Relatório    Massa Mola   Incompleto
4 pág.

Relatório Massa Mola Incompleto


Disciplina<strong>fisica Experimental</strong> To2 materiais4 seguidores
Pré-visualização1 página
UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO
COLEGIADO DE ENGENHARIA ELÉTRICA
	
RELATÓRIO DE FÍSICA EXPERIMENTAl ii:
SISTEMA MASSA-MOLA
Juazeiro - BA
2019
INTRODUÇÃO
O experimento realizado no laboratório baseou-se no estudo de oscilações sendo aquela classe de movimento que se repete no tempo, quer seja de uma maneira ordenada ou não. O movimento se repete regularmente com o passar do tempo é chamado de periódico e o intervalo decorrente entre duas situações equivalentes é o período do movimento.
Dentre o estudo de oscilações há o Movimento Harmônico Simples, sendo um dos mais importantes, devido a sua aplicabilidade. No estudo do Movimento Harmônico Simples consideramos apenas o caso unidimensional, onde a posição de um corpo em relação à posição de equilíbrio é dada por uma expressão do tipo: 
x(t) = A cos(\u3c9 t + \u3c6) (1)
onde A é amplitude do movimento, \u3c6 é fase e \u3c90 é a frequência natural ou frequência de ressonância do sistema. A e \u3c6 dependem das condições iniciais do movimento enquanto que \u3c90 é uma grandeza intrínseca ao sistema, que está relacionada com o período pela expressão:
\ud835\udf140 = = 2\ud835\udf0b\u284 (2)
onde \u284= é a frequência em Hertz(Hz) e \ud835\udf140 tem dimensões de rad/s.
	Um dos sistemas mais simples que constitui um oscilador harmônico é o Sistema Massa-Mola. Sendo a equação dada por: 
 (3)
Chamando ficamos com a equação do MHS:
 (4) 
A Lei de Hooke é uma lei de física que está relacionada à elasticidade de corpos e também serve para calcular a deformação causada pela força que é exercida sobre um corpo, sendo que tal força é igual ao deslocamento da massa partindo do seu ponto de equilíbrio multiplicada pela constante da mola ou de tal corpo que virá a sofrer tal deformação.
 (5)
OBJETIVOS
Levar o estudante a compreender que um sistema massa-mola segue as leis que regem o Movimento Harmônico Simples.
Obter o valor da constante elástica de uma mola.
MATERIAIS E MÉTODOS
CONCLUSÕES
A partir do uso da compreensão do sistema massa mola aplicando-se a 2 lei de Newton, e usando o movimento harmônico simples foi possível realizar e expressar de forma quase teórica, como uma mola se comporta em relação a uma massa disposta sobre ela. Também foi possível comprovar que dado uma massa e uma mola é possível obter experimentalmente um valor de uma constante K.
REFERÊNCIAS
 [1] HALLIDAY, David; RESNICK, Robert; WALKER, Jearl. Fundamentos de física \u2013 Vol 2. 8. ed. Rio de Janeiro, RJ: LTC, c2009.