A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
Aula sobre microscopia

Pré-visualização | Página 1 de 1

*
*
MICROSCOPIA 
*
*
Robert Hooke  Primeiro (em 1665) a observar células. Para tal valeu-se de um rudimentar microscópio, idealizado anos antes por um outro estudioso, Anthony Van Leeuwenhoeck.
Hooke observou cortes finos de cortiça
 aspecto similar a pequenos favos de mel empilhados. 
A cada um destes favos Hooke atribuiu a designação de cellulae (células).
Histórico 
*
*
Cerca de dez anos mais tarde o próprio Leeuwenhoeck observou pequenos seres vivos, que designou por “protozoários”, aos quais mais tarde foi dada a designação de bactérias.
Histórico 
*
*
*
*
OPERAÇÃO (PRÁTICA LABORATORIAL)
 OBEDECER TODAS AS NORMAS DE BIOSEGURANÇA (EPI/EPC).
LAVAR AS MÃOS NA ENTRADA E NA SAÍDA APÓS A PRATICA.
É OBRIGATÓRIO QUE VOCÊ CONHEÇA AS PARTES ÓPTICAS E MECÂNICAS DOS MICROSCÓPICOS ANTES DE USÁ-LO.
 NÃO MANUSEAR O APARELHO COM AS MÃOS SUJAS OU MOLHADAS
NUNCA DESLOQUE O APARELHO COM A LÂMPADA ACESA.
 NA REMOÇÃO DO EQUIPAMENTO, SEGURE-O FIRMEMENTE COM UMA DAS MÃOS NO BRAÇO E A OUTRA NA BASE.
É PROIBIDO O USO DE CÂMARAS FOTOGRÁFICAS DURANTE A EXPOSIÇÃO DA AULA PRÁTICA.
*
*
 INICIE SEMPRE PELA OBJETIVA DE MENOR AUMENTO.
 NA OBSERVAÇÃO DE UMA PREPARAÇÃO, OLHE PELA OCULAR E MOVA O MACROMÉTRICO MUITO LENTAMENTE, ASSIM QUE A IMAGEM APARECER, MESMO CONFUSA, PARE E COMPLETE A FOCALIZAÇÃO COM O MICROMÉTRICO.
 O USO DA OBJETIVA DE IMERSÃO É MAIS DELICADA POIS, A DISTÂNCIA FOCAL ENTRE A FACE DA OBJETIVA E A PARTE SUPERIOR DA LAMÍNULA, DIMINUI QUANDO A AMPLIAÇÃO É AUMENTADA.
*
*
O MICROSCÓPIO ÓPTICO
O MICROSCÓPIO ÓPTICO
 Serve para ampliar um objecto.
 Funciona com um conjunto de lentes (ocular e objectiva) que ampliam a imagem.
 A Iluminação é natural ou artificial.
 É constituído por uma parte mecânica que suporta e permite controlar uma parte óptica que amplia as imagens.
 MICROSCÓPIO - CONSTITUIÇÃO
Ocular
Canhão
Revólver
Objectivas
Braço
Platina
Fonte luminosa
Diafragma
Pé ou base
Parafuso macromético
Parafuso micromético
Pinças
Condensador
*
*
REVÓLVER
PARAFUSO MACROMÉTRICO
PARAFUSO MICROMÉTRICO
CONDENSADOR
OBJETIVAS
OCULARES
BRAÇO OU 
SUPORTE
PLATINA
BASE
LÂMPADA
*
Profª Monara Bittencourt de Amorim
Farmacêutica-Bioquímica
Oculares
Ampliam a imagem fornecida pelo sistema de objectivas.
Canhão ou tubo
Serve de suporte ao sistema ocular
Braço
Serve de suporte à platina e ao revólver. 
Revólver
Serve de suporte às objectivas e permite a sua mudança.
Objectivas
Amplia a imagem do objecto que está a ser observado. 
Platina
Serve de suporte à preparação a observar. Tem uma abertura na pane central (janela da platina). 
Condensador
Distribui regularmente no campo da preparação a luz que atravessa o diafragma 
Diafragma
Regula a intensidade da luz captada pelo espelho e que incide na preparação. 
Fonte de Luz
Parafusos Macrométrico e Micrométrico
Permite movimentos (de maior ou menor amplitude) de aproximação ou afastamento entre a preparação e as objectivas. 
Base ou pé
Constitui a base de suporte de todos os elementos do microscópio. 
Transportá-lo com ambas as mãos, apoiando a base numa delas e segurando o braço com a outra.
Ao colocá-lo sobre a mesa, mantê-lo a alguma distância do bordo.
Evitar molhá-lo ao usar preparações temporárias.
As lentes são peças muito caras. Para as limpar, deve usar a flanela que normalmente acompanha o aparelho.
Após a utilização, encaixar a objectiva de menor ampliação alinhada com a ocular.
Cuidados a ter com o Microscópio
CARACTERÍSTICAS DA IMAGEM
Antes
Depois
Ampliada
Simétrica
Invertida
Virtual
OBSERVAÇÕES AO M.O.C.
Raiz de um cabelo
*
*
PODER DE RESOLUÇÃO X LIMITE DE RESOLUÇÃO
 O PODER DE RESOLUÇÃO DE UM SISTEMA ÓPTICO É A SUA CAPACIDADE DE SEPARAR DETALHES. 
 É EXPRESSO PELO LIMITE DE RESOLUÇÃO.
 É A MENOR DISTÂNCIA QUE DEVE EXISTIR ENTRE DOIS PONTOS PARA QUE ELES APAREÇAM INDIVIDUALIZADOS.
PODER DE RESOLUÇÃO
LIMITE DE RESOLUÇÃO
*
*
Profª Monara Bittencourt de Amorim
Farmacêutica-Bioquímica
*
*
EXEMPLO DE LIMITE DE RESOLUÇÃO:
 É A MENOR DISTÂNCIA QUE DEVE EXISTIR ENTRE DOIS PONTOS PARA QUE ELES APAREÇAM INDIVIDUALIZADOS.
HEMÁCIAS
*
*
MICROSCOPIA ÓPTICA EM LÂMINA DE TECIDO SANGUÍNEO
HEMÁCIAS
MICROSCOPIA ELETRÔNICA (ME) DE BACTÉRIAS COMENSAIS
EOSINÓFILOS
LEUCÓCITO
LINFÓCITO
DIFERENÇAS DE IMAGENS ENTRE UM MICROSCÓPIO ÓPTICO (MO) E UM MICROSCÓPIO ELETRÔNICO (ME)
*
PLAQUETAS
*
*
*
DETERMINE QUAL O TIPO DE MICROSCÓPIO QUE SE UTILIZOU NA OBSERVAÇÃO DESSAS IMAGENS
*
*
PRINCIPAIS UNIDADES DE MEDIDAS USADAS NA MICROSCOPIA
 ESTA UNIDADE ESTÁ SENDO SUBSTITUÍDA PELO NANÔMETRO
MICRÔMETRO (µm) 
NANÔMERO (nm)
 1mm = 1.000 μm
1μm = 1.000 nm
1nm = 10 Å
ÂNGSTROM (Å)
*
*
ESPECIFICAÇÕES DAS OBJETIVAS E SUAS AMPLIAÇÕES
*
*
COLORAÇÃO
*
*
 SÃO OS COMPONENTES DOS TECIDOS QUE SE CORAM FACILMENTE COM CORANTES ÁCIDOS (Ex:EOSINA)
EX: ESTRUTURAS BÁSICAS (ORGANELAS CITOPLASMÁTICAS)
A MAIORIA DOS CORANTES COMPORTA-SE COMO ÁCIDOS OU BASES
 SÃO OS COMPONENTES DOS TECIDOS QUE SE CORAM FACILMENTE COM CORANTES BÁSICOS (Hematoxilina)
EX: ESTRUTURAS ÁCIDAS (NÚCLEOS)
ESTRUTURAS BASOFÍLICAS: 
ESTRUTURAS ACIDÓFILAS: 
*
*
TÉCNICAS DE COLORAÇÃO MAIS USUAIS, TÉCNICA DE IMPREGNAÇÃO PELA PRATA E ALGUNS DOS RESULTADOS OBTIDOS COM ELAS:
*
*
 OS MICROSCÓPIOS MODERNOS UTILIZAM LASERS COMPLEXOS, DETECTORES EXTREMAMENTE SENSÍVEIS, OBJETIVAS PODEROSAS.
PERMITEM FILMAR DIVISÃO CELULAR, O TRÁFICO DE MOLÉCULAS DENTRO DAS CÉLULAS, PERMITEM OBSERVAR CERTAS PROTEÍNAS NO CÉREBRO DE ANIMAIS VIVOS ETC.
*
*
EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO
1.Defina microscópio, suas principais estruturas ópticas e mecânicas, observando os cuidados a serem utilizados no manuseio deste aparelho.
2.Diferencie Poder de Resolução de Limite de Resolução.
3.Quais as características para cada parte do Microscópio óptico ?
4.Quais os cuidados a serem observados antes de manusear o aparelho?
5. Quais os dois principais corantes da Técnica de coloração por HE?
6.Quais os cuidados individuais que se deve ter ao uso dos laboratórios?
7.Defina Equipamento de Proteção Individual (EPI).
8.Qual a importância dos Equipamento de Proteção Coletiva (EPC)?
9.Cite 5 condutas inapropriadas dentro de um laboratório.
10.Quais as vacinas que devem ser tomadas antes de se adentrar dentro de um laboratório com riscos biológicos?
11. O que são riscos e quais os principais relacionados com a área da saúde?
12. Qual a única objetiva que só deve ser usada com óleo de imersão?
*
*
REFERÊNCIAS
enfta1n.xpg.uol.com.br/download/micro.ppt/ProfMonaraBittencourtdeAmorim/Farmacêutica-Bioquímica
https://pt.slideshare.net/hamiltonnobrega7/aula-02-microscopio-de-luz-e-tcnicas-de-observao-e-colorao.
*
*
*
*
*
*
*
*