APOSTILA DE FHTM 2017
209 pág.

APOSTILA DE FHTM 2017


DisciplinaServiço Social23.570 materiais90.207 seguidores
Pré-visualização35 páginas
1
SUMÁRIO
Uma Breve Introdução da História do Serviço Social no Mundo..................................4
O Surgimento Serviço Social na América Latina.....................................................6
Movimento de Reconceituação na América Latina....................................................7
Trajetória histórica do Serviço Social no Brasil....................................................10
As Encíclicas Papais.......................................................................................13
O Processo de Institucionalização do Serviço Social no Brasil: Primeiras Escolas de Serviço
Social no Brasil............................................................................................15
Motivos Para o Serviço Social Brasileiro Buscar Influência no Serviço Social Norte-
Americano..................................................................................................20
A Década de 1940 para o Serviço Social.............................................................22
A Evolução do Serviço Social Brasileiro e seus ganhos............................................24
A década de 1960: A crise do Serviço Social Tradicional.........................................25
Pontos Importantes do Movimento de Reconceituação no Brasil.................................27
Renovação do Serviço Social e Perspectiva Modernizadora, Reatualização do 
Conservadorismo e Intenção de Ruptura.............................................................29
Documentos Importantes do Movimento de Reconceituação.....................................32
A Influência das Correntes Teóricas e Filosóficas na Construção Téórica-Metodológica do 
Serviço Social:.............................................................................................37
Fundamentos do Serviço Social na Contemporaneidade............................................44
Contribuições de Iamamoto.............................................................................48
Quadro de Revisão: Datas que São Sempre Cobradas nos Concursos de Serviço Social.....54
Questões Comentadas................................................................................60
2
Carta ao Leitor
Concurseiros de serviço social, esse é mais um material que produzimos para
aprimorar o seu conhecimento. Nesse material você terá acesso ao conteúdo sobre
os fundamentos histórico, teórico e metodológico do Serviço Social e também a
50 questões comentadas e 150 questões gabaritadas. Esse material irá te auxiliar
em seus estudos sobre esse tema que é um dos mais cobrados nos concursos de
serviço social.
Concurseiro, gostaríamos de lembrar que esse material é protegido pela Lei
de direitos autorais (Lei n° 9.610) e que a reprodução desse material com FINS
lucrativos e SEM fins lucrativos sem a autorização do grupo concurseiros de
serviço social é CRIME.
Não esqueça que temos inúmeras apostilas de serviço social para concurso,
caso tenha interesse em conhecer melhor as demais apostilas e/ou nosso trabalho
pode entrar em contato conosco por meio de nossas redes sociais. 
3
UMA BREVE INTRODUÇÃO DA HISTÓRIA DO SERVIÇO SOCIAL
NO MUNDO
Com o fim do feudalismo, um grande contingente populacional passou
a ocupar as cidades e vários problemas surgiram nessa época, que foi
chamada de Idade Moderna, entre os problemas destacam-se: pobre dieta
alimentar, falta de trabalho, ocupações irregulares etc. O que ganhou
notoriedade nesse período foi a Peste Negra, que matou um grande
contingente populacional. 
Na Idade Moderna surge e ganha importância a burguesia, que ganhou
grande força econômica no período. Destaca-se também o Iluminismo que se
caracteriza por atribuir à ciência um papel fundamental e não se coloca mais
Deus no centro do universo e sim o homem. 
Com os inúmeros problemas sociais advindos com o fim do feudalismo,
com a exploração do trabalho, onde as atividades ligadas ao comércio tinham
grande importância, passa-se a ter uma \u201cpreocupação\u201d com esses problemas
sociais. Dessa forma, a burguesia passa a trabalhar com os problemas
sociais, realizando sobre esses problemas ações de caridade. 
Com a chegada da I Revolução Industrial, no século XVII, dá-se a
passagem do Capitalismo Comercial para o Capitalismo Industrial e com isso
ocorre a instalação de várias fábricas nas cidades, fazendo com que várias
pessoas se deslocassem do campo para a cidade, já que não havia mais os
feudos onde trabalhar e as terras haviam sido vendidas. Essas mudanças
levam a um crescimento desordenado das cidades, fazendo com que seus
novos moradores, que não possuíam riquezas, vendessem sua mão de obra e,
juntamente com toda sua família (mulher, crianças, etc), trabalhassem com
4
uma carga horária exaustiva, com baixa remuneração e em lugares
insalubres. Tudo isso causou inúmeras mortes no referido período, por
diversos motivos, desde acidentes de trabalho à desnutrição devido à
precária dieta alimentar de alguns trabalhadores. 
Dessa forma, percebe-se que por muito tempo a população pobre que
trabalhava nas fábricas foram negligenciadas e ficaram sem nenhuma
proteção. Com todas essas injustiças a Igreja Católica se posiciona contra a
situação de descaso desses trabalhadores, não considerando os
trabalhadores como escravos e impondo à sociedade a noção de que eles
deviam ser tratados com \u201cdignidade\u201d, que fazer isso era parte de um
comportamento cristão. 
Com isso uma iniciativa ligada à Igreja Católica, chamada UCISS
União Católica Internacional de Serviço Social que nasceu em 1925 em Milão
na Itália, apoiou a criação da primeira escola católica de Serviço Social na
América Latina que foi a escola Del Rio, fazendo com que esta denominação
religiosa tivesse uma opinião decisiva na criação das escolas de Serviço
Social em toda Europa e América Latina, ela contribuiu também para que o
assistencialismo leigo desse lugar ao assistencialismo profissional tendo em
vista, que essa assistência passou a apresentar caráter profissional no que
antes era papel de fiéis cristãos. 
É importante salientar que a primeira escola de Serviço Social no
mundo nasce no ano de 1899, em Amsterdam na Holanda, para trabalhar com
os operários, de acordo com Estevão (1985).
5
O SURGIMENTO SERVIÇO SOCIAL NA AMÉRICA LATINA
Não existe um consenso quanto ao marco inicial de surgimento do
serviço social na América Latina. Ander Egg, sinaliza o ano de 1925 como
marco inicial pelo fato de esse ter sido o ano de criação da primeira escola
especializada em Serviço Social em um país latino-americano. 
Barriex, no mesmo sentido, aponta que em 1925 foi criada a Escola de
Serviço Social em Santiago no Chile, e essa foi fundada pelo médico
Alejandro Del Rio. A fundação da escola por um médico determina uma das
principais características da profissão de Serviço Social em seus primórdios
que diz respeito a sua subordinação à profissão médica, aparecendo assim
como uma sub-profissão. 
Destaca-se também que em 1929 foi criada a segunda escola de
serviço social, que foi a Escola Elvira Matte de Cruchaga, sendo seu criador
Miguel Cruchaga Tocornal. Essa escola atendia aos interesses da Igreja
Católica. A escola visava à formação de visitadoras que, essas além de
cuidar do aspecto material dos assistidos também tratassem de suas almas.
Para a escola, essas primeiras iniciativas do que posteriormente seria o
Serviço Social, era compreendido mais do que uma simples profissão, era
antes uma vocação.
Por muito tempo, acreditou-se, no entanto, que o desenvolvimento do
Serviço Social na América Latina constituiu um simples
Rafaely
Rafaely fez um comentário
92994606550
0 aprovações
Rafaely
Rafaely fez um comentário
maria entra em cntato cmg por favor .]
0 aprovações
Carregar mais