A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
AV1 Personalidade

Pré-visualização | Página 1 de 2

OBS.: AS RESPOSTAS CORRETAS ESTÃO EM VERMELHO.
PERSONALIDADE - AV1
	1a Questão (Ref.: 201102368081)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Luciana é mãe de Ricardinho, de 10 anos, que só quer saber de jogar bola e detesta estudar. Ela disse para ele que de agora em diante ele só vai jogar bola depois que o dever de casa estiver pronto, do contrário ficará semmesada¿esemjogarbola.Ricard∈hodesobedeceuamãeeficoudecastigo:umasemanasemjogarbolaesemmesada¿. Agora Ricardinho só joga bola depois de fazer o dever de casa. Ao correlacionarmos o caso com a segunda tópica da teoria freudiana, é correto afirmar que:
		
	 
	O caso de Ricardinho é um exemplo do princípio da realidade, em que o ego resolve adiar o prazer em função das imposições da realidade.
	
	O caso de Ricardinho é um exemplo da exigência de um comportamento correto e impecável, dentro das normas e padrões sociais, que quando não ocorrem causam frustração.
	
	O caso de Ricardinho é um exemplo do princípio do prazer, em que o id não se submete à realidade e apenas satisfaz todos os seus desejos.
	
	O caso de Ricardinho é um exemplo de culpa por realização desejos que não trazem benefício coletivo ou individual.
	
	O caso de Ricardinho é um exemplo do princípio de reparação, em que o id não é submetido a nenhum tipo de reparação e se mantém realizando satisfações infantis.
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201102242054)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	A primeira tópica de Freud foi constituída pelos três sistemas: Incosnciente; Pré-cosnciente e Consciente. Qual a alternativa que melhor define o incosnciente?
		
	 
	constituído por conteúdos recalcados aos quais foi recusado o acesso ao sistema pré-consciente-consciente pela ação do recalque originário e recalque a posteriori.
	
	conteúdos inacabados ou não entendidos.
	
	Conteúdos pré-conscientes, mas que são difíceis de tornarem conscientes.
	
	Conteúdos libidinais apenas.
	
	constituído por conteúdos da consciência, mas que não conseguiram ser assimilados.
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201102242039)
	Pontos: 0,0  / 0,5
	A personalidade faz parte da curiosidade da maioria dos seres humanos. Procuramos adivinhar as características alheias por meio das impressões que conseguimos obter nas trocas interpessoais. Mas personalidade pode ser definida como:
		
	 
	conjunto de características motivacionais que determinam a individualidade pessoal e social de alguma pessoa.
	
	conjunto de características fisiológicas que determinam a individualidade pessoal e social de alguma pessoa.
	
	conjunto de características sociais que determinam a individualidade pessoal e social de alguma pessoa.
	
	conjunto de características biológicas que determinam a individualidade pessoal e social de alguma pessoa.
	 
	conjunto de características psicológicas que determinam a individualidade pessoal e social de alguma pessoa.
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201102254637)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	Rita é introvertida, conversa pouco e prefere trabalhos em que não precisa lidar com o público. Em relação à teoria da personalidade, é correto afirmar que:
		
	 
	As características de Rita constituem-se em padrões consistentes de sentimentos, pensamentos e comportamentos.
	
	As características de Rita denotam o que os estudiosos chamam de pesquisa social.
	
	As características de Rita denotam um comportamento sistemático de extroversão.
	
	As características de Rita constituem-se em facilitações de diferentes personalidades.
	
	As características de Rita se assemelham aos estudos de padrões comportamentais de animais em seu habitat natural.
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201102252965)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	Inicialmente (1ª tópica) Freud dividia a estrutura psíquica em três níveis:
		
	 
	O consciente que inclui tudo do que estamos cientes em um dado momento; Inconsciente, elementos que não são acessíveis à consciência; Pré-consciente é uma parte do inconsciente que pode se tornar consciente com facilidade.
	
	O consciente que inclui tudo do que estamos cientes em um dado momento; Id, responsável pelo principio da realidade; Pré-consciente é uma parte do inconsciente que pode se tornar consciente com facilidade.
	
	Processos primários relacionado aos estados pré-concientes; Processos secundários relacionados ao consciente e principio do prazer pelo qual opera o Id.
	
	Id, responsável pelo principio da realidade; Ego é a parte do aparelho psíquico que está em contato com a realidade externa; Superego desenvolve-se a partir do ego, e não do id.
	
	Id é a estrutura da personalidade original; Ego é a parte do aparelho psíquico que está em contato com a realidade externa; Superego desenvolve-se a partir do ego, e não do id.
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201102233273)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Na segunda tópica, Freud desenvolveu um modelo estrutural mais formal para a psicanálise. O id diz respeito a(o):
		
	
	Ramo ideal do nosso comportamento
	
	Mediação entre a gratificação e a moralidade
	 
	Fonte de toda a energia da pulsão
	
	Ramo moral do nosso funcionamento
	
	Ramo controlador da ética moral
	
	
	 7a Questão (Ref.: 201102252924)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	Podemos dizer que desde Sigmund Freud, até as perspectivas mais contemporâneas o conceito do que seja a personalidade assume conceituações diversas o que se expressa em Teorias da Personalidade. Entretanto se considerarmos fatores genéticos e ambientais podemos dizer, em uma perspectiva mais equilibrada, que provavelmente:
		
	
	Eventos sociais, situações de desempenho comportamentais são determinantes para a formação da personalidade e somos produto dos arranjos interpessoais construídos ao longo da vida.
	
	Personalidade como sendo uma organização dinâmica dos traços no interior do eu, formados a partir dos genes particulares que herdamos, das existências singulares que suportamos e das percepções individuais que temos do mundo sendo os aspectos biológicos mais relevantes que os ambientais.
	 
	Personalidade como sendo uma organização dinâmica dos traços no interior do eu, formados a partir dos genes particulares que herdamos, das existências singulares que suportamos e das percepções individuais que temos do mundo.
	
	Personalidade como sendo uma organização dinâmica dos traços no interior do eu, formados a partir dos genes particulares que herdamos, das existências singulares que suportamos e das percepções individuais que temos do mundo sendo os aspectos ambientais mais relevantes que os biológicos.
	
	Os aspectos genéticos são determinantes para a formação da personalidade e somos produto dos arranjos sinápticos e genéticos sendo está à explicação de todas as características da personalidade que possuímos.
	
	
	 8a Questão (Ref.: 201102242083)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Na perspectiva da primeira Tópica de Freud, tão discutida até os dias atuais a interpretação que se pode oferecer sobre o consciente é:
		
	
	Percepções apenas externas no conjunto dos fenômenos psíquicos. A consciência seria função de um sistema, o sistema percepção-consciência (Pcs-Cs).
	
	São conteúdos do sistema inconsciente na medida em que permanecem de direito acessíveis à consciência (conhecimentos e recordações não atualizados, por exemplo).
	 
	São as percepções externas e internas no conjunto dos fenômenos psíquicos. A consciência seria função de um sistema, o sistema percepção-consciência (Pcs-Cs).
	
	Percepções apenas internas no conjunto dos fenômenos psíquicos. A consciência seria função de um sistema, o sistema percepção-consciência (Pcs-Cs).
	
	Constituído por conteúdos recalcados aos quais foi recusado o acesso ao sistema pré-consciente-consciente pela ação do recalque originário e recalque a posteriori.
	
	
	 9a Questão (Ref.: 201102368085)
	Pontos: