A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
AVALIAÇÃO VIRTUAL 1  SIMULAÇÃO EMPRESARIAL   OPTATIVA

Pré-visualização | Página 1 de 1

AV 1
1)Uma decisão é uma resolução ou determinação que se toma relativamente a algo. Conhece-se como tomada de decisões o processo que consiste em realizar uma escolha entre diversas alternativas.
A tomada de decisões pode aparecer em qualquer contexto da vida diária, seja a nível profissional, sentimental, familiar, etc. O processo, na sua essência, permite resolver os vários desafios que deve enfrentar uma pessoa ou uma organização. Fonte: Adaptado de: < http://conceito.de/tomada-de-decisoes>. Acesso em: 10 fev. 2016.
Tomar decisão faz parte do cotidiano do gestor e o processo de decisão pode ser visualizado em dois momentos que são:
Alternativas:
	a) Referente os resultados do futuro e sobre as estratégias
	b) Referente as ações do tático e sobre o presente
	c) Referente as ações do presente e sobre o futuro
	d) Referente os resultados do passado sobre as estratégias
	e)Referente as ações do passado e sobre o futuro
2) Segundo Simon (1965, p. 80) "É impossível que o indivíduo conheça todas as alternativas de que dispõe ou todas as suas consequências [...] ele pode percorrer apenas um caminho e nunca saberá se aquele que escolheu é o melhor, embora sob certas condições ele possa ter um palpite razoável". Fonte: SIMON, Herbet A.Comportamento administrativo: estudo dos processos decisórios nas organizações administrativas. 2. ed. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1965.
O primeiro passo a ser seguido no processo decisório é:
Alternativas:
	a) Escolha da melhor alternativa
	b) Análise e identificação da situação e do problema
	c) Desenvolvimento das soluções
	d) Análise dos possíveis resultados
	e)Comparação entre as alternativas
3) A contribuição relevante da Teoria das Decisões na Escola Comportamental foi contrapor-se à Escola Clássica no aspecto que as organizações são Sistemas Decisionais embasados na racionalidade limitada de seus membros, na imperfeição e relatividade das decisões, na hierarquização do processo de escolha de alternativas (planejamento e racionalidade) e nas influências de premissas organizacionais (divisão de tarefas, padrões de desempenho, sistema de autoridade, canais de comunicação e treinamento e doutrinação). Fonte: Adaptado de < http://niajajuris.org.br/index.php/artigos/280-teoria-da-decisao>. Acesso em 01/09/2016
Para existir fluidez na tomada de decisão é importante que cada setor saiba os problemas são inerentes a eles, que são:
Alternativas:
	a) Problemas estruturados (nível operacional), problemas semiestruturados (nível tático), problemas não estruturados (nível estratégico)
	b) Problemas estruturados (nível tácito), problemas semiestruturados (nível estratégico), problemas não estruturados (nível operacional)
	c) Problemas desestruturados (nível tático), problemas semiestruturados (nível operacional), problemas não estruturados (nível estratégico)
	d) Problemas simples (nível operacional), problemas complexos (nível tático), problemas semi complexos (nível intermediário)
	e) Problemas parcialmente práticos (nível estratégico), problemas sequenciais (nível tático), problemas práticos (nível intermediário)
4) Vista como um desafio ao comportamento organizacional, a competitividade pode ser encarada tanto como causa quanto como efeito de uma dinâmica que proporciona crescimento e desenvolvimento, não só das organizações, como um fator endógeno, mas da própria Economia. Fonte: Adaptado de < http://www.anpad.org.br/diversos/trabalhos/3Es/3es_2005/2005_3ES140.PDF>. Acesso em 01/09/2016
Para que uma empresa apresente competitividade no mercado é necessário que ela possua alguns instrumentos de apoio como:
Alternativas:
	a) Dados de decisão, produção, informação, inteligência e análise
	b) Dados transacionais, informação, conhecimento, produtividade e experiência
	c) Dados confiáveis, dados seccionais, produção, expertise e produto
	d) Dados transacionais, informação, conhecimento, inteligência e experiência
	e) Dados Seccionais, dados transacionais, informação longitudinal e análise
5) Os Sistemas de Informação Gerencial são parte integrante das estratégias empresariais, pois a comunicação e a informação são de grande valor nas organizações. A qualidade da decisão tomada pelo gerente vai depender da qualidade e relevância das informações disponíveis. Por isto é muito importante investir em um SIG para oferecer informações rápidas, precisas e principalmente úteis, que irão garantir uma estruturação de gestão diferenciada, o que resultará em vantagem competitiva sobre as demais empresas. Fonte: Adaptado de:< http://www.infoescola.com/administracao_/sistema-de-informacao-gerencial/>. Acesso em: 02/09/2016.
Identifique abaixo os Tipos de sistemas de informações:
Alternativas:
	a) Sistemas de apoio à gestão (processamento de transações, controle de processos, colaborativos). Sistemas de Apoio gerencial (informação gerencial, apoio a estratégias, informação operacional)
	b) Sistemas de apoio à dados (processamento de transações, controle de processos, competitivo). Sistemas de Apoio gerencial (informação gerencial, apoio ao executivo, informação intermediária)
	c) Sistemas de apoio à produção (processamento de transações, controle de processos, concorrente). Sistemas de Apoio gerencial (informação gerencial, apoio ao financeiro, informação tática)
	d) Sistemas de apoio a soluções (processamento de transações, controle de processos, competitivos). Sistemas de Apoio gerencial (informação gerencial, apoio à dados, informação estratégica)
	e) Sistemas de apoio às operações (processamento de transações, controle de processos, colaborativos). Sistemas de Apoio gerencial (informação gerencial, apoio à decisão, informação executiva)

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.