Medicamentos 2
8 pág.

Medicamentos 2


DisciplinaEnfremagem30 materiais217 seguidores
Pré-visualização2 páginas
CLORPROMAZINA (Amplictil, Clorpromaz, Longactil)
APRESENTAÇÃO: Comprimidos de 25 mg ou 100 mg. Frascos com 20 ml (40 mg / ml) de solução (gotas). Ampolas de 5 ml (25 mg).
USO: VO e IM.
O QUE É
Antipsicótico.
PARA QUE SERVE
Psicose, esquizofrenia.
CUIDADOS DE ENFERMAGEM
1-VO:a solução oral pode causar dermatite de contato, use luvas durante o preparo. Misture com suco de frutas, leite ou alimentos semi-sólidos.
2-IM:a solução parenteral pode causar dermatite de contato, use luvas durante o seu preparo. Anteriormente à administração, monitorize a PA, administre profundamente no glúteo, massageie suavemente o local para prevenir a formação de abscessos.
DEXAMETASONA (Decadron, Duo-Decadron, Dexaden, Deamex, Dexason, Dexazen, Dexazona)
APRESENTAÇÃO: Comprimidos de 0,5 mg, 0,75 mg e 7 mg. Frascos de 100 ml ou 120 ml (0,5 mg / 5 ml) de xarope. Ampolas de 1 ml (2 mg / ml) ou 2,5 ml (4 mg / ml). Bisnagas com 10 g de creme dermatológico.
USO: VO, IM, IV e tópico (dermatológico).
O QUE É
Antiinflamatórioesteróide; antialérgico, corticosteróide; imunossupressor; glicocorticóidesintético.
PARA QUE SERVE
Choque, edema cerebral, reação alérgica.
CUIDADOS DE ENFERMAGEM
1-Recomende ao paciente que evite o consumo de álcool.
2-V.O: a medicação deve ser administrada pela manhã para obtenção de um melhor resultado; deve ser administrada com alimentos.
3-IM: administre profundamente no músculo glúteo; alterne os locais de aplicação para evitar atrofia muscular.
4-SC:o uso por esta via não é recomendado, devido ao risco de atrofia e abscesso.
DIPIRONA (Anador, Conmel, Novalgina)
APRESENTAÇÃO: Comprimidos de 320 mg e 500 mg. Frascos com 10 ml, 15 ml ou 20 ml (500 mg / ml) de solução oral (gotas). Frascos com 100 ml (50 mg / ml) de solução oral + medida graduada (2,5 ml, 5 ml, 7,5 ml e 10 ml). Supositórios com 300 mg (infantil) e 1 g (adulto). Ampolas de 1 ml, 2 ml ou 5 ml (500 mg / ml) de solução injetável.
USO: VO, IM, IV ou retal.
O QUE É
Analgésico; antitérmico.
PARA QUE SERVE
Dor, febre.
CUIDADOS DE ENFERMAGEM
1-A medicação não deve ser usada em crianças menores de 3 meses de idade ou menor de 5 Kg de peso corporal nem durante a gestação e lactação. Os diabéticos não devem receber a forma solução oral por conter açúcar.
2-Pode causar tontura e sonolência. Recomende que o paciente evite dirigir e outras atividades que requer estado de alerta.
3-EV:aplique lentamente, não adicione outras substancias na mesma seringa.
FENITOÍNA (Epelin, Fenital, Hidantal)
APRESENTAÇÕES:Cápsulas de 100 mg. Comprimidos de 100 mg. Frascos com 120 ml (100 mg / 5 ml) de suspensão oral. Ampolas de 5 ml (50 mg / 5 ml).
USO: VO, IV.
O QUE É
Anticonvulsivante, antiepiléptico, antinevrálgico.
PARA QUE SERVE
Convulsão, epilepsia, estado epiléptico, nevralgia do trigêmeo.
CUIDADOS DE ENFERMAGEM
1-VO:a medicação pode ser administrada com alimentos, para evitar desconforto GI, mas não deve ser administrada com antiácidos.
2-IM e SC: a medicação não deve ser administrada por estas vias, devido aos riscos de inflamação, dor e necrose no local da injeção.
3-IV:administre somente se estiver clara e lentamente em veia de grosso calibre. Infunda 50 mg / min. (adultos) e 1 -3 mg / Kg / min. (criança).
FENOBARBITAL (Barbitron, Fenocris, Edhanol, Gardenal)
APRESENTAÇÕES: Comprimidos de 50 mg ou 100 mg. Frascos com 20 ml (40 mg / ml) de solução oral (gotas). Ampolas de 2 ml (200 mg / ml).
USO: VO, IM, IV e SC.
O QUE É
Anticonvulsivante, sedativo, antiepiléptico.
PARA QUE SERVE
Convulsão febril (em crianças), epilepsia, hiperbilirrubinemiado recém-nascido.
CUIDADOS DE ENFERMAGEM
1-A medicação não deve ser usada durante a lactação. No caso de gravidez (confirmada ou suspeita) ou ainda, se a paciente estiver amamentando, o médico deverá ser consultado imediatamente.
2-Informe ao paciente as reações adversas mais frequentemente (constipação, diarréia, náusea, vomito, flebite) relacionadas ao uso da medicação e que diante da ocorrência de qualquer uma delas o médico deverá ser comunicado imediatamente.
3-Durante a terapia monitoriza as funções hepática, cardíaca e renal.
FUROSEMIDA (Lasix, LasixLong, Rovelan, Furosan, Furosem, Furosemide, Urasix)
APRESENTAÇÃO: Comprimidos de 40 mg. Ampolas com 2 ml (10 mg / ml) de solução injetável.
USO: VO, IM e IV.
O QUE É
Diurético, anti-hipertensivo.
PARA QUE SERVE
Edema (na ICC, cirrose do fígado, doença renal); hipertensão arterial (tratamento adjunto, com outros anti-hipertensivos).
CUIDADOS DE ENFERMAGEM
1-A medicação não deve ser usada durante a gestação ou lactação.
2-VO:a medicação deve ser administrada pela manhã e com alimentos para aumentar a excreção urinária e evitar desconforto GI.
3-IV:dilua em soro glicosado 5%; infunda lentamente em 2 -3 min.; diante qualquer alteração em sua cor, não administre; após a diluição, a droga deve ser usada dentro de 24 horas; armazene em temperatura ambiente e ao abrigo da luz, para evitar descoloração.
GLICOSE
APRESENTAÇÃO: Solução isotônica de glicose: Injetável 5% (diversos laboratórios). Solução hipertônica de glicose: Injetável 10%; injetável 25%; injetável 50% (diversos laboratórios).
O QUE É
Agente calórico.
PARA QUE SERVE
Solução isotônica de glicose a 5%: repositor de líquido. Solução hipertônica de glicose (10%, 25%, 50%): suplementação calórica por via injetável.
COMO SE USA
Uso injetável: Via intravenosa. A velocidade máxima permitida de infusão é de 0,5 g por Kg de peso corporal por hora (velocidades maiores produzem aumento de glicose).
CUIDADOS ESPECIAIS
1-Não usar o produto nas seguintes condições: alergia ao milho, coma diabético, desidratação, hemorragia intracraniana ou intraespinhal, nível de glicose no sangue igual a 250 mg/dl por 3 dias.
HALOPERIDOL (Haldol, HaldolDecanoato, Halo)
APRESENTAÇÕES: Comprimidos de 1 mg, 5 mg ou 10 mg. Frascos conta -gotas com 20 ml (2 mg / ml) de solução oral (gotas). Ampolas com 1 ml (5 mg / ml) de solução injetável.
USO: VO, IM e IV.
O QUE É
Antipisicótico.
PARA QUE SERVE
Controle de tiques, distúrbio de comportamento não psicótico, psicose.
CUIDADOS DE ENFERMAGEM
1-VO:a medicação deve ser administrada sem diluir, mas, conforme necessário dilua em, pelo menos 60 ml de líquido (exceto café ou chá). Deve ser administrada com alimentos ou com um copo cheio de água ou leite para minimizar a irritação GI.
2-IM: injete lentamente em músculo bem desenvolvido, não exceda 3 ml em cada local de aplicação. A droga pode apresentar cor amarela suave, o que não indica alteração de sua potência.
3-IV direta: a droga pode ser administrada não diluída para o rápido controle de psicoses agudas ou delírios. Intermitente:dilua em 30 -50 ml de soro glicosado 5%, infunda além de 30 minutos.
HIDROCORTIZONA (Cortizol, Flebocortid)
APRESENTAÇÃO: Frascos -ampolas com 100 mg ou 500 mg de pó liofilizado para solução injetável (IM ou IV) + ampolas diluentes.
USO: IM e IV.
O QUE É
Antiinflamatórioesteróide, imunossupressor, cortisol.
PARA QUE SERVE
Asma brônquica, edema angioneurótico, inflamação grave, pênfigo, reação alérgica grave.
CUIDADOS DE ENFERMAGEM
1. Os glicocorticóidescausam imunossupressão e podem mascarar os sintomas de infecção. Recomende ao paciente que evite multidões e o contato com pessoas com doenças contagiosas.
2. Antes de administração mantenha prontamente disponíveis equipamentos de reanimação, os medicamentos indicados e pessoal treinado (risco de convulsões, anafilaxia ou arritmias).
3. IV direta: reconstitua com o diluente próprio ou em 2 ml de água bacteriostática ou salina para injeção. Contínua: adicione a 50 -1000 ml de soros fisiológico 0,9% ou glicosado 5% as soluções diluídas devem ser usadas dentro de 24 horas.
ISOSSORBIDA (Isocord, Isordil)
APRESENTAÇÕES: Cápsulas de 20 mg e 40 mg. Comprimidos de 5 mg e 10 mg. Comprimidos sublingual de 2,5 mg e 5 mg.
USO: VO e SL.
O QUE É
Antianginoso [nitrato].
PARA QUE SERVE
Angina do peito (crise aguda), angina do peito (prevenção).
CUIDADOS DE ENFERMAGEM
1-Recomende que o paciente