artigo ana
114 pág.

artigo ana


DisciplinaPsicologia Psicodinâmica120 materiais4.103 seguidores
Pré-visualização19 páginas
Bianca Mocci Passaro 
Clecia Bastos Gerardi 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Como eu vivo é a maior homenagem para 
meu filho... 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Universidade São Marcos 
São Paulo, 2006 
 
 
 
 
2
Bianca Mocci Passaro 
Clecia Bastos Gerardi 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 Como eu vivo é a maior homenagem 
para meu filho... 
 
 
 
 
 
TCC- Trabalho de Conclusão de 
Curso apresentado ao curso de 
Psicologia da Universidade São 
Marcos sob orientação da Profª 
Drª Silvia Ancona - Lopez. 
 
 
 
 
 
Universidade São Marcos 
São Paulo, 2006 
 
 
 
3
Como eu vivo é a maior homenagem 
para meu filho... 
 
 
Bianca Mocci Passaro 
Clecia Bastos Gerardi 
 
 
 BANCA EXAMINADORA 
 
 
 
___________________________ 
Profª. Ivana Moraes de Alencar 
 
 
 
____________________ 
Profª. Drª Gabriela Casellato 
 
 
 
 
_______________________________ 
Profª. Drª Silvia Ancona - Lopez 
 
 
 
 
Trabalho apresentado e aprovado em: _04_/_12_/2006 
 
 
4
AGRADECIMENTOS 
 
 
A colaboradora desta pesquisa, pela sua disponibil idade e carinho em 
relatar sua experiência, permitindo que parti lhássemos de seus 
conteúdos mais íntimos, para que, de maneira ética, pudéssemos 
elaborar nosso trabalho. 
 
A nossa querida orientadora Silvia Ancona - Lopez que nos guiou nessa 
trajetória, apontando-nos sempre com precisão, cuidado e 
compreensão a uma direção a seguir. 
 
A Professora Ivana Moraes de Alencar, grande responsável por ter 
plantado o interesse e a possibil idade de levarmos à frente nosso tema. 
 
A nossa querida amiga Daniela Tramujas, por ter proporcionado o 
contato com a nossa colaboradora. 
 
Aos nossos f iéis companheiros e famil iares, que conviveram 
diariamente com as conseqüências deste trabalho. Para vocês o nosso 
profundo agradecimento. 
 
A todos os nossos amigos, que de maneira distante ou próxima, sempre 
estiveram ao nosso lado quando foi preciso. 
 
 
Bianca M. Passaro 
 e 
Clecia B. Gerardi 
 
 
 
 
 
5
 
DEDICATÓRIA - 1 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Dedico este trabalho a meus pais que sempre me apoiaram e 
acima de tudo acredi taram e embarcaram neste meu sonho. A 
vocês dois, o meu profundo e eterno agradecimento. Ao meu 
namorado Fernando Azevedo, companheiro leal , que por meio 
da sua paciência e compreensão, me ajudou a real izar esta 
obra com prazer e segurança. Agradeço em especial a minha 
amiga e parceira, por ser uma mulher de mente br i lhante e 
cr iat iva, que sempre me convidou a correr r iscos e ousar, 
d iante das dúvidas e incerteza, encontradas em nosso 
caminho. 
 
In Memória: À minha avó Aida, que ao perder seu f i lho me 
inspirou, através do nosso eterno laço de afeto. \u201cVó, a 
saudade é grande, mas o amor é para sempre\u201d. Ao meu 
quer ido amigo Renato de Cicco Porto, um muito obr igado, por 
ter me ensinado a viver, apesar das barreiras e da sociedade. 
 
 Bianca M. Passaro 
 
 
 
 
 
 
6
 
DEDICATÓRIA - 2 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 Dedico este trabalho ao amigo, companheiro e amado marido 
Alessandro Gerardi , por sempre estar ao meu lado. Obrigado 
pelo car inho, pela compreensão e pr inc ipalmente pela 
cumpl ic idade. Aos meus quer idos e amados f i lhos, L ino e 
Alessandro, pessoinhas que me inspiram a v iver . Aos meus 
adorados pais, pessoas que sempre acreditaram e apoiaram 
meus sonhos, por mais d i f íceis que parecessem. E, em 
especial , agradeço a minha quer ida amiga e parceira deste 
t rabalho. Pessoa maravi lhosa. Obr igada pela amizade 
incondicional e por ter apostado neste trabalho. 
 
 Clecia B. Gerardi 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
7
 
 
\u201cCada um que passa em nossa vida, passa sozinho, pois cada 
pessoa é única e nenhuma substitui a outra. Cada um que 
passa em nossa vida, passa sozinho, mas não vai só, nem nos 
deixa sós; leva um pouco de nós mesmos, deixa um pouco de si 
mesmo. Há os que levam muito, mas não há os que levam 
nada; há os que deixam muito, mas não há os que deixam 
nada. Essa é a maior responsabilidade de nossas vidas e a 
prova evidente que duas almas não se encontram por acaso\u201d. 
 
Antoine de Saint-Exupéry 
 
 
8
GERARDI, C. B. PASSARO, B. M., Como eu vivo é a maior 
homenagem para meu filho . Trabalho de Conclusão de Curso de 
Psicologia da Universidade São Marcos, 2006. p 114. 
 
RESUMO 
 
O objetivo deste trabalho é compreender a vivência de uma mãe 
que perdeu seu fi lho, juntamente com sentimentos e signif icados dessa 
experiência. O interesse por este tema partiu da dif iculdade que 
observamos das pessoas ao falarem da morte, principalmente quando 
se trata de entes queridos. Para conhecermos essa vivência, uti l izamos 
abordagem qualitativa, e como instrumento uma entrevista semi-
dirigida, sendo uma única mãe entrevistada, relatando a experiência de 
perder seu único f i lho. Uti l izamos uma perspectiva fenomenológica, 
seguindo as etapas de investigação apresentadas por Yolanda C. 
Forghieri, tendo como base, envolvimento existencial e distanciamento 
reflexivo, a f im de uma possível compreensão de signif icados. Por meio 
da fala dessa mãe procuramos subsídios para uma melhor 
compreensão daquilo que ela vivenciou ao perder seu fi lho. Na busca 
de um referencial teórico que embasasse nosso trabalho nos 
deparamos com alguns autores, que nos auxil iaram para uma melhor 
compreensão do tema e análise dos dados. Entendemos que para essa 
mãe a vida ganhou um novo sentido, ela vive por amor ao seu fi lho, e, 
esse amor trouxe a necessidade de comparti lhar a sua experiência com 
outras mães, levando-a a escrever um livro. Ela encontrou na religião 
apoio para aliviar seu medo e sua dor. Sentiu o despreparo da 
sociedade em lidar com a perda e também a dif iculdade em encontrar 
mais profissionais que l idem com esta questão. 
 
Palavras Chave: Morte de um fi lho, Perda, Luto. 
 
 
 
 
9
SUMÁRIO 
 
RESUMO 
 
INTRODUÇÃO 10 
 
Capítulo I 
 CAMINHO DA PESQUISA 17 
 Objetivo 17 
 1.1. \u2013 Caminhos 17 
 1.2. \u2013 Colaboradora 20 
 1.3. \u2013 Entrevista 20 
 1.4. \u2013 Trabalhando com o Depoimento 21 
 
Capítulo II 
MEDO DO DESCONHECIDO 25 
 
Capítulo III 
 POR QUE COMIGO? 30 
 
Capítulo IV 
 RITUAL: UMA DOR NECESSÁRIA 37 
 
Capítulo V 
 LUTO: PROCESSO DE ELABORAÇÃO 42 
 5.1. \u2013 Luto não complicado 45 
 5.2. \u2013 Luto complicado 48 
 5.3. \u2013 O quê acontece após o luto? 49 
 
Capítulo VI 
 ANÁLISE DA ENTREVISTA 52 
 6.1. \u2013 Encontro 52