novos caminhos para profissionais da educacao
160 pág.

novos caminhos para profissionais da educacao


DisciplinaNovos Caminhos para Profissionais da Educação326 materiais1.467 seguidores
Pré-visualização50 páginas
Novos caminhos para profissionais da educação
R
odrigo V
inícius Sartori
Código Logístico
57140
Fundação Biblioteca Nacional
ISBN 978-85-387-6351-2
9 788538 763512
Novos caminhos 
para profissionais da 
educação
IESDE BRASIL S/A
2018
Rodrigo Vinícius Sartori
Todos os direitos reservados.
IESDE BRASIL S/A. 
Al. Dr. Carlos de Carvalho, 1.482. CEP: 80730-200 
Batel \u2013 Curitiba \u2013 PR 
0800 708 88 88 \u2013 www.iesde.com.br
CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO NA PUBLICAÇÃO 
SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ
S26n Sartori, Rodrigo Vinícius
Novos caminhos para profissionais da educação / Rodrigo 
Vinícius Sartori. - 1. ed. - Curitiba [PR] : IESDE Brasil, 2018. 
156 p. : il. ; 21 cm.
Inclui bibliografia
ISBN 978-85-387-6351-2
1. Professores - Formação. 2. Prática do ensino. I. Título.
18-49863
CDD: 370.71
CDU: 37.02
© 2018 \u2013 IESDE BRASIL S/A. 
É proibida a reprodução, mesmo parcial, por qualquer processo, sem autorização por escrito do autor e do detentor dos 
direitos autorais.
Projeto de capa: IESDE BRASIL S/A. Imagem da capa: Minerva Studio/ Adam Radosavljevic Shutterstock
 Wavebreakmedia/djiledesign/monkeybusinessimages/iStockphoto
Rodrigo Vinícius Sartori
Doutorando em Administração na Universidade Positivo (UP). Mestre em Engenharia da 
Produção, especialista em Gestão do Conhecimento nas Organizações e engenheiro industrial elé-
trico pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Professor, pesquisador e con-
sultor sênior de gestão nas áreas de Qualidade e Inovação, com vivência internacional (EUA e 
Espanha). Desenvolve trabalhos acadêmicos e empresariais em todo o Brasil.
Sumário
Apresentação\u20027
1 Ser professor no século XXI\u20029
1.1 Os desafios do mundo contemporâneo\u20029
1.2 Ser professor na atualidade\u200212
1.3 Múltiplas competências para o novo educador\u200215
2 Repensando a formação docente\u200221
2.1 A formação continuada\u200221
2.2 O pesquisador autodidata\u200225
2.3 O professor aluno\u200229
3 Novas possibilidades de atuação docente\u200235
3.1 Planejando a carreira\u200235
3.2 O professor empreendedor\u200239
3.3 Marketing pessoal e network\u200245
4 Novas possibilidades de atuação docente\u200251
4.1 A nova comunicação professor-aluno\u200251
4.2 A internet na sala de aula\u200255
4.3 Tecnologia como recurso didático\u200258
5 Novidades tecnológicas na sala de aula\u200265
5.1 EaD e Mooc\u200265
5.2 Realidade virtual\u200269
5.3 Realidade aumentada\u200273
6 Inovações na educação\u200279
6.1 Jogos educacionais\u200279
6.2 Aula invertida e ensino híbrido\u200284
6.3 Convivência com dispositivos móveis\u200287
7 Novas competências comportamentais\u200293
7.1 Liderança\u200293
7.2 Relacionamento interpessoal\u200297
7.3 Motivação\u2002101
8 Noções de gestão para o professor\u2002107
8.1 Qualidade e produtividade\u2002107
8.2 Gestão de projetos\u2002111
8.3 Gestão de conflitos\u2002114
9 Tópicos especiais para o professor\u2002121
9.1 A carreira internacional do professor\u2002121
9.2 O papel do professor nos ecossistemas de inovação\u2002126
9.3 O professor como agente político\u2002129
10 A excelência docente\u2002135
10.1 Leitura crítica\u2002135
10.2 Maestria na escrita\u2002140
10.3 Domínio da oratória\u2002142
Gabarito\u2002149
7
Apresentação
Há algo em comum entre professores experientes e novatos, concursados com carreira es-
tável em instituições públicas e ocasionais prestadores de serviço em instituições privadas, líderes 
acadêmicos e empreendedores educacionais: neste momento histórico vivenciado, de início do 
século XXI, todos, em absoluto, são demandados a serem menos especialistas e mais generalistas. 
O cenário atual impõe cada vez mais funções agregadas ao papel de professor, que vê sua profissão 
passar por uma rápida e firme transformação.
Diante dessa turbulência no campo profissional, abrem-se, ao mesmo tempo, diversas novas 
possibilidades de atuação do educador na sociedade atual, tema que é exaustivamente debatido 
neste livro. Novos caminhos esses que têm potencial de resultar em grande sucesso profissional, se 
bem aproveitados - o primeiro passo, naturalmente, é compreender o que ocorre com o mundo e 
com o trabalho do professor.
É nesse sentido que o Capítulo 1 introduz essa reflexão sobre o que é ser professor no novo 
milênio: os desafios do mundo contemporâneo, ser professor na atualidade e as múltiplas compe-
tências para o novo educador.
O objetivo do Capítulo 2 é repensar a formação docente. Por isso, uma análise crítica é reali-
zada a respeito da formação continuada, do pesquisador autodidata e do professor-aluno.
Com um teor bastante prático, o Capítulo 3 descreve as novas possibilidades de atuação docen-
te, em termos de planejamento de carreira, de empreendedorismo, de marketing pessoal e networking.
No Capítulo 4, analisando-se a nova comunicação professor-aluno, a internet na sala de aula 
e a tecnologia como recurso didático, realiza-se, enfim, uma avaliação do grau de contribuição das 
tecnologias de informação e comunicação (TIC) para a educação.
As novidades tecnológicas na sala de aula são o foco do Capítulo 5, que apresenta aspectos 
como EaD, Mooc, realidade virtual e realidade aumentada.
O Capítulo 6 se ocupa de algumas inovações específicas no campo da educação, como os 
jogos educacionais, a aula invertida, o ensino híbrido e a convivência com dispositivos móveis.
O propósito do Capítulo 7 é explorar as novas competências comportamentais necessárias 
ao educador da atualidade: liderança, relacionamento interpessoal e motivação.
No Capítulo 8, são apresentadas as noções essenciais de gestão para o professor, com foco nos 
elementos de qualidade, produtividade, gerenciamento de projetos e gerenciamento de conflitos.
Reserva-se, no Capítulo 9, espaço para alguns tópicos especiais, que podem conduzir a car-
reira do professor à elevada distinção: a carreira internacional do professor, o papel do educador 
nos ecossistemas de inovação e a agência política desse profissional.
Por fim, no Capítulo 10, descrevem-se atributos primordiais para o atingimento da excelên-
cia docente - a capacidade avançada na leitura, escrita e oratória.
A expectativa é que essa obra possa contribuir com a formação de professores diferenciados, 
ainda mais competentes e que aproveitem todas as novas oportunidades ao seu alcance.
Bons estudos!
1
Ser professor no século XXI
Por que algumas pessoas se tornam professores? Ou, ainda mais importante, por que 
alguns profissionais resolvem de maneira resoluta continuar sendo professores? Afinal, defi-
nitivamente essa não é uma ocupação para qualquer um, sobretudo no panorama atual (seja 
no Brasil, seja mundo afora). A vocação para a educação é examinada pelas lentes das oportu-
nidades que se apresentam nos dias atuais, carregadas, todavia, de desafios à altura. Uma das 
mais formidáveis carreiras profissionais é, aqui, cuidadosamente analisada, em conjunto com 
as múltiplas competências a ela associadas. Afinal, uma sociedade em acelerado processo de 
transformação, em todas as instâncias, exige mais do que nunca uma geração de educadores 
de classe mundial.
1.1 Os desafios do mundo contemporâneo
De que forma mais desoladora um livro como este poderia iniciar, senão suscitando que 
máquinas inteligentes podem substituir de maneira completa os professores em sala de aula? 
Ao menos esse é o cenário anunciado por Anthony Seldon (SELDON, 2018), um dos dirigentes 
da Universidade de Buckingham, historiador que escreveu biografias de grandes nomes (como 
David Cameron e Tony Blair) e um grande estudioso da educação. Para ele, esse movimento é 
irreversível e se inicia até 2030, como parte de um novo paradigma de modelo educacional \u201cum 
para um\u201d \u2013 o máximo grau de personalização ou individualização do processo de aprendiza-
gem, com base no impressionante avanço da tecnologia de inteligência artificial.
Seldon (2018), que se diz \u201cdesesperadamente triste por isso\u201d, mas