Psicologia da Motivação e Emoção
4 pág.

Psicologia da Motivação e Emoção


DisciplinaPsicologia da Motivacao 17 materiais74 seguidores
Pré-visualização1 página
Título Estudo dos Transtornos Alimentares
Psicologia da Motivação e Emoção-SDE 0154
Professora: Cleunice Coutinho
Aluna: Marcia Lima Brito
Matricula: 2016080652-43
Transtornos alimentares são comportamentos alimentares que geram grande prejuízo à saúde de um indivíduo. Sendo notável o aumento de peso corpóreo ou diminuição acelerada do peso, sem que o indivíduo tenha controle. Como exemplos extremos temos a obesidade, anorexia e a bulimia.
A maior parte das vítimas destes transtornos alimentares está localizada entre os jovens, em sua maioria, mulheres, sendo o público masculino apenas 20% da população que sofre de transtornos alimentares. Transtornos alimentares são comportamentos alimentares que geram grande prejuízo à saúde de um indivíduo.
Principais desencadeadores de um T.A.?
Nossa rotina tende a nos direcionar para o que é mais fácil e prático, por este motivo a alimentação saudável muitas vezes é deixada de lado por \u201cfalta de tempo\u201d. Junto à ausência de hábitos saudáveis temos os fatores biológicos e socioculturais, e ainda com grande peso, os problemas emocionais como: perdas, rompimentos, rejeições, estresse, ansiedade, preocupações, etc.
Contribuição da Psicologia?
A Psicoterapia tem mostrado bons resultados ao trabalhar o comportamento alimentar, modificando os padrões de comportamento por meio de auto monitoramento de pensamentos automáticos, possibilitando o aumento da autoestima, permitindo resultados que motivam a perseverança no tratamento, além de fornecer apoio emocional, permitindo ao indivíduo melhor condições de conviver no meio social. A Terapia ainda pode ser estendida aos familiares, por meio de orientação em procedimentos que auxiliem a melhora do cliente que sofre de transtorno alimentar.
Sobretudo, é necessário tanto ao indivíduo quanto aos que convivem com ele, entender que um transtorno alimentar precisa ser tratado. Durante o tratamento, é preciso ter calma, persistência, disciplina e a prática de atividades físicas, lembrando sempre que: \u201cPARA UM CORPO SAUDÁVEL É PRECISO UMA MENTE SAUDÁVEL\u201d.
Principais distúrbios alimentares:
Anorexia nervosa caracteriza-se por uma obsessão pela perda de peso, dietas extremamente rígidas e por uma distorção da própria imagem. Descrita, inicialmente, por Morton, em 1694(4), como consumpção nervosa, a anorexia nervosa afeta, principalmente, jovens adolescentes, do sexo feminino, que voluntariamente reduzem a ingestão alimentar por um medo mórbido de engordar, com perda progressiva e desejada de peso, chegando a graus extremos de caquexia, inanição e até à morte. 
Bulimia nervosa caracteriza-se pela ingestão de alimentos com sensação de perda de controle, os chamados episódios bulímicos. A preocupação excessiva com o peso e a imagem corporal levam o paciente a métodos compensatórios inadequados para o controle de peso como vômitos auto-induzidos, uso de medicamentos (diuréticos, inibidores de apetite, laxantes), dietas e exercícios físicos. 
Compulsão alimentar ou TCAP \u2013 Transtorno da Compulsão Alimentar Periódica é um transtorno alimentar caracterizado por episódios recorrentes de compulsão, onde são ingeridas grandes quantidades de alimentos (na maioria das vezes a pessoa come muito rapidamente e só \u201cpara\u201d quando sente desconforto), acompanhada de um sentimento de total perda de controle. A pessoa que sofre de compulsão alimentar experimenta vergonha, angústia ou culpa depois do episódio de compulsão.
Hipergrafia de acordo com a OMS (Organização Nacional de Saúde), hipergafia consiste em uma espécie de transtorno mental que precisa de tratamento psicológico urgente, principalmente ao considerar os danos que a obesidade repentina causa à saúde. Está relacionada a outros problemas psicológicos como bulimia, crise do pânico, entre outros.
Ortorexia o nome e a doença ainda não são reconhecidos oficialmente, mas se assemelham aos demais transtornos. Sabe aquelas pessoas que refletem bastante antes de escolher a refeição a ser feita, leem incansavelmente os rótulos dos alimentos e muitas vezes deixam de se alimentar devido às poucas opções de alimentos saudáveis? É exatamente a essas pessoas que o termo ortorexia se destina, nada mais é que a obsessão de comer apenas os alimentos permitidos em uma dieta recomendada e jamais se permitir exceções.
Alotriofagia também chamado de A Síndrome de Pica, uma rara condição que é define pela necessidade de ingerir substâncias que não são nutritivas, como por exemplo: carvão, terra, tecidos, etc. Esse transtorno ocorre quando a condição persiste por mais de um mês e, desde que, a pessoa esteja com idade avançada, ou seja, mentalmente capaz de diferenciar aquilo que é comível daquilo que não é.
Transtorno de Compulsão Alimentar Periódica é um transtorno psiquiátrico que acaba por desencadear muitas patologias orgânicas como dislepidemias, obesidade, hipertensão, diabetes entre outras.
NO TCPA a  atitude caracterizada por episódios de comer grandes quantidades de comida em intervalos curtos de tempo, sensação de perda de controle sobre o ato de comer e, em seguida, arrependimento de ter comido.
A vigorexia é um transtorno de ansiedade que faz com que a pessoa enxergue seu corpo muito menor do que na verdade ele é ou está. Ela também é conhecida como complexo de Adônis, ou pelo termo científico Transtorno Dismórfico Muscular (TDM).
Bibliografia:
http://integracaoestacio.webaula.com.br/Cursos/Trabalhos/SDE0154/AA_SDE01541.pdf
http://revista.fmrp.usp.br/1998/vol31n1/disturbios_conduta_alimentar.pdf
https://www.news-medical.net/health/What-is-an-Eating-Disorder-(Portuguese).aspx
http://www.disturbiosalimentares.com/
http://www.mundoboaforma.com.br/vigorexia-o-que-e-causas-sinstomas-e-tratamento/
http://www.mundoboaforma.com.br/ortorexia-o-que-e-causas-sintomas-e-tratamento-deste-transtorno-alimentar/
http://www.mundoboaforma.com.br/hipergafia-o-que-e-causas-sintomas-e-tratamento/