resumo de aspectos antropologicos
4 pág.

resumo de aspectos antropologicos


DisciplinaAspectos Antropológicos e Sociológicos da Educação4.526 materiais36.542 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Resumo de aspect. Antrop.
Resumo de aspect. Antrop.
Resumo de aspect. Antrop.
A análise antropológica da cultura
AULA 1
*Edward Tylor foi um dos primeiros antropólogos a sistematizar o conceito de cultura. Segundo este autor, em seu trabalho intitulado Primitive Culture, de 1871, a cultura poderia ser definida como todo aquele conjunto de conhecimentos, que inclui crenças, arte, moral, lei, costumes e quaisquer outras capacidades e hábitos adquiridos pelo homem como membro de um grupo ou sociedade.
*O etnocentrismo é um fenômeno universal. Os indivíduos vêem o mundo através de sua cultura e têm a propensão em considerar o seu modo de vida como o mais correto e o mais natural.
*A sociedade ocidental produziu uma forma específica de explicar o mundo, chamada de ciência, ou seja, uma forma racional, objetiva, sistemática, metódica e refutável de formulação das leis que regem os fenômenos.
*Auguste Comte (1798-1857) A Lei dos Três Estados:
Teológico Metafísico Positivo 
AULA 6
*O pensamento sociológico de
Émile Durkheim
(1858-1917)
*Em As Regras do Método Sociológico, Durkheim afirma que o objeto de estudo da Sociologia são os fatos sociais. Eles seriam aqueles modos de agir, pensar e sentir que exercem sobre os indivíduos uma coerção externa e que possuem existência própria. Para este autor os fatos sociais deveriam ser percebidos como coisas.
*É o modo como a sociedade vê a si mesma e as demais, através de suas lendas, mitos, concepções religiosas, crenças morais etc... Em outras palavras, seria o sistema de representações coletivas presente em determinada sociedade.
*Segundo Durkheim,o pesquisador deve assumir uma postura de distanciamento e neutralidade em relação aos fatos estudados, ou seja, deve abandonar as suas pré-noções. Estes, por sua vez, devem ser medidos e observados de forma objetiva. \u201cOs fatos sociais devem ser encarados como coisas.\u201d
*Segundo Durkheim, o meio moral em determinada sociedade é produzido pela cooperação entre os indivíduos, por meio de um processo de interação que ele definiu como a divisão do trabalho social. Neste sentido haveriam duas formas básicas de se construir esta cooperação ou solidariedade, que seriam a solidariedade mecânica e a solidariedade orgânica.
*A EDUCAÇÃO COMO INSTRUMENTO DE SOCIALIZAÇÃO
Numa sociedade em que o individualismo, acirrado pela diferenciação social e pelas práticas do mercado, compete com a consciência coletiva, a educação assume o significado de educação moral. Assim, ela seria de vital importância para a manutenção da coesão social, na concepção de Durkheim.
Aprender a ser um engenheiro ou um médico, para Durkheim, não significa apenas fazer plantas e cálculos, ou aprender anatomia humana. Ao ingressar nas universidades os indivíduos aprendem, também, como médicos e engenheiros estabelecem suas relações sociais próprias. A escolha da profissão passaria a ser uma maneira particular de se ingressar em determinado meio moral.
*A obra de Marx também teve influência sobre a construção do primeiro regime socialista a ser instituído na história recente da humanidade. Esta experiência se daria na Rússia, em 1917, ano em que o partido bolchevique, liderado por Lênin, no comando de um movimento revolucionário instituiria naquele país um projeto socialista de inspiração marxista.
*O método de abordagem da vida social, elaborado por Marx, foi chamado posteriormente de Materialismo Histórico. De acordo com tal concepção, as relações materiais que os homens estabelecem entre si, o modo como produzem os seus meios de vida, formam a base de todas as suas relações.
*\u201cAs formas como os indivíduos manifestam a sua vida refletem muito exatamente aquilo que são. O que são coincide, portanto, com sua produção, isto é, tanto com aquilo que produzem como com a forma como produzem. Aquilo que os indivíduos são depende, por conseguinte, das condições materiais de sua produção (Marx, Karl. A Ideologia Alemã, pg.19).\u201d
Entende-se por modo de produção a maneira pela qual os homens obtêm seus meios de existência material, isto é, os bens de que necessitam para viver. Na história podemos distinguir alguns modos de produção como o escravismo na antiguidade, o feudalismo, o capitalismo e o socialismo. Os modos de produção de uma sociedade dependem do estágio das forças produtivas e do desenvolvimento das relações de produção.
O conceito de forças produtivas refere-se aos instrumentos e habilidades utilizados na produção material, possibilitando o controle da natureza. Seu desenvolvimento é cumulativo.
A idéia de relações sociais de produção implica em diferentes formas de organização da produção, da distribuição, da posse e da propriedade dos meios de produção; bem como as suas garantias legais, constituindo-se dessa forma no substrato para a estruturação das classes sociais. De forma sintética, seriam as relações estabelecidas pelos indivíduos entre si e com o grupo, para a organização do trabalho social.
A presença de diferentes classes sociais nos diversos modos de produção, com interesses muitas vezes antagônicos, levou Marx a \u201ca luta de classes é o motor da história\u201d. No capitalismo a duas classes predominantes são a burguesia e o proletariado.
*O trabalho na sociedade capitalista é considerado como algo sobre o qual o próprio trabalhador não possui nenhum controle. Este saber lhe foi expropriado num processo histórico, juntamente com os meios de produção. Este mecanismo é definido por Marx como alienação.
*Para Marx e Engels não existe educação em geral, ou seja, conforme o conteúdo de classe ao qual estiver exposta ela pode ser uma educação para a alienação ou para emancipação (Rodrigues, Alberto Tosi. Sociologia da Educação, pg. 49).
*A análise das obras de Marx permite concluir que, para este autor, os conteúdos educacionais adequados devem contemplar três dimensões: uma educação intelectual, uma educação tecnológica e uma educação física.
*Esta compreensão do sentido subjetivo das ações dos indivíduos, que se relacionam com os demais membros da sociedade ou grupo é a base da sociologia weberiana. Neste sentido, para Weber a sociologia seria uma ciência compreensiva.
*A base da sociologia weberiana pode ser estruturada a partir do conceito de ação social, que segundo Weber seria todo tipo de conduta humana relacionada a outros indivíduos e dotada de um sentido subjetivamente elaborado.
*A pedagogia do cultivo teria como objetivo educar o indivíduo e prepará-lo culturalmente para a camada social em que vive, desenvolvendo nele certas formas de reflexividade, com vistas ao comportamento social. Esta prática pode ser comparada à educação humanista do Ocidente, assumindo a característica de uma \u201cqualificação cultural\u201d no sentido de uma educação de caráter abrangente.
*A racionalização da vida social e a crescente burocratização do Estado moderno, fez com que a educação deixasse gradualmente de ter como objetivo a \u201cqualidade da posição do homem na vida\u201d e passasse a se constituir num projeto especializado com o objetivo de formar peritos e especialistas, com vistas ao mercado de trabalho.
*Aula 9
As Contribuições de Bourdieu, Gramsci e Mannheim para a Sociologia da Educação
*Segundo Gramsci, existem dois tipos de intelectuais: o orgânico e o tradicional.
Os intelectuais orgânicos seriam aqueles que representariam os interesses das classes dominantes, enquanto os segundo tipo, os intelectuais tradicionais, representariam os interesses de outras classes no interior da sociedade
*A Escola Unitária
A Escola * \u201c[Seria a] escola única inicial de cultura geral, humanista, formativa, que equilibre equanimente o desenvolvimento da capacidade de trabalhar manualmente (tecnicamente, industrialmente) e o desenvolvimento das capacidades de trabalho intelectual." (GRAMSCI, A . (1978c). Cartas do Cárcere. Rio de Janeiro, Civilização Brasileira., p. 118) Aula 9 * Aula 9 * Para Bourdieu as sociedades se estruturam a partir de um sistema de relações de força material entre grupos e classes. Sobre a sua
Saulo E Fernanda
Saulo E Fernanda fez um comentário
Obrigado por colocar seu resumo na página.
0 aprovações
Carregar mais