A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
71 pág.
Ensino Clínico Adulto e Idoso 290 Questões de av1, av2 e av3

Pré-visualização | Página 1 de 27

ENSINO CLÍNICO EM SAÚDE DO ADULTO E IDOSO 
290 QUESTÕES DE AV1, AV2, AV3 E AVS 
 
1a Questão (Ref.: 201506558435) Pontos: 0,1 / 0,1 
A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) é uma doença progressiva e debilitante que acomete os 
pulmões, em qual dessa doença que os alvéolos pulmonares tornam-se disformes e os pulmões perdem suas 
elasticidades 
 
 
PNEUMONIA 
 
BRONQUIECTASIA 
 ENFISEMA 
 
BRONQUITE 
 
ASMA 
 
 
2a Questão (Ref.: 201506558290) Pontos: 0,1 / 0,1 
Analise a definição apresentada para os conceitos que se seguem abaixo. I- Gerontologia corresponde ao estudo 
dos fenômenos biológicos, psicológicos e sociais associados ao processo de envelhecimento. II- Geriatria 
corresponde ao estudo da velhice, inclui a fisiologia, patologia, diagnóstico e tratamento das doenças dos 
idosos, e a partir de uma condição mais abrangente a interpretação dos fenômenos de adaptação social do 
processo de envelhecer III- A senilidade está relacionada ao processo de envelhecimento, associado a causas 
patológicas, sendo, portanto, o maior objeto de investigação da geriatria IV- A senescência representa uma 
etapa do ciclo vital que pode ser compreendida como o estudo do processo biológico do envelhecimento normal, 
a partir do envelhecimento celular. Assinale a alternativa CORRETA: 
 
 
Apenas as afirmativas I e III estão corretas 
 
As afirmativas III e IV estão corretas 
 As afirmativas I, III e IV estão corretas 
 
Todas as alternativas estão erradas 
 
Apenas as afirmativas I e IV estão corretas 
 
3a Questão (Ref.: 201506558243) Pontos: 0,1 / 0,1 
GERIATRIA É DEFINIDA COMO? 
 
 
CIÊNCIA QUE ESTUDA O ENVELHECIMENTO PATOLÓGICO. 
 
CIÊNCIA QUE ESTUDA O ENVELHECIMENTO FISIOLÓGICO. 
 RAMO DA MEDICINA QUE SE DEDICA AO IDOSO, OCUPANDO-SE NÃO SOMENTE DA PREVENÇÃO, DO 
DIAGNÓSTICO E DO TRATAMENTO DAS SUAS DOENÇAS AGUDAS E CRÔNICAS, MAS TAMBÉM DA SUA 
RECUPERAÇÃO FUNCIONAL E REINSERÇÃO NA SOCIEDADE. 
 
RAMO DA MEDICINA QUE SE DEDICA AO IDOSO, OCUPANDO-SE NÃO SOMENTE DO TRATAMENTO DAS 
SUAS DOENÇAS AGUDAS E CRÔNICAS, MAS TAMBÉM DA SUA RECUPERAÇÃO FUNCIONAL E 
REINSERÇÃO NA SOCIEDADE. 
 
RAMO DA MEDICINA QUE SE DEDICA AO IDOSO, OCUPANDO-SE NÃO SOMENTE DO DIAGNÓSTICO DE 
DOENÇAS AGUDAS E CRÔNICAS, MAS TAMBÉM DA SUA RECUPERAÇÃO FUNCIONAL E REINSERÇÃO NA 
SOCIEDADE. 
 
4a Questão (Ref.: 201506558022) Pontos: 0,1 / 0,1 
A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) é um estado patológico do sistema respiratório caracterizado 
 
pela limitação do fluxo de ar. Analise as assertivas e assinale a alternativa que aponta as corretas: I -A terapia 
com oxigênio não é recomendada, pois este gás é altamente tóxico a portadores de DPOC. II -O fumo do cigarro 
é um fator de risco para DPOC, portanto uma medida preventiva é a cessação da utilização do tabaco. III -A 
utilização de broncodilatadores, a hidratação oral ou venosa, a posição de Fowler e avaliação do nível de 
consciência são importantes cuidados frente a um pacte com DPOC. IV -Além de um programa de reabilitação 
pulmonar, o enfermeiro ajuda o paciente a controlar o autocuidado ao enfatizar a importância do 
reconhecimento precoce dos sinais de agudização como por exemplo a diminuição da frequência respiratória de 
estabelecer metas realistas, 
 
 
Apenas a afirmativa III. 
 
Apenas as afirmativas I e IV. 
 
Apenas as afirmativas I e II 
 Apenas as afirmativas II e III. 
 
Todas as afirmativas estão corretas. 
 
5a Questão (Ref.: 201506557965) Pontos: 0,1 / 0,1 
Marque (V) para verdadeiro e (F) para falso, as afirmativas sobre problemas respiratórios: 
 
 A ação ciliar no envelhecimento diminui contribuindo para a dificuldade em eliminar secreções traqueais; 
 As paredes alveolares não sofrem alterações no envelhecimento, sendo mantidas então na superfície de 
troca; 
 Bronquiectasia é a constricção anormal dos brônquios e bronquíolos; 
 O DPOC é silencioso nos estágios iniciais sendo a dispnéia atribuída a falta de condicionamento físico; 
 No cuidado com pacientes com pneumonia é necessário planejar atividades para alternar com o repouso. 
 
6a Questão (Ref.: 201506558465) Pontos: 0,1 / 0,1 
A anemia é um distúrbio resultante da redução da quantidade normal das células vermelhas do sangue 
(hemácias) e da concentração de hemoglobina. São ações de enfermagem junto à pessoa anêmica, EXCETO: 
 
 
Elevar a cabeceira do leito em caso de dispneia. 
 Orientar o aumento das atividades físicas, independente da ocorrência de alterações como taquicardia e 
aumento do débito cardíaco, uma vez que exercícios auxiliariam na recuperação plena do usuário. 
 
Observar e relatar sinais e sintomas de retenção hídrica (edema periférico, distensão das veias do 
pescoço, cansaço aos esforços e queda da pressão arterial). 
 
Administrar oxigenoterapia quando necessário. 
 
Monitorizar os sinais vitais 
 
7a Questão (Ref.: 201506558429) Pontos: 0,1 / 0,1 
Sobre a hemocromatose genética, é correto afirmar: 
 
 
Representa uma importante condição associada ao desenvolvimento de cirrose, insuficiência hepática e 
hepatocarcinoma. Definida clínico-histologicamente pela presença no fígado de esteatose com ou sem 
infiltrado inflamatório lobular, em indivíduos com consumo de álcool 
 
É doença autossômica recessiva, rara, que decorre de mutação no gene HFE responsável pelo cobre, 
resultando em níveis sistêmicos elevados do metal por absorção intestinal . 
 
É doença crônica autossômica recessiva, rara, que acontece por uma mutação no gene que codifica a 
proteína ATP7B, responsável pelo transporte intracelular do cobre, resultando em acúmulo do metal 
principalmente no fígado e cérebro. O excesso de cobre no fígado é tóxico e provoca lesão hepatocelular, 
fibrose e cirrose. 
 
As obstruções da saída do fluxo sanguíneo hepático comprometendo vênulas terminais, veias hepáticas, 
veia cava inferior (VCI) e/ou átrio direito podem levar a congestão sinusoidal, necrose centrolobular e 
fibrose. 
 Predomina em homens acima de 40 anos, é doença autossômica recessiva, rara, que decorre de mutação 
no gene HFE responsável pela homeostase do ferro resultando em lesões e cirrose. 
 
8a Questão (Ref.: 201506558257) Pontos: 0,0 / 0,1 
(CESPE 2013 SESA ES ENFERMEIRO adaptada por Talline Hang-Costa) Carlos, enfermeiro da clínica 
cardiológica acaba de admitir no setor o Senhor C.V.S, de 65 anos, casado, três filhos, empresário, morador do 
bairro Ponta Verde. Ao avaliar o paciente, o enfermeiro Carlos o encontra: consciente, orientado no tempo e 
 
espaço, contato verbal preservado, repousando no leito em ângulo de 45 graus, ansioso. Aos sinais vitais: 
normotenso (135X95mmhg), taquicárdico (P radial = 110bpm irregulares) à ausculta cardíaca, em foco mitral, 
+BNF/RCR: 2T sem sopro, à ausculta pulmonar: MV+ sem ruídos adventícios, toráx simétrico sem impulso 
apical visível, Eupneico (Fr = 18irpm) e afebril (T axilar 36,5°C). Pele pálida, diaforese presente (4+/4+), refere 
sentir tontura repentina, dor que irradia para MMII e ¿formigamento¿ do MSD. Diante desses achados, o 
enfermeiro Carlos deve associar que o paciente está com possível quadro de 
(1)__________________________e um provável diagnóstico de enfermagem para este caso seria (2) 
______________________________. 
Diante do exposto, assinale a alternativa que indica a CORRETA indicação para os números 1 e 2. 
 
 1 - Isquemia cardíaca; 2 - Perfusão tissular periférica aumentada. 
 
1 - Arritmia cardíaca; 2 - Risco de débito cardíaco diminuído. 
 
1 - Insuficiência cardíaca; 2 - Perfusão dos tecidos periféricos diminuída. 
 
1 - Insuficiência cardíaca; 2 - Risco de perfusão tissular periférica ineficaz. 
 1 - Isquemia cardíaca; 2 - Risco de débito cardíaco diminuído. 
 
9a Questão (Ref.: 201506558026) Pontos: 0,1

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.