A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Introdução Odonto RESUMO

Pré-visualização | Página 1 de 1

Paola Luiz Casteler 
 
INTRODUÇÃO A ODONTOLOGIA 
 
Estrutura do dente: 
 Parte externa: coroa 
 Parte interna: raiz – cemento(externa) e dentina (interna) 
Dentina: Odontoblasto produz 
Cemento: Cementoblasto 
Esmalte: Ameloblasto 
 
ESMALTE 
 Único tecido que NÃO regenera 
 Ácido corrói o cálcio 
 Logo após a eclosão dos dentes, os ameloblastos morrem, não havendo mais 
formação 
o Quem tem ameloblasto, ainda tem dente pra nascer 
 Quanto mais longo o canino, maior quantidade de esmalte 
 
DENTINA: 
 Tratamento de canal mata os odontoblastos 
 Os odontoblastos continuam produzindo dentina, é possível estimar a faixa de 
idade de uma pessoa assim 
 
POLPA DENTÁRIA/ CÂMARA PULPAR: 
 Parte oca, porém não vazia. Grande quantidade de vasos sanguíneos 
o O dente é vivo 
 Diminui conforme é produzida a dentina 
 
DENTE: 
 Triturar, capturar alimentos, precisa de sensibilidade. Algumas doenças como a 
gengivite, podem aumentar a sensibilidade 
Paola Luiz Casteler 
 
 Remodelação com aparelho: Produção de osso de um lado e a degradação de 
outro, mas a raiz não mexe, por isso demora 
 Os dentes são presos ao osso maxilar e mandibular por meio de ligamentos, 
que podem ser rompidos devido a pancadas. Por isso ficam moles 
o Ligamentos se regeneram 
 
CARIE: 
 Bactérias anaeróbicas ficam nas frestas dos dentes, se alimentam de açúcar (o 
degradam na glicólise) e geram ácido lático, que baixa o ph da região. O ácido 
lático corrói o esmalte do dente, aumentando a fresta e acumulando mais 
alimentos e bactérias 
 A lesão pode comprometer apenas o esmalte, ou atingir a dentina 
 Se a bactéria entra na câmara pulpar, começa uma reação inflamatória e alta 
proliferação de bactérias 
 Necrose da polpa: morte dos vasos, odontoblastos e sistema nervoso local 
 Inflamação -> Pressão -> Dor 
 Antiinflamatório precisa chegar pela corrente sanguínea, mas ali não tem 
vasos, então não adianta 
 Solução: fazer um buraquinho, tirar a pressão para aliviar a dor, fazer 
tratamento de canal (retirada da polpa, preenche com resina e veda) 
 A polpa infeccionada ou morta pode formar pus na raiz dentro do osso, 
formando um abcesso. O abcesso pode destruir o osso que circunda o dente, 
causando a dor.