentado. 
d) O INSS, importante órgão na estrutura da seguridade social brasi-
leira, foi instituído no Brasil na década de noventa do século XX, 
como autarquia federal, mediante fusão do Instituto de Adminis-
tração da Previdência e Assistência Social com o Instituto Nacional 
de Previdência Social. 
e) Desde 1919, já havia legislação sobre acidente de trabalho no Brasil, 
entretanto, somente com a publicação da Lei Eloy Chaves, em 1946, 
foram implementadas as primeiras experiências previdenciárias, ten-
do a referida lei criado caixas de aposentadorias e pensões para os 
empregados das empresas ferroviárias e aeroferroviárias brasileiras. 
COMENTÁRIOS 
Nota do Autor: a criação do INSS deu-se com a fusão do INPS com o 
lAPAS. Lembre-se de que o INPS era a autarquia responsável pela ad-
ministração dos benefícios previdenciários, enquanto o lAPAS era o ór-
10 11 QUESTÕES COMENTADAS DE DIREITO PREVIDENCIÁRIO- CESPE 
gão voltado para o custeio da previdência social, contendo a estrutura 
de arrecadação, fiscalização e cobrança. Questões de concursos públi-
cos frequentemente contêm proposições, sugerindo que o INSS surgiu 
da fusão do INPS com o INAMPS, já que estas duas autarquias são as 
mais lembradas pela população. Note-se que o papel do INAMPS era o 
de prestação de assistência médica que, como já visto no capítulo 1., atu-
almente, é de competência do SUS -Sistema Único de Saúde. 
Alternativa correta: letra "d": em 1990, a Lei 8.029/90 criou o INSS-
Instituto Nacional do Seguro Social,. com a junção do Instituto Nacional 
de Previdência Social- INPS com o IAPAS- Instituto de Administração 
Financeira da Previdência e Assistência Social. 
Alternativa "a": está errada. A assertiva não indica a qual CF se re-
fere. De fato, foi a Constihlição de 1988 que utilizou, pela primeira vez, 
a expressão seguridade social abrangendo as áreas de saúde, assistên-
cia social e previdência social, dedicando-lhe o Capítulo II, do Título 
VIII. Entretanto, foi a partir da competência 04/2003, por força da Lei 
10.666/2003, art. 9º, que foi extinta a escala transitória de salário-base. 
Alternativa "b": está errada. Ao contrário do que afirma a questão, o 
princípio da equidade na forma de participação no custeio, disposto no art. 
194, parágrafo único, V, da CF/88, prega que, para se definir a participação 
no custeio da seguridade social, levar-se-á em consideração a capacidade 
de cada contribuinte. Esse princípio
Carregar mais