A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
38 pág.
Assédio Sexual

Pré-visualização | Página 1 de 10

FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS CARLOS-FUPAC 
FACULDADE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS DE UBERLÂNDIA 
 
 
 
BRUNA SOUZA SILVA 
JOSÉ MÁRIO TEIXEIRA ROSA 
KAMILLA APARECIDA DA SILVA MACHADO 
PRISCILA PEREIRA SILVA 
RAFAEL MENDES DE ALMEIDA 
THIAGO MIRANDA DE JESUS 
 
 
 
 
 
ASSÉDIO SEXUAL 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Uberlândia 
2016 
 
 
BRUNA SOUZA SILVA 
JOSÉ MÁRIO TEIXEIRA ROSA 
KAMILLA APARECIDA DA SILVA MACHADO 
PRISCILA PEREIRA SILVA 
RAFAEL MENDES DE ALMEIDA 
THIAGO MIRANDA DE JESUS 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
ASSÉDIO SEXUAL 
 
 
 
 
 
 
 
Trabalho de Seminário apresentado à Faculdade 
Presidente Antônio Carlos Uberlândia, sob 
orientação da Prof.ª Dr.ª Lurdes Lucena, do curso 
Direito 1° Período. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Uberlândia 
2016 
 
 
SUMÁRIO 
 
 
1 - INTRODUÇÃO................................................................................................................... ..4 
2 - DEFINIÇÃO DE LIBERDADE SEXUAL...........................................................................4 
3 - ASSÉDIO SEXUAL..............................................................................................................5 
3.1 - CONCEITO........................................................................................................................5 
3.2 – ELEMENTOS CARACTERIZADORES..........................................................................5 
3.3 - CONDUTAS DE NATUREZA SEXUAL.........................................................................6 
3.4 - REJEIÇÃO A CONDUTA DO AGENTE.........................................................................6 
3.5 – DIFERENÇAS ENTRE ASSÉDIO E CANTADA(PAQUERA)......................................7 
4 - PODER E ASSÉDIO SEXUAL............................................................................................8 
5 - ESPÉCIES DE ASSÉDIO SEXUAL..................................................................................10 
5.1 - ASSÉDIO SEXUAL POR CHANTAGEM.....................................................................10 
5.2 - ASSÉDIO SEXUAL POR INTIMIDAÇÃO....................................................................11 
6 - A QUESTÃO DA CULPA CONCORRENTE...................................................................13 
6.1 - CULPA CONCORRENTE...............................................................................................13 
6.2 - O CONLUIO ENTRE VÍTIMA E ASSEDIANTE..........................................................13 
7 - A FIGURA MASCULINA E O ASSÉDIO SEXUAL........................................................14 
8 - COMPORTAMENTO DO ASSÉDIO NAS RELAÇÕES TRABALHISTAS...................14 
9 - CONSEQÜÊNCIAS DO ASSÉDIO SEXUAL................................................. ..................16 
9.1 - PARA VÍTIMA................................................................................................................16 
9.2 - CARACTERIZAÇÃO DA DESPEDIDA INDIRETA....................................................17 
9.3 - REPARAÇÃO PATRIMONIAL E DANO MORAL......................................................18 
9.4 - PARA O AUTOR.............................................................................................................19 
9.5 - DISPENSA POR JUSTA CAUSA...................................................................................20 
9.6 - RESPONSABILIDADE PATRIMONIAL......................................................................20 
9.7 - CONSEQÜÊNCIAS CRIMINAIS...................................................................................21 
9.8 – F OCO EM SAÚDE PARA A VITIMA E QUEM PRATICA O ATO...........................22 
10 - PREJUÍZOS PARA O EMPREGADOR...........................................................................22 
11 - DA PRODUÇÃO DE PROVAS.......................................................................................23 
12 - O ASSÉDIO SEXUAL ALÉM DO ÂMBITO CORPORATIVO....................................27 
13 - O ASSÉDIO SEXUAL NO BRASIL................................................................................28 
13.1 LEGISLAÇÃO PENAL E O ASSÉDIO SEXUAL..........................................................29 
14 - ESTATÍSTICAS DO TEMA.............................................................................................31 
14.1 - ANÁLISE AMOSTRAL................................................................................................31 
14.2 - ANÁLISE ESTATÍSTICA.............................................................................................33 
14. 3 - ANÁLISE REGIÃO GEOGRÁFICA...........................................................................33 
15 - CALÚNIA (DENÚNCIA CALUNIOSA).........................................................................33 
16 - AÇÕES FEITAS CONTRA A REDUÇÃO DO ABUSO SEXUAL................................35 
 
CONSIDERAÇÕES FINAIS....................................................................................................36 
 
REFERÊNCIAS...................................................................... ..................................................37 
 
4 
 
1. INTRODUÇÃO 
 
Falar sobre assédio sexual, é na verdade falar sobre um grave problema da sociedade. Com base nesse 
contexto, este trabalho conceituará os principais tópicos sobre este assunto. 
Constantemente ouvimos falar algo sobre o crime de assédio sexual, mas uma minoria da população, 
realmente, tem conhecimento deste tema. No decorrer deste trabalho iremos tratar realmente no que 
consiste o “assédio sexual”, que muitas vezes, vemos leigos ou quem não tem conhecimento sobre o 
assunto, usando essa terminologia Assédio Sexual , para se referir a algo completamente diferente do 
crime de assédio sexual propriamente dito, trataremos também das sanções disciplinares, além de 
mostrar o resultado do cenário atual através de estatísticas realizados por alunos da UNIPAC-
Uberlândia. 
Faremos uma abordagem, neste trabalho procurando sintetizar vários tópicos, permitindo uma visão 
panorâmica e esclarecedora, para que possamos passar esse conhecimento e até ajudar a sociedade 
enfrentá-la. 
 
 
2. LIBERDADE SEXUAL 
Antes de Adentrarmos ao tema principal deste trabalho, para termos um fácil entendimento 
mais a frente, é necessário discorrer sobre liberdade sexual. 
A Professora Maria Helena Diniz, em seu “Dicionário Jurídico”, entende que “liberdade sexual” 
pode ser definida como: 
LIBERDADE SEXUAL. Direito penal. Direito de disposição do 
próprio corpo ou de não ser forçado a praticar ato sexual. Constituirão 
crimes contra liberdade sexual: o ato de constranger mulher à conjunção 
carnal, mediante violência ou grave ameaça; o atentado violento ao 
pudor, forçando alguém a praticar ato libidinoso diverso da conjunção 
carnal; a conjunção carnal com mulher honesta, mediante fraude, a 
praticar ato libidinoso. 
Nessa mesma linha de raciocínio destaca Munoz Conde: 
à liberdade sexual, entendida como aquela parte da liberdade referida ao 
exercício da própria sexualidade e, de certo modo, a disposição do próprio 
corpo, aparece como bem jurídico merecedor de uma proteção específica, 
5 
 
não sendo suficiente para abranger toda sua dimensão a proteção genérica 
concedida à liberdade geral. 
Então podemos considerar que a liberdade sexual, nada mais é do que de forma individual a 
pessoa ter a liberdade de fazer o que bem entende com seu próprio corpo dentro dos limites da 
lei. 
 
3. ASSÉDIO SEXUAL 
3.1 - CONCEITO 
Assédio sexual é toda tentativa, por parte do superior hierárquico (chefe), ou

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.