avaliando aprendizado
3 pág.

avaliando aprendizado


DisciplinaCivil 2761 materiais1.272 seguidores
Pré-visualização1 página
1a Questão (Ref.:201703421279)
	Acerto: 0,2  / 0,2
	São elementos da obrigação
		
	
	As partes: sujeito ativo e passivo da obrigação e os atos ilícitos.
	 
	As partes: sujeito ativo denominado credor e passivo denominado devedor e o objeto que pode se constituir em obrigação de dar, fazer ou não fazer.
	
	As partes: sujeito ativo e passivo da obrigação.
	
	As partes: sujeito ativo e passivo da obrigação e a sua manifestação de vontade.
	
	As partes: sujeito ativo denominado devedor e passivo denominado credor.
	
	
	
	2a Questão (Ref.:201703420164)
	Acerto: 0,2  / 0,2
	Marque a alternativa correta. O direito das obrigações emprega o vocábulo obrigação no sentido técnico-jurídico de:
		
	
	qualquer dever jurídico preexistente
	
	qualquer espécie de vínculo ou de sujeição da pessoa
	
	dever jurídico sucessivo, decorrente da violação de um dever jurídico originário
	 
	vínculo jurídico de conteúdo patrimonial, que se estabelece de pessoa a pessoa, colocando-as, uma em face da outra, como credora e devedora
	
	submissão a uma regra de conduta, cuja autoridade é reconhecida ou forçosamente se impõe
	
	
	
	3a Questão (Ref.:201703420714)
	Acerto: 0,0  / 0,2
	A respeito das Obrigações considere: I. Nas obrigações de dar coisa certa, os frutos percebidos são do devedor, cabendo ao credor os pendentes. II. Nas obrigações de dar coisa incerta, antes da escolha, não poderá o devedor alegar perda ou deterioração da coisa, ainda que por força maior ou caso fortuito. III. Nas obrigações de fazer, se a prestação do fato tornar-se impossível sem culpa do devedor, resolver-se-á a obrigação. IV. Em regra, nas obrigações de dar coisa incerta, determinadas pelo gênero e pela quantidade, a escolha pertence ao credor. De acordo com o Código Civil brasileiro, está correto o que consta APENAS em:
		
	
	III e IV.
	 
	II, III e IV.
	
	I, II e IV.
	 
	I, II e III.
	
	I e III.
	
	
	
	4a Questão (Ref.:201703420203)
	Acerto: 0,2  / 0,2
	Examinando o conceito de obrigação formulado pelos autores, é correto dizer:
		
	
	é um direito subjetivo absoluto porque trata das relações que se estabelecem entre as pessoas sobre uma coisa (ius in re), e todas as demais pessoas ficam sujeitas a respeitá-lo
	
	é um direito subjetivo relativo porque permite a uma pessoa exigir a prática de certa conduta de toda a comunidade erga omnes
	
	é um direito subjetivo absoluto de uma pessoa impor à coletividade que respeite o seu nome, a honra e a dignidade
	 
	é um direito subjetivo relativo porque é o poder de uma pessoa de exigir de outra a prática de certo comportamento em decorrência de um fato específico
	
	é um direito subjetivo absoluto porque permite a uma pessoa exigir de outra certo comportamento;
	
	
	
	5a Questão (Ref.:201703420309)
	Acerto: 0,2  / 0,2
	Nas obrigações de dar coisa
		
	
	certa, os acessórios dela não mencionados não estão abrangidos pela obrigação, salvo se o contrário resultar do título ou das circunstâncias do caso.
	
	certa, deteriorada a coisa, não sendo o devedor culpado, o credor deverá aceitar a coisa, abatido de seu preço o valor que perdeu, não podendo resolver a obrigação.
	
	incerta, nas coisas determinadas pelo gênero e pela quantidade, a escolha pertence ao credor, se o contrário não resultar do título da obrigação.
	
	certa, até a tradição pertence ao devedor a coisa, com os seus melhoramentos e acrescidos, pelos quais não poderá exigir aumento no preço.
	 
	incerta, antes da escolha, não poderá o devedor alegar perda ou deterioração da coisa, ainda que por força maior ou caso fortuito.
	
	
	
	6a Questão (Ref.:201703420205)
	Acerto: 0,2  / 0,2
	João pagou a José R$ 450,00 pela aquisição de um Cocker Spaniel inglês macho, malhado em preto e branco. A entrega foi designada para o dia seguinte, pois o animal teria de ser vacinado, além de limpo e escovado. Ao tempo avençado, o comprador retornou para buscá-lo quando, infelizmente, soube que, por engano, foi entregue a outrem. A loja, para não ser inadimplente, ofereceu entregá-lo o cão mais caro e raro do seu estoque. Diante disso, pode-se dizer que a obrigação civil foi cumprida por ambas as partes? Marque a opção correta.
		
	
	Como se trata de obrigação de fazer, poderá o credor demandar que outro o faça em lugar do devedor à custa deste.
	
	Sim, pois não existe invalidade onde não há prejuízo.
	
	Sim, visto se tratar de obrigação de dar coisa incerta e, como não se avençou diferente, a concentração cabe ao devedor.
	
	Desde que a coisa entregue seja do mesmo gênero, haverá cumprimento da obrigação.
	 
	Não, na medida em que o credor não é obrigado a aceitar coisa diversa, ainda que mais valiosa.
	
	
	
	7a Questão (Ref.:201703421043)
	Acerto: 0,2  / 0,2
	Com relação às obrigações naturais, podemos afirmar que é judicialmente:
		
	
	exigível, exceto se o devedor for incapaz;
	 
	inexigível, mas se for paga, não comporta repetição;
	
	inexigível e se for paga comporta repetição, independentemente de comprovação de erro no pagamento;
	
	exigível e só comporta repetição se for paga por erro;
	
	exigível e em nenhuma hipótese comporta repetição;
	
	
	
	8a Questão (Ref.:201703420782)
	Acerto: 0,2  / 0,2
	A obrigação natural:
		
	
	É instituto afeto exclusivamente ao Direito de Família, não podendo ser sujeitos passivos das obrigações naturais os absolutamente incapazes.
	
	É instituto afeto exclusivamente ao Direito de Família, podendo ser sujeitos passivos das obrigações naturais os absolutamente incapazes.
	 
	Seu credor não tem ação, sendo desprovida de exigibilidade.
	
	É considerada ilícita no Direito Civil.
	
	Se paga pelo devedor, pode ser repetida.
	
	
	
	9a Questão (Ref.:201703420780)
	Acerto: 0,2  / 0,2
	(FGV - 2014) Em relação às obrigações de dar coisa certa, assinale a afirmativa incorreta.
		
	
	Em caso de deterioração da coisa e não havendo culpa do devedor, o credor poderá resolver a obrigação, ou aceitar a coisa, abatido de seu preço o valor que perdeu.
	
	Em caso de perda da coisa por culpa do devedor, este responderá pelo equivalente, mais perdas e danos.
	 
	A obrigação de dar coisa certa não abrange os acessórios dela, salvo se o contrário resultar do título ou das circunstâncias do caso.
	
	A coisa pertence ao devedor até a tradição e este poderá exigir aumento do preço em caso de melhoramentos e acrescidos.
	
	Nos casos de obrigação de restituição de coisa certa, ocorrendo a perda da coisa antes da tradição, sem culpa do devedor, sofrerá o credor a perda e a obrigação se resolverá, ressalvados os seus direitos até o dia da perda.
	
	
	
	10a Questão (Ref.:201703420314)
	Acerto: 0,2  / 0,2
	Luciana dirige-se à cantina da faculdade e compra um refrigerante. O pagamento é feito instantaneamente e o produto entregue a seguir. Pode-se afirmar que esta obrigação é:
		
	
	natural, de dar, líquida, simples, momentânea, indivisível e principal.
	
	civil, de fazer, líquida, complexa, momentânea, divisível e principal.
	
	moral, de dar, líquida, complexa, periódica, divisível e acessória.
	
	natural, de fazer, ilíquida, complexa, periódica, indivisível e acessória.
	 
	civil, de dar, líquida, simples, momentânea, indivisível e principal.