A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
101 pág.
Apostila NPG1272 ou NPG1286   CADEIA DE SUPRIMENTOS ARMAZENAGEM E MOVIMENTACAO (1)

Pré-visualização | Página 1 de 15

LOGÍSTICA 
EMPRESARIAL 
 CADEIA DE SUPRIM., 
ARMAZENAGEM E 
MOVIMENTAÇÃO 
Roberto Tarantino 
 
 
CADEIA DE SUPRIM., ARMAZENAGEM E MOVIMENTAÇÃO  1 
Prezado aluno, 
 
Esta apostila é a versão estática, em formato .pdf, da disciplina online e contém 
todas as informações necessárias a quem deseja fazer uma leitura mais linear do 
conteúdo. 
Os termos e as expressões destacadas de laranja são definidos ao final da 
apostila em um conjunto organizado de texto denominado NOTAS. Nele, você 
encontrará explicações detalhadas, exemplos, biografias ou comentários a 
respeito de cada item. 
Além disso, há três caixas de destaque ao longo do conteúdo. 
A caixa de atenção é usada para enfatizar questões importantes e implica um 
momento de pausa para reflexão. Trata-se de pequenos trechos evidenciados 
devido a seu valor em relação à temática principal em discussão. 
A galeria de vídeos, por sua vez, aponta as produções audiovisuais que você 
deve assistir no ambiente online – aquelas que o ajudarão a refletir, de forma 
mais específica, sobre determinado conceito ou sobre algum tema abordado na 
disciplina. Se você quiser, poderá usar o QR Code para acessar essas produções 
audiovisuais, diretamente, a partir de seu dispositivo móvel. 
Por fim, na caixa de Aprenda mais, você encontrará indicações de materiais 
complementares – tais como obras renomadas da área de estudo, pesquisas, 
artigos, links etc. – para enriquecer seu conhecimento. 
Aliados ao conteúdo da disciplina, todos esses elementos foram planejados e 
organizados para tornar a aula mais interativa e servem de apoio a seu 
aprendizado! 
Bons estudos! 
 
 
 
CADEIA DE SUPRIM., ARMAZENAGEM E MOVIMENTAÇÃO  2 
Cadeia de suprim., 
armazenagem e 
movimentação - Apostila 
Apresentação 
Em um cenário atual de grande competitividade, economias globalizadas, tempos 
cada vez mais comprimidos e demandas muito exigentes, a aplicação dos 
conceitos da Cadeia de Suprimentos (CS) se tornaram fundamentais para as 
empresas modernas que desejem competir em planos superiores. 
A integração proposta de todos os participantes da Cadeia de Suprimentos visa 
exatamente proporcionar às empresas, elementos competitivos alinhados aos 
dois fundamentos estratégicos da Logística, que são aumentar o nível de serviço 
aos clientes e reduzir/otimizar custos. 
Sendo assim, esta disciplina tem como objetivos: 
1. Examinar os conceitos da cadeia de suprimentos; 
2. Demostrar os princípios da armazenagem e movimentações; 
3. Avaliar a importância dos diversos controles ao longo da cadeia. 
 
 
 
CADEIA DE SUPRIM., ARMAZENAGEM E MOVIMENTAÇÃO  3 
Aula 1: Cadeia de Suprimentos 
Introdução 
Em um ambiente tão competitivo, em que produtos e serviços são muito 
semelhantes, os clientes estão cada vez mais exigentes, é grande número de 
concorrentes e os tempos cada vez mais comprimidos, é necessário e 
fundamental que as empresas modernas criem diferenciais para que possam 
concorrer no mercado. 
Os conceitos da cadeia de suprimentos vai ao encontro dessas necessidades, 
possibilitando que as empresas adotem medidas que as diferencie estratégica e 
competitivamente. 
 
Objetivo: 
1. Examinar os principais conceitos da Logística e cadeia de suprimentos; 
2. Definir os fatores-chave que compõem a cadeia de suprimentos. 
Conteúdo 
A cadeia de suprimentos 
A cadeia de suprimentos é composta pelos diversos setores da empresa além de 
dois atores de extrema importância que são os fornecedores e os clientes. 
A proposta básica e fundamental da cadeia de suprimentos é a de integrar esses 
participantes visando em todos os processos: 
 
Aumento do nível de serviço ao cliente 
 
Redução/otimização dos custos 
 
Todos os processos visando os diversos suprimentos, internos (conceito de 
cliente/fornecedor interno) e externos são executados pela Logística que, em sua 
essência, planeja, opera e controla as ações que visam abastecimento. 
 
 
CADEIA DE SUPRIM., ARMAZENAGEM E MOVIMENTAÇÃO  4 
Na contemporaneidade, o papel da logística no mundo dos negócios ganha 
destaque, tanto em escopo quanto em importância estratégica. Não se trata de 
modismo, mas de um conhecimento que os gestores devem dominar 
plenamente. 
 
Evolução da logística 
O conhecimento logístico passou a ser utilizado de forma mais sistemática na 
arte da guerra, tornando-se um diferencial para quem conseguia implementar 
estratégias mais eficientes de deslocamento das tropas, suprimentos e 
equipamentos. Considerando que as características da logística desenvolvidas 
para fins militares apresentavam muita afinidade com as atividades industriais, 
as empresas começaram a usar essa estratégia, com sucesso, dando origem à 
logística empresarial. 
Segundo o Council of Logístics Management norte-americano (1998): “a logística 
é o processo de planejar, implementar e controlar de maneira eficiente o fluxo e 
a armazenagem de produtos, bem como os serviços e as informações associadas, 
cobrindo desde o ponto de origem até o ponto de consumo, com o objetivo de 
atender aos requisitos do cliente. 
De acordo com o Council of Supply Chain Management Professionals (CSCMP, 
2004): Logística é a parte do processo da cadeia de suprimentos que planeja, 
implementa e controla o fluxo direto (à frente) e reverso, de forma eficiente e 
eficaz, de materiais, serviços e informações associadas, desde seu ponto de 
origem até o ponto de consumo, de modo a atender aos requisitos dos clientes. 
 
A evolução da Logística no Brasil 
Vejamos as fases da evolução da Logística no Brasil: 
 
 
 
CADEIA DE SUPRIM., ARMAZENAGEM E MOVIMENTAÇÃO  5 
 
 
Anos 70 
Na década de 1970, prevalecia o foco na entrega. Naquele momento, as 
empresas eram muito departamentalizadas, em que cada setor evoluía seus 
processos sem se preocupar com os setores restantes. Essa prática trazia perdas 
e custos indesejados às empresas, ainda não havia a preocupação de ouvir os 
clientes. 
 
Anos 80 
Na década seguinte, anos 1980, havia a preocupação em integrar os 
departamentos da empresa, e percebeu-se que as perdas e custos deviam ser 
reduzidos e que os setores deviam “se comunicar”. Começava a existir a 
necessidade de uma visão sistêmica da empresa, enxergar a empresa como um 
todo. No final dessa década, a TI, ainda pouco desenvolvida, ajudava nos 
processos internos. 
 
Integração Total 
Nos anos 1990 e início de 2000, com a evolução da TI, nesse momento 
empregada sistematicamente pelas empresas, teve início a fase da chamada 
integração total, ou seja, além da empresa internamente estar integrada, aliou-
se a esse processo também os fornecedores e clientes. Estava estabelecido o 
 
 
CADEIA DE SUPRIM., ARMAZENAGEM E MOVIMENTAÇÃO  6 
conceito de cadeia de suprimentos ou supply chain ou ainda cadeia logística 
integrada. 
A partir de então, a evolução tornou-se mais apurada com os conceitos de 
pesquisar, entender e atender melhor os clientes, além da tendência da 
customização, personalização de produtos e serviços, estoques e tempos de 
entrega e de resposta cada vez menores e ainda as terceirizações sob o conceito 
de trade-offs. 
 
A Logística Moderna 
A logística moderna: 
 
Tem como fundamentos estratégicos: 
• Aumentar o nível de serviço oferecido aos clientes; 
• Reduzir/otimizar custos. 
 
 
Procura também incorporar: 
• Prazos previamente acertados e cumpridos integralmente, ao longo de 
toda a cadeia de suprimento; 
• Integração efetiva e sistêmica entre todos os setores da empresa; 
• Integração efetiva e estreita (parcerias) com fornecedores e clientes; 
• Busca da otimização global, envolvendo a racionalização dos processos e 
a redução de custos em toda a cadeia de suprimentos; 
• Satisfação plena do cliente, mantendo nível de serviço preestabelecido e 
adequado. 
 
 
Na figura podemos