A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
101 pág.
REFERENCIAL CURRICULAR NACIONAL PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL volume 1

Pré-visualização | Página 23 de 23

necessidades básicas de aprendizagem e
conteúdos escolares. Campinas: Papirus, 1994.
VIEIRA, L. M. F. Mal necessário: creches no Departamento Nacional da Criança (1940-
1970). Cadernos de Pesquisa, n. 67, p. 3-16, 1988.
__________. Creches no Brasil: de mal necessário a lugar de compensar carências. Rumo à construção
de um projeto educativo. Dissertação de mestrado. UFMG, 1986.
VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1984.
__________. Pensamento e linguagem. Lisboa: Antídoto, 1979.
WALLON, H. Do acto ao pensamento. Lisboa: Moraes, 1979.
WEBER, E. Ideas influencing early childhood education. A theoretical analysis. Estados Unidos:
Teachers College/Columbia University, 1984.
WEFFORT, F. e BENEVIDES, M. V. Direito, cidadania e participação. São Paulo: T.A.
Queiroz, 1981.
WEISZ, T. As contribuições da psicogênese da língua escrita e algumas reflexões sobre a prática
educativa de alfabetização. In: SÃO PAULO (Estado). Secretaria da Educação. CENP.
São Paulo, 1989.
__________. De professor para professor: relações entre ensino e aprendizagem. São Paulo: Ática,
no prelo.
WEREBE, M. J. G. 30 anos. Grandezas e misérias do ensino no Brasil. São Paulo: Ática, 1994.
__________. Henri Wallon. São Paulo: Ática, 1986.
WILLIAMS, R. Cultura e sociedade. São Paulo: Nacional, 1969.
103
FICHA TÉCNICA
Coordenação
Ana Amélia Inoue, Gisela Wajskop, Silvia Pereira de Carvalho.
Elaboração
Aloma Fernandes Carvalho, Ana Amélia Inoue, Anamélia Bueno Buoro, Damares Gomes
Maranhão, Gisela Wajskop, Izabel Galvão, Maria Paula Vignola Zurawisky, Maria Priscila
Bacellar Monteiro, Teca Alencar de Brito, Maria Virgínia Gastaldi, Regina Lúcia Scarpa
Leite, Silvia Pereira de Carvalho, Vinicio de Macedo Santos.
Assessoria
Ana Teberosky, Antonia Terra, Délia Lerner de Zunino, Cecília Parra, Gilles Brougère,
Jean Hébrard, Izabel Galvão, Maria Clotilde Rossetti-Ferreira, Maria Cristina Ribeiro
Pereira, Marisa Pelella Mélega, Nelio Bizzo, Ricardo Brein, Rosa Iavelberg, Telma Weisz
e 230 pareceristas — professores de universidades e especialistas de todo o país — que
contribuíram com críticas e sugestões valiosas para o enriquecimento do Referencial
Curricular Nacional para a Educação Infantil.
Tabulação de Pareceres
Andréa Bueno Buoro, Eike Frehse, Fraya Frehse.
Preparação do texto
Lilian Jenkino
Revisão de Texto e copidesque
Ana Maria Viana Freire, Lilian Jenkino e Maristela Félix de Lima.
Agradecimentos
Andréa dos Santos Vianna, Aparecida Maria Gama Andrade, Beatriz Cardoso, Célia M.
Carolino Pires, Cisele Ortiz, Claudia Lemos, Edna Thomazella Cartaxo, Fátima Camargo,
Gilda Portugal Gouveia, Heloysa Dantas, Hércules Abrão de Araújo, Joselita Dias dos
Santos Reis, Márcia da Silva Ferreira, Maria Auxiliadora Albergaria, Maria Alice Junqueira
de Almeida, Maria Lúcia Barros de Azambuja Guardia, Maria Tereza Perez Soares, Marilene
Ribeiro dos Santos, Paulo Portella Filho, Saul Cypel, Sirlene Bendazzoli, Tereza de Jesus
Nery Barreto, Vanda Bartalini Baruffaldi, Yves de La Taille, Prefeituras dos Municípios
de Araraquara, Campo Grande, Itapetininga, Jaraguá do Sul, Jundiaí, Osasco, Salvador,
São Bernardo do Campo e São Paulo, Asbrac, CNE, Consed, Efei e Undime.
Brasil
Ministério
da Educação e
do Desporto