A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
Imunologia Resposta Inata e Adaptativa - RESUMO

Pré-visualização | Página 1 de 3

Imunologia I: Resposta Inata e Adaptativa (Adquirida) 
Resumo – Alberto Galdino LoL 
Imunologia: é a ciência que estuda a resposta imunológica. 
 
Resposta Imunológica: é o conjunto integrado e regulado de ações de defesa e ataque, 
executado pelo sistema imunológico dos vertebrados contra agentes invasores 
potencialmente patogênicos. 
 
Sistema Imunológico: são todos os mecanismos pelos quais um organismo multicelular se 
defende de invasores externos, quer sejam esses biologicos, a exemplo bactérias, vírus, 
protozoários, fungos, quer sejam esses elementos químicos, como peçonhas, venenos, etc. 
Reconhece e distingue o que é próprio do organismo(self) do que lhe é estranho(no self). 
 
MECANISMO DE DEFESA DO CORPO CONTRA A INFECÇÃO 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
FUNÇÕES DO SISTEMA IMUNOLÓGICO 
 Defesa contra os microorganismos infecciosos 
 “Limpeza” do organismo  retirada de células mortas; 
 Renovação de determinadas estruturas; 
 Rejeição de enxertos; 
 Memória imunológica; 
 
não forem destruídas, podem dar origem a tumores. 
 Não reação ao próprio 
 
LINHAS DE COMBATE DO SISTEMA IMUNOLÓGICO 
 
Resposta inespecífica (Imunidade Inata) 
1° linda de combate: barreiras naturais, 
mucosa, secreções, peristaltismo e flora 
normal. 
2° linha de combate: inflamação- células 
fagocitárias, substância antimicrobiana 
(impede a proliferação da bactéria e ate 
mata a bactéria), febre (tentativa do 
organismo de não deixar a bactéria 
proliferar). 
 
Resposta específica (Imunidade Adaptativa/Adquirida) 
3° linha de combate: Anticorpos (imunidade humoral) ecitotóxicas (imunidade celular). 
Altamente específica e lisa as células hospedeiras. 
Resposta Imune específica: 
↗Anticorpos (imunidade humoral)- Linfócitos B- Especificidade 
↗Células da Imunidade celular- Linfócito T- Memória 
Imunologia I: Resposta Inata e Adaptativa (Adquirida) 
Resumo – Alberto Galdino LoL 
COMPONENTES DA IMUNIDADE INATA E ADAPTATIVA 
 
 
 IMUNIDADE INATA 
A defesa contra microorganismos é mediada por reações da imunidade inata e por respostas 
tardias da imunidade adaptativa. A Imunidade Inata (também chamada Natural ou Nativa) 
proporciona a linha de defesa inicial contra microorganismos. Consiste em mecanismos de 
defesa celulares e bioquímicos, que já existem até mesmo antes da infecção e que estão 
prontos para responder rapidamente a infecções. 
-Primeira linha de defesa. 
-Está disponível para ativação antes do ataque do patógeno. 
-Componente não-específico. 
-Primeiros obstáculos aos patógenos: rompimento de barreiras que protegem o hospedeiro 
 
Os principais componentes da Imunidade Inata são: 
 
1) As Barreiras 
Oferecem a primeira linha de defesa contra a entrada de microrganismos e de moléculas 
tóxicas ao ambiente asséptico e rico em nutrientes de nossos tecidos: 
 Barreiras Físicas: 
Pele e mucosa inactadas, Flora microbiana normal, Ácidos graxos na pele, Acido no 
estômago, Lençol muco ciliar na traquéia, Enzimas no intestino, salivas e lagrimas, 
Tosse, espirros, vômito, diarreia e Febre. 
 Barreiras Químicas: 
pH (pele, estômago, vagina) e Moléculas microbicidas (α-defensinas, β-defensinas, 
catelicidina, RNAses, DNAses, lizosima, psoriasina). 
 Barreiras Biológicas. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Imunologia I: Resposta Inata e Adaptativa (Adquirida) 
Resumo – Alberto Galdino LoL 
2) Células 
 Fagocitárias (neutrófilos, macrófagos): fagocitose e destruição de bactérias, vírus, 
fungos e protozoários. 
 Neutrófilos: população mais abundante de leucócitos circulantes. São os 
primeiros a responder à maioria das infecções. Os grânulos específicos dos 
neutrófilos possuem enzimas como lisozima, colagenase e elastase. 
 Macrófagos: células fagocíticas derivadas dos monócitos. Respondem aos 
microorganismos quase tão rapidamente quanto os neutrófilos, mas persistem 
por mais tempo no local da inflamação. São as células efetoras dominantes 
nos estágios mais tardios da resposta imunológica natural. 
 Dendríticas (distribuídas nos tecidos linfóides, epitélio da mucosa e parênquima dos 
órgãos): Mielóides - secretoras de IL-12; Plasmocitóides - expressão aumentada de 
TLR7 e TLR9; secretam altos níveis de IFN-alpha. 
 Eosinófilos, Basófilos / Mastócitos: inflamação, aumento da permeabilidade vascular e 
destruição de helmintos. 
 Basófilos: diferenciação de mastócitos. Participação nas alergias. A Histamina 
que contêm é responsável pela vasodilatação e pelo aumento da 
permeabilidade capilar durante uma reacção alérgica. Também contêm 
heparina, um anticoagulante que limita a velocidade de coagulação do sangue. 
 Basófilos: fagocitose. Ação anti-inflamatória. Se estiverem aumentadas, pode 
ser que esteja ocorrendo uma infecção parasitária (vermes, por exemplo) ou 
uma reação alérgica. 
 Células NK (natural killer): destroem as células infectadas e as células que perderam a 
expressão de moléculas MHC da classe I, e secretam citocinas, principalmente INF-γ. 
 
O principal papel fisiológico das células NK é a 
defesa contra os vírus e outros microrganismos 
intracelulares. A expansão e a atividade das 
células NK, são também estimuladas por 
citocinas, principalmente a IL-12 e IL-15. 
 
Funções efetoras das células NK: tem grânulos 
que contêm perforina que cria poros nas 
membranas das células alvo. NK têm granzimas 
que penetram pelos poros criados pela perforina 
induz a apoptose pela ativação das caspases-1. 
 
 
3) Proteínas do Sangue 
Membros do Sistema Complemento: recrutamento celular, lise de bactérias e vírus. 
Proteína C Reativa: opsonização e produção de citocinas. 
 
4) Citocinas 
Recrutam e ativam leucócitos e produzem alterações sistêmicas, incluindo aumento na síntese 
de células efetoras e proteínas que potencializam as respostas anti-microbianas. Principal 
fonte de citocinas: macrófagos, neutrófilos, células NK, mas células endoteliais e algumas 
células epiteliais como queratinócitos produzem algumas destas proteínas. Estimulam a 
imunidade adaptativa e influenciam a natureza da imunidade adaptativa. 
Imunologia I: Resposta Inata e Adaptativa (Adquirida) 
Resumo – Alberto Galdino LoL 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Resposta dos fagócitos na defesa do hospedeiro 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
~~Recrutamento~~ 
Recrutamento de Leucócitos para o sítio de Infecção: 
Neutrófilos e Monócitos são recrutados para o sítio de infecção por se ligarem a moléculas de 
adesão nas células endoteliais e por substâncias quimiotáticas produzidas na resposta à 
infecção. 
Processam múltiplas etapas, envolvendo aderência dos linfócitos circulantes à superfície das 
células endoteliais nas vênulas pós-capilares e migração através da parede do caso. Cada etapa 
orquestrada por diferentes tipos celulares. 
Imunologia I: Resposta Inata e Adaptativa (Adquirida) 
Resumo – Alberto Galdino LoL 
Adesão do leucócito no endotélio: transmigração dos Leucócitos. 
Quimiotaxia: processo de locomoção de células em direção a um gradiente químico, podendo 
ser positiva ou negativa a certa substância. 
 
 
 
 
 
 
~~Reconhecimento de Microorganismos~~ 
Neutrófilos e macrófagos expressam receptores de superfície que 
reconhecem microrganismos e quando ativados induzem as células a 
produzirem citocinas, substâncias microbicidas e estimulam a migração das 
células para os locais da infecção. 
 
~~Fagocitose~~ 
É o englobamento e digestão de partículas sólidas e microorganismos por fagócitos ou células 
amebóides. Na corrente sanguínea ocorre quando o sistema imunológico identifica um corpo 
estranho que será englobado e digerido pelos leucócitos. Um grande aumento de leucócitos