A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
38 pág.
Aula 06 contabilidade pública

Pré-visualização | Página 2 de 2

Líquido
Balanço Patrimonial
Demonstração das Variações Patrimoniais - DVP
Evidencia
As alterações ocorridas no patrimônio, resultantes ou independentes da execução orçamentária.
O resultado patrimonial do exercício (confronto entre as VP quantitativas aumentativas e diminutivas.
Sintético: especifica apenas os grupos (2º nível de detalhamento do PCASP), e é acompanhado de quadros anexos que detalham sua composição.
Analítico: detalha os subgrupos das variações patrimoniais em um único quadro. Esse modelo auxilia o recebimento das contas anuais por meio do Siconfi para fins de consolidação.
Modelo
Ativas
Passivas
Orçamentárias
Extraorçamentárias
Orçamentárias
Extraorçamentárias
Receita
Mutações Ativas (Despesa)
Superveniências Ativas
Insubsistências do Passivo
Despesa
Mutações Passivas (Receita)
Insubsistências do Ativo
Superveniências Passivas
Variações 
Patrimoniais
PL
PL
Demonstração das Variações Patrimoniais - DVP
Setor Público
(DVP)
Setor Privado
(DRE)
Características do Resultado
Demonstração das Variações Patrimoniais - DVP
MODELO SINTÉTICO
ExercícioAtual
Exercício Anterior
Variações Patrimoniais Aumentativas
Impostos, Taxas e Contribuições de Melhorias
Contribuições
Exploração de Bens, serviços e Direitos
Variações Patrimoniais Aumentativas Financeiras]
Transferências e Delegações Recebidas
Valorização e Ganhos com Ativos e Desincorporação de Passivos
Outras Variações Patrimoniais Aumentativas
Total das Variações Patrimoniais Aumentativas (I)
Demonstração das Variações Patrimoniais - DVP
MODELO SINTÉTICO
ExercícioAtual
ExercícioAnterior
Variações Patrimoniais Diminutivas
Pessoal e Encargos
Benefícios Previdenciários e Assistenciais
Uso de Bens, Serviços e Consumo de Capital Fixo
Transferências e Delegações Concedidas
Desvalorização e Perdas de Ativos e incorporação de Passivos
Tributárias
Custo das Mercadorias Vendidas e dos Serviços Prestados
Outras Variações Patrimoniais Diminutivas
Total das Outras Variações Patrimoniais Diminutivas (II)
Resultado Patrimonial do Período (III) = (I – II)
Demonstração das Variações Patrimoniais - DVP
Demonstração dos Fluxos de Caixa – DFC
QUADROPRINCIPAL
ExercícioAtual
Exercício Anterior
Fluxos de Caixa das Atividades Operacionais
Ingressos
Receitas derivadas e originárias
Transferências correntes recebidas
Outros ingressos operacionais
Desembolsos
Pessoal e demais despesas
Juros e encargos da dívida
Transferências concedidas
Outros desembolsos operacionais
Fluxo de caixa líquido das atividades operacionais (I)
Demonstração dos Fluxos de Caixa – DFC
QUADROPRINCIPAL
ExercícioAtual
Exercício Anterior
Fluxos de Caixa das Atividades de Investimento
Ingressos
Alienação de bens
Amortização de empréstimos e financiamentos
Outros ingressos de investimentos
Desembolsos
Aquisição de ativo não circulante
Concessão de empréstimos e financiamentos
Outros desembolsos de investimentos
Fluxo de caixa líquido das atividades de financiamento (II)
Demonstração dos Fluxos de Caixa – DFC
QUADROPRINCIPAL
ExercícioAtual
Exercício Anterior
Fluxos de Caixa das Atividades de Financiamento
Ingressos
Operações de crédito
Integralização de capital social de empresas dependentes
Transferências de capital recebidas
Outros ingressos de financiamentos
Desembolsos
Amortização / Refinanciamento da dívida
Outros desembolsos de financiamentos
Fluxo de caixa líquido das atividades de financiamento III
Geração Líquida de Caixa e Equivalente de Caixa(I+II+III)
Caixa e Equivalente de Caixa Inicial
Caixa e Equivalente de Caixa Final
Demonstração dos Fluxos de Caixa – DFC
Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido - DMPL
Demonstra a evolução 
 do patrimônio líquido. 
É obrigatória para as empresas estatais dependentes constituídas sob a forma de SA, e facultativa para as demais entidades.
Complementa o Anexo de Metas Fiscais, integrante do Projeto de LDO.
os ajustes de exercícios anteriores.
as transações de capital com sócios.
o superávit ou déficit patrimonial.
a destinação do resultado.
Características
Relatórios da Lei de Responsabilidade Fiscal - LRF
Subsidiar o controle social sobre as contas públicas.
Transparência da gestão fiscal .
Planos, orçamentos e leis de diretrizes orçamentárias.
Prestações de contas e o respectivo parecer prévio.
RREO e o RGF, e as versões simplificadas desses documentos. 
A LRF exige que os governantes demonstrem todas as suas ações. 
Objetivos dos relatórios da LRF 
Principais características do RREO:
consiste em um balanço orçamentário mais detalhado;
deve ser publicado 30 dias após o encerramento de cada bimestre (municípios com menos de 50 mil habitantes podem divulga-lo semestralmente);
alcança a movimentação orçamentária de todos os Poderes e entidades de uma mesma esfera de governo.
Relatório Resumido de Execução Orçamentária - RREO
Relatórios da Lei de Responsabilidade Fiscal - LRF
Principais características do RGF:
consiste em um relatório setorial;
é elaborado e publicado pelo Poder Executivo, mas inclui dados referentes ao Poder Legislativo;
demonstra a execução de variáveis sujeitas a limite (pessoal, dívida consolidada, ARO, operações de crédito e garantias). 
deve ser publicado até 30 dias após o encerramento de cada quadrimestre. Municípios com menos de 50 mil habitantes podem divulga-lo semestralmente.
Relatório da Gestão Fiscal – RGF
Relatórios da Lei de Responsabilidade Fiscal - LRF
Os artigos 54 e 55 da LRF, com padronização da Portaria STN nº 632/06, tratam da publicação do RGF, que deve conter: 
• demonstrativo da Despesa com Pessoal;
• demonstrativo da Dívida Consolidada;
• demonstrativo de Garantias e Contragarantias de Valores;
• demonstrativo de Operações de Crédito;
• demonstrativo da Disponibilidade de Caixa;
• demonstrativo de Restos a Pagar;
• demonstrativo com Despesas com Terceiros;
• demonstrativo com limites da Educação e Saúde.
Relatórios da Lei de Responsabilidade Fiscal - LRF
Relatório da Gestão Fiscal – RGF
Contabilidade Pública
Aula 6
Demonstrações Contábeis
Atividade
Atividade 01
A Demonstração das Variações Patrimoniais (DVP) evidenciam as alterações ocorridas no patrimônio, resultantes ou independentes da execução orçamentária e o resultado patrimonial do exercício e pode ser elaborada de acordo com um dos dois modelos: 
Modelo Orçamentário e Modelo Patrimonial.
Modelo Simples e Modelo Completo.
Modelo Direto e Modelo Indireto.
Modelo Individual e Modelo Consolidado.
Modelo Sintético e Modelo Analítico.
Demonstrações Contábeis
Atividade 02
O art. 113 da Lei nº 4.320/1964, dentre outros aspectos, atribuiu competência ao Conselho Técnico de Economia e Finanças do Ministério da Fazenda para atualizar os anexos à referida Lei. Com a extinção deste Conselho, que órgão exerce atualmente essa função?
Secretaria de Orçamento Federal.
Secretarial Federal de Controle.
Secretaria do Tesouro Nacional.
Secretaria de Fazenda.
Secretaria de Contabilidade e Finanças.
 
Demonstrações Contábeis
Resumo da Aula
Nesta aula você:
Conheceu as estruturas das demonstrações contábeis aplicadas ao Setor Público (DCASP).
Demonstrações Contábeis

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.