A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
50 pág.
EXERCICIOS DE FIXAÇÃO DIALOGANDO SOBRE A LEI MARIA DA PENHA

Pré-visualização | Página 8 de 8

Questão 7 
Correto 
Atingiu 10,00 de 10,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
Abaixo constam, de forma exemplificativa, algumas condutas que podem justificar 
a concessão de Medidas Protetivas. 
Julgue as opções: 
a- Ameaças de morte; 
b- Medo de novas ameaças; 
c- Insistência em manter contato, após a violência; 
d- A violência sofrida; 
e- Forçar contato pelas redes sociais. 
Escolha uma: 
1. As opções “a” e “c” estão corretas; 
2. As opções “”c” e “e” estão incorretas; 
3. As opções “b”, “c” e “d” estão incorretas; 
4. Todas as alternativas estão corretas; 
5. Todas as alternativas estão incorretas. 
Feedback 
A resposta correta é a alternativa 4. 
Questão 8 
Correto 
Atingiu 10,00 de 10,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
Sobre a Lei Maria da Penha, é incorreto afirmar: 
Escolha uma: 
a. Refere-se à Lei nº 11.340, de 2006, cuja iniciativa partiu dos movimentos de 
mulheres e feministas; 
b. Por ser uma lei específica, a Lei Maria da Penha fere a igualdade entre homens e 
mulheres; 
c. Toda mulher, independentemente de classe, raça, etnia, orientação sexual, 
renda, cultura, nível educacional, idade e religião, goza dos direitos fundamentais 
inerentes à pessoa humana, dentre os quais, o direito a não violência nas relações 
familiares e afetivas; 
d. Busca coibir a violência nas relações familiares; 
e. Cria um sistema de proteção e prevenção para coibir a violência nas relações 
doméstico-familiares e afetivas contra a mulher. 
Feedback 
É incorreto afirmar o que se diz na letra “b”, pois segundo o que consta do 
conteúdo da unidade, a Lei Maria da Penha não fere a igualdade entre homens e 
mulheres, pois ao criar mecanismos para coibir a violência nas relações 
doméstico-familiares e afetivas, que afeta majoritariamente as mulheres, tem por 
propósito a redução das desigualdades entre homens e mulheres. 
Questão 9 
Correto 
Atingiu 10,00 de 10,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
“Ana Carolina, 32 anos, mulher negra que perdeu a conta das vezes em que foi 
agredida por seu companheiro com quem vivia há oito anos e pai de seus dois 
filhos. No início eram agressões verbais seguidas de tapas, por qualquer descuido 
ou por ciúme. Com o tempo as agressões foram ficando mais pesadas, sem razão 
clara, e ocorriam na frente dos filhos. Diversas vezes pensou em largá-lo, 
carregando os filhos, mas temia perder a casa, construída durante anos e para a 
qual contribuíra com seu salário de professora de escola pública. Preocupava-se 
também com o sustento dos filhos. Sabia que tinha direitos, mas como garanti-
los, se quando falou em deixá-lo, há mais de três anos, ele a ameaçara de morte? 
Permanecia assim sem ação, esperando que ele um dia voltasse a ser o homem 
fascinante que a conquistara.” 
Analisando apenas o trecho acima, que retrata o caso de Ana Carolina, escolha a 
alternativa falsa. 
Escolha uma: 
I. Ana Carolina vivenciou uma situação de violência contra a mulher; 
II. Ana Carolina vivenciou uma situação violência específica que ocorre no 
ambiente doméstico-familiar; 
III. Ana Carolina vivenciou uma situação de violência psicológica; 
IV. Ana Carolina vivenciou uma situação que configura violência de gênero; 
V. Ana Carolina vivenciou uma situação que não configura violência. 
Feedback 
A resposta correta é o item "V", pois Ana Carolina vivenciou situação de medo e 
terror frente às ameaças de seu marido, além da violência física; assim a conduta 
do marido configura violência, pois ocorreu no âmbito doméstico e afetivo, 
abrangida pela LMP. 
Questão 10 
Correto 
Atingiu 10,00 de 10,00 
Marcar questão 
Texto da questão 
Em relação à conduta do marido de Ana Carolina, relatado na Unidade 3, leia as 
afirmativas abaixo e assinale as alternativas falsas: 
Escolha uma ou mais: 
a. Configura violência física e psicológica; 
b. Evidencia desigualdade de gênero na família; 
c. Caracteriza violência física, psicológica e moral; 
d. Constituem ameaça e tentativa de homicídio; 
e. Constitui violência institucional. 
Feedback 
As alternativas falsas são as letras "d" e "e". 
o Em relação à letra “d”, embora as agressões fossem ficando cada vez mais 
pesadas não houve tentativa de homicídio. 
o Na letra “e”, a violência institucional ocorre a partir da revitimização da 
mulher em situação de violência nos serviços de atendimento, em especial 
pelo mau atendimento, negligência e descaso com a violência narrada. 
Terminar revisão