MANUAL DE PETIÇÕES
48 pág.

MANUAL DE PETIÇÕES


DisciplinaDireito Civil I53.140 materiais612.049 seguidores
Pré-visualização14 páginas
ARQUIVO ORIGINAL: N.P.J. DO CENTRO UNIVERSITÁRIO FRANCISCANO 
DISPONIBILIZAÇÃO ORIGINAL: PORTAL JURÍDICO DO TOCANTINS 
(www.justocantins.com.br) 
1 
ATUALIZAÇÃO DO ARQUIVO: JONATHAN DELLI COLLI (OAB/SP 423.919) 
MANUAL DE PETIÇÕES \u2013 AÇÕES E PROCEDIMENTOS 
!!! ATUALIZADO COM O NOVO CPC e + AÇÕES !!! 
SUMÁRIO 
1. Petição inicial .................................................................................. 02 
2. Contestação .................................................................................... 03 
3. Reconvenção .................................................................................. 04 
4. Reclamação trabalhista .................................................................... 04 
5. Adoção ........................................................................................... 05 
6. Modificação de guarda ..................................................................... 07 
7. Declaratória de maternidade/paternidade ......................................... 09 
8. Investigação de paternidade ............................................................ 10 
9. Destituição do poder familiar ........................................................... 12 
10. Busca e apreensão de menor ......................................................... 13 
11. Ação de alimentos ........................................................................ 14 
12. Execução de alimentos .................................................................. 17 
13. Exoneração de alimentos ............................................................... 18 
14. Revisional de alimentos .................................................................. 20 
15. Oferta de alimentos ....................................................................... 21 
16. Alvará judicial ................................................................................ 23 
17. Divórcio consensual/administrativo .................................................. 24 
18. Divórcio litigioso ............................................................................ 24 
19. Reconhecimento/dissolução de união estável ................................... 25 
20. Inventário e partilha ....................................................................... 27 
21. Cumprimento de sentença ............................................................... 28 
22. Execução ....................................................................................... 29 
23. Embargos à execução ..................................................................... 30 
24. Interdição ...................................................................................... 31 
25. Reintegração de posse .................................................................... 33 
26. Manutenção de posse ..................................................................... 34 
27. Interdito proibitório ........................................................................ 36 
28. Usucapião de bens imóveis .............................................................. 38 
29. Retificação de registro público .......................................................... 39 
30. Registro de óbito tardio ................................................................... 40 
31. Consignação em pagamento ............................................................ 41 
32. Ação de exigir contas ...................................................................... 42 
33. Embargos de terceiro ...................................................................... 43 
34. Ação monitória ............................................................................... 44 
35. Representação criminal ................................................................... 45 
36. Queixa-crime .................................................................................. 47 
ARQUIVO ORIGINAL: N.P.J. DO CENTRO UNIVERSITÁRIO FRANCISCANO 
DISPONIBILIZAÇÃO ORIGINAL: PORTAL JURÍDICO DO TOCANTINS 
(www.justocantins.com.br) 
2 
ATUALIZAÇÃO DO ARQUIVO: JONATHAN DELLI COLLI (OAB/SP 423.919) 
PETIÇÃO INICIAL 
1. CABIMENTO: A petição inicial é a peça processual que dá início à de-
manda judicial, onde o autor expressa os fatos do ocorrido, seu direito e 
seus pedidos contra o réu. A petição inicial \u2013 geralmente \u2013 leva o nome da 
ação correspondente ao direito pleiteado pelo autor (ex: autor tem o direito 
de ser indenizado \u2013 \u201cação de indenização\u201d). 
2. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: as normas jurídicas disciplinadoras das 
ações cíveis estão distribuídas em leis esparsas, no Código Civil, no CDC, 
no CPC, etc. Inicialmente, deve-se atentar ao disposto nos arts. 319 e se-
guintes do CPC, que trata dos requisitos indispensáveis da exordial. 
3. VALOR DA CAUSA: O valor da causa deve corresponder ao do pedido, 
ou da somatória dos pedidos, de conformidade com o que dispõe os arts. 
291 e seguintes do CPC. 
OBS: As causas cujo valor não excedam 20 salários mínimos poderão ser 
propostas no Juizado Especial Cível (com ou sem advogado \u2013 observando 
as exceções do art. 6º da lei 9.099/95), enquanto que as de até 40 salários 
mínimos também poderão ser propostas no JEC, mas com a obrigatorie-
dade de representação pelo advogado. As custas em primeiro grau no JEC 
são gratuitas. 
OBS: observar o regramento sobre a gratuidade de justiça (para a justiça 
comum), que estão dispostas a partir do art. 98 do CPC. 
OBS: o autor deve expressar já na inicial se tem interesse na realização 
ou não da audiência de conciliação ou mediação (art. 319, VII/CPC). 
4. ROL DE DOCUMENTOS: Solicitar sempre duas vias fotocopiadas de 
cada documento, frente e verso. 
1. Procuração (está elaborada pelo advogado, em apenas uma via); 
2. Declaração de Insuficiência Financeira (para pedido de GJ); 
3. Carteira de Identidade; 
4. CPF; 
5. Comprovante de residência; 
6. Certidão de casamento/nascimento do cliente; 
7. Comprovante de renda do cliente. 
8. Qualificação completa do requerido; (art. 319, II/CPC); 
9. Fatos, fundamentos, pedidos e valor da causa (art. 319, III, IV e V/CPC); 
10. Rol de testemunhas; 
ARQUIVO ORIGINAL: N.P.J. DO CENTRO UNIVERSITÁRIO FRANCISCANO 
DISPONIBILIZAÇÃO ORIGINAL: PORTAL JURÍDICO DO TOCANTINS 
(www.justocantins.com.br) 
3 
ATUALIZAÇÃO DO ARQUIVO: JONATHAN DELLI COLLI (OAB/SP 423.919) 
11. Provas que demonstrem o direito alegado pelo autor (art. 319, VI, art. 
369 e seguintes do CPC e ... do CC). 
 
CONTESTAÇÃO 
1. CABIMENTO: Contestação é o instrumento de defesa no qual o réu 
expõe as razões de fato e de direito com que impugna o pedido do autor 
e especifica as provas que pretende produzir (CPC, art. 335), em atenção 
ao princípio do contraditório, no do prazo de 15 dias. 
2. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Código de Processo Civil, arts. 335 a 341. 
3. ENTREVISTA: 
\uf0b7 Os fatos a serem levantados dependem de cada ação. Quando o 
cliente se apresentar alegando que foi citado, verificar se consta do 
mandado de citação, uma cópia da inicial. A partir das informações 
constantes da petição inicial, perquirir o cliente quanto aos fatos ale-
gados. 
\uf0b7 Os fatos ocorreram da forma que o autor alega? São verdadeiros? 
\uf0b7 Qual é a versão do cliente? 
\uf0b7 Existe fundamento fático ao que está sendo pleiteado pelo autor? 
\uf0b7 Como pretende o cliente provar os fatos que alega? 
\uf0b7 Há testemunhas que têm conhecimento dos fatos? 
\uf0b7 O cliente se opõe ao pedido do autor? 
\uf0b7 Quando e de que forma foi citado? 
\uf0b7 Existe ou já existiu alguma ação que tinha ou teve o mesmo objeto 
da presente? 
\uf0b7 O autor da ação é o verdadeiro titular do direito alegado? (legitimi-
dade); 
\uf0b7 Verificar ainda se existem