ciencia tecnologia e educação - prova objetiva
11 pág.

ciencia tecnologia e educação - prova objetiva


DisciplinaEducação, Ciência e Tecnologia212 materiais2.248 seguidores
Pré-visualização4 páginas
Disciplina(s):
Ciência, Tecnologia e Educação
Questão 1/10
Leia a afirmativa:
A introdução da informática na escola como recurso pedagógico deve partir da constatação feita pela própria comunidade escolar da necessidade de mudança no processo educacional, a fim de adequar o ensino às novas demandas sociais.Para que os recursos e os benefícios da informática possam ser utilizados de forma consciente, eficaz e crítica, é necessário haver mobilização, discussão e reflexão. Quando se fala em informática na educação, é preciso considerar a proposta pedagógica da escola. Todas as pessoas envolvidas no processo educacional precisam debater e definir como será a utilização da informática na escola e qual seu objetivo, considerando os interesses e as exigências da comunidade e da sociedade.
 
Nascimento, João Kerginaldo Firmino do.
Informática aplicada à educação. / João KerginaldoFirmino do Nascimento. \u2013 Brasília : Universidade deBrasília, 2007.p.39.
 
Conhecendo a história da informática na Educação no Brasil, é possível verificar que o uso da informática nas escolas ocorre tanto na perspectiva construcionista, quanto na perspectiva instrucional. Em relação a essas perspectivas, analise as afirmativas a seguir, marcando V para as afirmativas verdadeiras e F para as alternativas falsas:
I - O computador é objeto de estudo na perspectiva construcionista.
II - Na perspectiva instrucional o aluno passa a usar o computador para aprender sobre o computador.
III - O computador é utilizado como recurso na perspectiva instrucional.
IV - Na perspectiva construcionista ao usar o computador o aluno pode representar suas ideias, resolver problemas criar soluções e desenvolver algo.
Agora, marque a alternativa correta:
	
	A
	F,V,F,V
Você acertou!
As alternativas II e IV são verdadeiras.
Comentário: Na perspectiva INSTRUCIONAL, o computador é objeto de estudo. O conhecimento de hardware e software e seus mecanismos passa a ser o objetivo do trabalho de informática, ou seja, \u201co aluno usa o computador para adquirir conceitos computacionais, como princípios de funcionamento do computador, noções de programação e implicações sociais do computador na sociedade\u201d (Valente, 1993). Na perspectiva CONSTRUCIONISTA, o computador é utilizado como recurso. O termo CONSTRUCIONISTA está diretamente relacionado à denominação CONSTRUTIVISTA. Papert (1994), que trabalhou com Jean Piaget, denominou de CONSTRUCIONISTA a utilização da informática embasada na teoria piagetiana de construção do conhecimento. Dentro dessa perspectiva, os sujeitos que utilizam o computador podem representar suas ideias, resolver problemas, criar soluções, desenvolver algo. (p.89-90)
	
	B
	F,F,V,V
	
	C
	V,F,V,F
	
	D
	V,V,F,F
	
	E
	F,V,V,V
Questão 2/10
Leia a definição, apresentada a seguir:
- Ciência: Conjunto de conhecimentos coordenados relativamente a determinado objeto; estudo sistematizado.
 
Bueno, Silva. Silveira Bueno: minidicionário da língua portuguesa. \u2013 Ed. Ver. e atual. \u2013 São Paulo: FTD, 2000. P. 165.
 
Considerando os conteúdos contemplados no livro-base e nas aulas que se referem a Ciência, analise as afirmativas a seguir que abordam as duas dimensões organizadas pelo homem em seu processo de produzir ciência.
 I - A dimensão pura versus aplicada trata do desenvolvimento de teorias.
II - A dimensão natural versus social trata da aplicação de teorias às necessidades humanas.
III - A dimensão pura versus aplicada é o estudo do mundo natural
IV - A dimensão natural versus social é o estudo do comportamento humano e da sociedade.
 
 
São corretas as afirmativas:
 
	
	A
	Afirmativas I, II e III apenas.
	
	B
	AfirmativasII, III e IV apenas.
	
	C
	Afirmativa I e IV
Você acertou!
as afirmativas I e IV são verdadeiras, pois em seu processo de produzir ciência, o homem a organizou em áreas que podem ser classificadas em duas grandes dimensões: pura versus aplicada (que trata do desenvolvimento de teorias e da aplicação de teorias às necessidades humanas) e natural versus social (que é o estudo do mundo natural, do comportamento humano e da sociedade) (P. 22).
	
	D
	Afirmativa II e III apenas.
	
	E
	Apenas afirmativa IV.
Questão 3/10
O vídeo pode ser usado em sala de aula como tecnologia educacional. Leia o que José Manuel Moran, aponta sobre o uso do vídeo:
O vídeo ajuda a um bom professor, atrai os alunos, mas não modifica substancialmente a relação pedagógica. Aproxima a sala de aula do cotidiano, das linguagens de aprendizagem e comunicação da sociedade urbana, mas também introduz novas questões no processo educacional. O vídeo está umbilicalmente ligado à televisão e a um contexto de lazer, e entretenimento, que passa imperceptivelmente para a sala de aula. Vídeo, na cabeça dos alunos, significa descanso e não "aula", o que modifica a postura, as expectativas em relação ao seu uso. Precisamos aproveitar essa expectativa positiva para atrair o aluno para os assuntos do nosso planejamento pedagógico. Mas ao mesmo tempo, saber que necessitamos prestar atenção para estabelecer novas pontes entre o vídeo e as outras dinâmicas da aula.
Moran, José Manuel. O vídeo na sala de aula/ José Manuel Moran. Artigo publicado na revista Comunicação & Educação. São Paulo, ECA-Ed. Moderna,[2]: 27 a 35, jan./abr. de 1995. P. 28.
 
Brito e Purificação (2011) afirmam que podemos trabalhar com filme em sala de aula, como tecnologias educacionais e que é possível planejar uma aula com o uso de filmes de duas formas: aula em função do filme e filme em função da aula.Analise as sentenças a seguir, assinalando V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas, considerando as formas de utilização do filme em sala de aula.
 I - (....) Numa \u201caula em função do filme\u201d, utiliza-se um filme já existente e que ao ser realizado não teve a sua produção voltada para atingir os objetivos específicos da aula em que será utilizado.
II - (....) Ao utilizar o filme em função da aula\u201d, tem-se ao alcance um filme realizado para alcançar os objetivos específicos da aula.
III - (....) Num filme em função da aula, o professor deve assistir primeiramente junto com seus alunos o filme, mesmo que o professor não tenham assistido anteriormente, pois desta forma descobrem juntos o que será apresentado.
IV - (....) O professor primeiramente irá assistir ao filme que irá utilizar em sala de aula e, em seguida, deverá planejar as estratégias de desenvolvimento da aula, de motivação.
Agora, marque a sequência correta:
	
	A
	V,V,F,V
Você acertou!
As afirmativas I, II e IV são verdadeiras.
Quando trabalhamos com filmes, podemos planejar a nossa aula de duas formas: - aula em função do filme, na qual se utiliza um filme já preparado, que, consequentemente, não teve a sua realização voltada para o alcance dos objetivos específicos da aula em que será utilizado; - filme em função da aula, na qual o filme é realizado tendo em vista os objetivos específicos da aula. (p.53)
	
	B
	F,F,F,V
	
	C
	V,F,V,F
	
	D
	F,V,V,F
	
	E
	V,V,V,V
Questão 4/10
Leia a afirmativa de Vani Kenski:
As tecnologias invadem as nossas vidas, ampliam a nossa memória, garantem novas possibilidades de bem estar e fragilizam as capacidades naturais do ser humano. Somos muito diferentes dos nossos antepassados e nos acostumamos com alguns confortos tecnológicos \u2013 água encanada, luz elétrica, fogão, sapatos, telefone \u2013 que nem podemos imaginar como seria viver sem eles.
 
Kenski, Vani Moreira. Educação e Tecnologias: o novo ritmo da informação. Campinas, S.P: Papirus, 2007. p.19
 
De acordo com os conteúdos abordados nas aulas e no livro-base, podemos encontrar diversos conceitos de tecnologias. Analise as afirmativas a seguir que apresentamconceitos de tecnologias:
 I - Maneira como os homens fazem as coisas porque, em primeiro lugar, não se distingue desta forma técnica de tecnologia.
II - Processo contínuo através do
Fabiana
Fabiana fez um comentário
qual a nota?
0 aprovações
Sergio
Sergio fez um comentário
Simone
0 aprovações
Carregar mais