Síndrome da angústia respiratória do recém-nascido
10 pág.

Síndrome da angústia respiratória do recém-nascido


DisciplinaCitologia e Histologia797 materiais11.499 seguidores
Pré-visualização1 página
Renata Regina
\uf09eDistúrbio decorrente da produção 
insuficiente de surfactante, e da má 
adaptação a vida extra-uterina.
\uf09eOcorre quase que exclusivamente em recém-
nascidos prematuros. Quanto mais prematuro 
o recém-nascido, maior a chance dele 
apresentar a síndrome da angústia 
respiratória. A probabilidade de ocorrência 
da síndrome também é maior em filhos de 
mães diabéticas. -
\uf09e Substância Surfactante é uma lipoproteína 
que diminui a força de coesão entre 
moléculas de água localizadas na membrana 
alveolar; suas células secretoras são globosas 
e denominadas Pneumócitos II. Sua produçao
começa na 30ª semana de gestação e é 
essencial que esteja sendo produzido em 
quantidade suficiente ao nascimento do feto, 
pois do contrário haverá o colabamento dos 
alvéolos quando o recém-nascido entrar em 
contato com o ar.
\uf0d8PNEUMÓCITOS TIPO II
\u2022Sintetizam e secretam 
fosfolipídios e proteínas cuja 
secreção é liberada 
continuamente para o lúmen 
alveolar, formando uma fina 
camada lipoprotéica, 
conhecida como surfactante. 
\uf09e Acumulo excessivo de líquido na orofaringe
\uf09e Esforço respiratório moderado a grave
\uf09e Cianose
\uf09e Apinéia
\uf09e Gemidos respiratórios
\uf09e Batimento da asa do nariz 
\uf09e Hipertermia/Hipotermia
\uf09e Dificuldade para mamar
\uf09eHistória clínica da mãe (p.ex., trabalho de 
parto prematuro ou diabetes)
\uf09e Exame físico do recém-nascido
\uf09e Radiografia torácica do recém-nascido
\uf09e Critérios a serem considerados:
Prematuridade,desconforto respiratório 
precoce,trabalho respiratório aumentado.
\uf09e Manutenção da temperatura;
\uf09e oferta de líquidos adequadamente(líquidos em 
excesso favorecem o desenvolvimento da 
persistência do canal arterial);
\uf09e cuidados com infecção;
\uf09e Ventilação mecânica ;
\uf09e terapia com surfactante exógeno;
\uf09e oxigenoterapia;
\uf09eQuando existe a iminência de um parto 
prematuro, pode ser realizada uma 
amniocentese para se coletar uma amostra 
de líquido amniótico e estimar a 
concentração do surfactante. 
\uf09eQuando estimado que os pulmões do feto são 
imaturos e que o parto não pode ser adiado, 
pode se administrar um corticóide à mãe 
pelo menos 24 horas antes do momento 
estimado do parto. 
\uf09eMIYOSHI,Milton Harumi;KOPELMAN,Benjamin 
Israel in:Guias de Medicina Ambulatorial e 
Hospitalar. Pediatria.2005.
\uf09e BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de 
Assistência à Saúde Atenção à Saúde do 
Recém-Nascido Guia para os Profissionais de 
Saúde Brasília \u2013 DF 2011
\uf09e http://prematuridade.com/saude-do-
prematuro/sindrome-da-angustia-respiratoria